• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
https://doi.org/10.11606/T.11.2019.tde-20191220-105821
Documento
Autor
Nome completo
Durval Dourado Neto
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 1992
Orientador
Título em português
Previsão do rendimento da cultura de feijão (Phaseolus vulgaris L.)
Palavras-chave em português
FEIJÃO
MODELOS DE PREVISÃO
RENDIMENTO
Resumo em português
Com o objetivo de apresentar uma metodologia de previsão do rendimento para cultura de feijão, desenvolveu-se um modelo universal onde são considerados o solo, a planta e a atmosfera conjuntamente. Para sua utilização é necessário conhecer capacidade de campo, ponto de murchamento permanente, profundidade efetiva do sistema radicular, análise química do solo, duração dos estádios de desenvolvimento e coeficiente de cultura, índice de área foliar, latitude, insolação, temperatura média do ar, umidade relativa, velocidade do vento e evaporação do Tanque Classe A. Foram estimados os déficits e os excedentes hídricos utilizando o procedimento para realização do balanço hídrico proposto por Thornthwaite & Mather, considerando a profundidade efetiva do sistema radicular variando segundo três tipos básicos de curva de crescimento: sigmoidal (com três variações), potencial e linear, além de estimar a armazenagem por três diferentes procedimentos. Verificou-se, em função dos resultados de estimativa do teor de água e do rendimento da cultura de feijão, que não houve diferença entre os métodos utilizados. Constatou-se que a não consideração do efeito dos atributos químicos do solo leva à superestimativa de rendimento. Concluiu-se que o modelo universal e utilizável para o que foi proposto.
Título em inglês
Prediction of yield of common bean (Phaseolus vulgaris L.)
Resumo em inglês
With the purpose to present a model for the prediction of yield of common bean, a universal model was developed in which the different phases of the agricultural system (soil-plant-atmosphere) are considered. The following input data are requested by the model: field capacity, permanent wilting point, effective rooting depth, data from chemical soil analysis, duration of the development stages, crop coefficient, leaf area index, latitude, insolation, mean air temperature, relative humidity, wind speed and Class A pan evaporation. The water deficits and excesses were estimated using the procedure for the calculation of the water balance proposed by Thornthwaite & Mather, considering that root growth occurs following three basic types of curves: a sigmoid (with three variations), a potential and a linear equation, the soil water storage being estimated by three different methods. Considering the results of the soil water and the bean yield estimates, it was verified that there was no difference between the methods. It was observed that non-consideration of the effect of the chemical attributes relative to the soil leads to a yield superestimation. It was concluded that the universal model is applicable for its purpose.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
DouradoNetoDurval.pdf (22.19 Mbytes)
Data de Publicação
2019-12-20
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.