• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
https://doi.org/10.11606/D.11.2019.tde-20191218-170709
Documento
Autor
Nome completo
Neli Marisa Azevedo Silva
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 1987
Orientador
Título em português
Efeito relativo do superfosfato triplo e do termofosfato sobre a produção e qualidade nutritiva do sorgo sacarino (Sorghum bicolor (L.) Moench)
Palavras-chave em português
SUPERFOSFATO TRIPLO
GRANULOMETRIA
PRODUÇÃO
QUALIDADE
SORGO AÇUCAREIRO
TERMOFOSFATO
VALOR NUTRITIVO
Resumo em português
O presente trabalho foi conduzido em um Latossol Vermelho Escuro, distrófico, argiloso, localizado no Centro Intraunidade de Zootecnia e Indústrias Pecuárias "Fernando Costa"- FMVZ/USP, Pirassununga, São Paulo. O objetivo foi obter mais informações sobre a produção e o valor nutritivo do sorgo sacarino (Sorghum bicolor (L.) Moench) na nutrição animal, bem como, comparar o desempenho do termofosfato em três diferentes granulometrias em relação ao superfosfato triplo. O experimento foi desenvolvido em condições de campo, utilizando-se o termofosfato magnesiano (Yoorin) e o superfosfato triplo, ambos nas doses de 60 e 120 kg de P2O5/ha. Foram realizadas determinações da produção de matéria seca e dos macronutrientes. Com base nos resultados obtidos, concluiu-se que: a) para o sorgo sacarino é indiferente se a fonte de fósforo utilizada é um fosfato acidulado, como o superfosfato triplo ou, é de origem térmica, como o termofosfato magnesiano, quando se visa a produção de matéria seca e a qualidade nutritiva de sua composição mineral para a nutrição animal; b) não há diferenças quanto ao termofosfato acabado, semi-acabado e grosso, na produção de matéria seca e nas qualidades nutricionais do sorgo sacarino
Título em inglês
Relative effect of triple superphosphate and thermphosphate on the yield and nutritive quality of sweet sorghum (Sorghum bicolor (L.) Moench)
Resumo em inglês
This work was done on a Dark-Red Latosol, distrophic, clayey, occurring at the "Centro Intraunidade de Zootecnia e Indústrias Pecuárias "Fernando Costa" - FMVZ/USP", located in Pirassununga, SP. Its main objectives were to obtain more information about the production and nutritive value of sweet sorghum (Sorghum bicolor (L.) Moench) as an animal feedstuff as well as to ascertain the relative effect of three grades of thermphosphate as compared to that of triple superphosphate as source of P for sorghum. The study was conducted as a field experiment using magnesium thermphosphate (Yoorin) and triple superphosphate both at the rates of 60 and 120 kg/ha of P2O5. Sweet sorghum yield (recorded as dry matter weight) and macronutrient content were the main data collected and analysed leading to the following conclusions: a) dry matter yield and nutritive value of sorghum is not affected by the source of phosphorus, whether acidulated or of thermic origin; b) grade of thermphosphate and liming no effect on the yield and nutrient content of sweet sorghum
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2019-12-19
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2022. Todos os direitos reservados.