• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
https://doi.org/10.11606/T.11.2019.tde-20191220-105019
Documento
Autor
Nome completo
José Carlos Chitolina
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 1982
Orientador
Título em português
Contribuição de alguns fatores nos resultados da análise química de terra e seus efeitos nas recomendações de adubação e calagem
Palavras-chave em português
ADUBAÇÃO
ANÁLISE DO SOLO
CALAGEM
QUÍMICA DO SOLO
Resumo em português
O presente trabalho foi realizado tendo por finalidades: a) estimar a variabilidade de algumas características químicas quando se procede à amostragem casualizada para a formação de amostras compostas de um número variável de amostras simples, em áreas de aparência homogênea, de dois diferentes grandes grupos de solos; b) avaliar o número de amostras necessárias para se estimar a fertilidade média; c) verificar a variação nas recomendações de adubação e calagem para algumas culturas através dos resultados obtidos de análise de mostras selecionadas por diferentes processos de amostragem; d) verificar a influência da embalagem, secagem, e armazenamento nos resultados da análise; e) avaliar a variabilidade de resultados entre laboratórios de análise de terra; f) verificar a variação nas recomendações de adubação e calagem para algumas culturas em amostrasde terra analisadas por diferentes laboratórios. Para isso, fizeram-se três experimentos: a) amostragem; b) embalagem, secagem e armazenamento e c) programa interlaboratorial. Baseando-se em critérios previamente estabelecidos, selecionaram-se duas áreas de 10 hectares, no Município de Botucatu - SP, cujos solos corresponderam a Terra Roxa Estruturada (TE) e Latossol Vermelho Escuro - fase arenosa (LEa). No estudo de amostragem, demarcaram-se as áreas segundo uma rede de prospecção de 70,70 m de malha, coletando-se amostras superficiais (0-20 cm) das sub-áreas, que foram misturadas, formando cinco tipos de amostras compostas. Para os outros experimentos coletaram-se, aproximadamente 100 kg de terra de um único ponto, à profundidade de 0-20 cm. Após homogeneização, embalaram-se amostras em caixas de papelão e sacos de polietileno, armazenando-as por 1, 2, 4, 8, 16 e 32 dias. Após cada período de armazenamento, as amostras foram secas ao ar e em estufa a 60°C. Remeteram-se outras amostras para 13 laboratórios de análise química de terra. Mediante o emprego de estatística, estimou-se a variabilidade das características matéria orgânica, pH, alumínio, cálcio, magnésio, potássio e fósforo, a diferença entre os tipos de amostras compostas e entre os laboratórios, o número de amostras para estimar-se a fertilidade média das areas, a influência da embalagem, secagem e armazenamento sobre os resultados da análise química e as diferenças nos resultados analíticos entre laboratórios. Com os resultados analíticos, recomendações de fertilizantes e de calagem, baseados no Boletim nº 209 do IAC, foram feitas e comparadas dentro de cada experimento. Os resultados permitiram chegar as seguintes conclusões: - as características químicas matéria orgânica, pH, alumínio, cálcio, magnésio, potássio e fósforo foram consideradas estatisticamente semelhantes para os cinco tipos de amostras compostas, para áreas de 10 hectares dos dois solos. Com respeito à variabilidade verificou-se que, geralmente, os resultados eram mais precisos quanto maior o número de amostras simples que formavam a composta; - para se estimar a fertilidade média, bastam 2 e 3 amostras compostas de 20 simples, respectivamente, para a TE e o LEa, em áreas de 10 hectares; - as recomendações de adubações fosfatada e potássica foram uniformes para o algodão, cana-de-açúcar e milho, em relação aos resultados dos cinco tipos de amostras compostas. Entretanto, as recomendações de calagem foram variáveis para cada cultura, demonstrando que a variabilidade dos resultados se refletiu com maior intensidade nestas recomendações; - a secagem ao ar e em estufa a 60°C determinou variações nos resultados analíticos para o pH e fósforo. A embalagem não influiu nos resultados, ao passo que o armazenamento apresentou influência para o fósforo; - para os 13 laboratórios participantes do programa interlaboratorial houve grupos de laboratórios cujos resultados analíticos, para uma mesma amostra de terra, foram considerados estatisticamente diferentes; as recomendações de adubações fosfatada e potássica, baseadas nos resultados dos laboratórios, foram diferentes entre grupos de laboratórios na TE, para o algodão, cana-de-açúcar e milho. Entretanto, no LEa as recomendações foram, praticamente uniformes. Neste solo, a variabilidade dos resultados se refletiu com maior intensidade nas recomendações de calagem; - foi possível identificar qual ou quais determinações químicas poderiam estar provocando recomendações diferentes para um determinado laboratório em relação às recomendações de maioria dos laboratórios, utilizando-se critério agronômico de recomendação e critério estatístico de diferenças entre laboratórios.
Título em inglês
Contribution of some factors in the results of soil chemical analysis and its effects in both fertilizing and liming recommendations
Resumo em inglês
The present research was made with the followings purposes: a) to estimate the variability of some chemical characteristics on simple soil samples taken to constitute composite samples, in areas of homogeneous appearance, of two groups of soils; b) to evaluate the average number of samples to estimate the mean fertility levels of the soil; c) to verify the range of variation on liming and fertilizing recommendations, for several crops, based upon soil analysis selected by different process of sampling; d) to verify the influence of the soil samples packing, drying and storage on analysis results; e) to evaluate the variability of the results get among several laboratories; f) to verify the variations on liming and fertilizing recommendations based on soil sample analysis from different laboratories. For this, three experiments were set out: a) sampling, b) packing, drying and storage and c) interlaboratory program. Two areas of 10 ha each were selected in Botucatu, São Paulo, Brazil corresponding to two soil types: Brown Earth and Dark Red B Latosolic - sand phase and stratified simple samples were taken and mixed to constitute five types of composite samples. Samples were taken at 0-20 cm deepth. For the other two experirnents 100 kg of soil was colected in a single place at 0-20 cm deepth. After homogenization, samples were packed in card boxes or in poliethylene bags and stored for 1, 2, 4, 8, 16 and 32 days. After each storage period, samples were dried in the air or at 60ºC. Soil samples were send to 13 laboratories to proceed the chemical analysis. The following characteristics were evaluated: The variability on organic matter percentage, pH, aluminum, calcium, magnesium, potassium and phosphorus content in each soil type in the sampled area; - The differences among the five types of composite samples; - The necessary samples number to estimate the mean fertility level of the areas; - The influence of packing, drying and storage on the soil chemical analysis results; - The differences on the analytical results among laboratorie. With the analytical results, fertilizing and liming recommendations, based on Bulletin of IAC nº 209 were made and compared within each experiment. The following conclusions can be drawn: - No statistical differences were noticed among five different types of composite soil samples, for both soil types, as far as organic matter percentage, pH, calcium, magnesium, potassium and phosphorus content are concerned. - The most precise results were get when a high number of simple samples were taken to form the composite sample. - To estimate the mean fertility levels for the area size considered 2 composite samples for Brown Earth and 3 for Dark Red B Latosolic - sand phase of 20 simple samples are enough. - Phosphatic and potassic fertilizer recommendations were uniform for cotton, sugar cane and corn, in relation to the five types of composite soil samples tested. Recommendations for liming were variable. Drying soil samples in the air or at 60°C, determined variations among pH and phosphorus contents of the samples. The results were not influenced by soil backing method,however, storage method influenced phosphorus content in the samples. - There were some groups, among the 13 laboratories tested, whose analysis for the sarne soil sample showed offstatistical differences. - Phosphatic and potassic fertilizer recommendations of different groups of laboratories were different for cotton, sugar cane and corn when Brown Earth was analysed. For the analysis of Dark Red B Latosolic - sand phase recommenda-tions were uniform. Some variation was noticed, however, among liming recommendations. - It is possible to identify what chemical determination may promote different fertilizer recommendations for a particular laboratory in relation to the average recommendation.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2019-12-20
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.