• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
https://doi.org/10.11606/T.11.2020.tde-20200111-143043
Documento
Autor
Nome completo
Zelson Tenorio
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 1981
Orientador
Título em português
Crescimento e concentração de nutrientes e de sódio em Vigna sinensis (L.) Endl. “Seridó” cultivada em solução nutritiva com variação no fornecimento de potássio, cálcio, magnésio e sódio
Palavras-chave em português
CÁLCIO
CAUPI
CRESCIMENTO VEGETAL
MAGNÉSIO
POTÁSSIO
SÓDIO
SOLUÇÃO NUTRITIVA
TEOR DE NUTRIENTES
Resumo em português
Plantas de Vigna sinensis (L.) Endl. “Seridó”, foram cultivadas em casa de vegetação da Escola Superior de Agricultura “Luiz de Queiroz”, Piracicaba (SP), em quartzo moído, irrigadas com soluções nutritivas conforme SARRUGE (1975), com o objetivo de identificar as inter-relações potássio, cálcio, magnésio e sódio na produção de matéria seca das plantas e de determinar a dependência entre a acumulação dos nutrientes e do sódio nas plantas e os tratamentos propostos. O delineamento experimental foi um fatorial 34, estudando-se o potássio, cálcio, magnésio e sódio nas concentrações de 0 - 117 - 234 ppm de potássio; 0 - 100 - 200 ppm de cálcio; 0 - 24 - 48 ppm de magnésio e O - 92 - 184 ppm de sódio. A colheita dos primeiros tratamentos teve início quarenta e um dias após o plantio. As plantas coletadas foram separadas em caules e folhas e determinaram-se os teores de nitrogênio, fósforo, potássio, cálcio, magnésio, enxofre, boro, cobre, ferro, manganês, zinco e sódio. Os resultados mostraram que: - A máxima produção de matéria seca dos cau1es foi alcançada com concentrações de 117, l 00 e 24 ppm de potássio, cálcio e magnésio respectivamente, na solução nutritiva, Os aumentos de matéria seca das folhas provocados pela aplicação destes elementos, foram resultado de interação tripla entre os mesmos. - Não foi possível detectar efeitos da aplicação de até 184 ppm de sódio, na produção de matéria seca de qualquer parte da planta. - A aplicação de potássio, cã1cio, magnésio ou sódio, aumentou a concentração do elemento em questão, na matéria seca dos caules e folhas das plantas. - Os efeitos registrados pela aplicação de potássio na solução nutritiva, foram de diminuição das concentrações dos demais elementos na matéria seca das plantas, com exceção do enxofre e ferro nas folhas e do boro nos caules. - Os efeitos registrados pela aplicação de cálcio ou magnésio na solução nutritiva t foram de diminuição das concentrações dos demais elementos na matéria seca das plantas, com exceção do boro nos caules. - O comportamento do sódio aplicado ã solução nutritiva, foi semelhante ao do cálcio ou magnésio, sendo registrado ainda, aumento da concentração de potássio nas folhas, quando o elemento em questão foi aplicado na dose de 184 ppm
Título em inglês
Growth and concentration of nutrients and sodium in cowpea Vigna sinensis (L.) Endl. var. “Seridó” cultivated in culture solution with variations in potassium, calcium, magnesium and sodium supply
Resumo em inglês
In order to examine the relations amid the K, Ca, Mg and Na in the plant's dry matter production and to decide the dependence among the nutrients and Na accumulation in the plants as well as the proposed treatments, cowpeas (Vigna sinensis) (L. Endl.) var. “Seridó” plants were cultivated in crushed quartz and irrigated with nutritive solutions according to SARRUGE (1975). The experimental delineation was a 34 factorial, had been studied K, Ca, Mg and Na in the following concentrations: 0 -117 - 234 ppm of K; 0 -100 -200 ppm of Ca; 0- 24 - 48 ppm of Mg and 0 – 92 - 184 ppm of Na. Forty one days later the plants were harvested, The collected plants were separated into stem and leaves. After that the concentrations in N, P, K, Ca, Mg, S, B, Cu, Fe, Mn, Zn and Na were determined by the conventional methods. The attained results were: - The highest sterns dry matter production was perceived by the fo11owing concentration of the elements in nutritive solutions: 117 ppm of K, 100 ppm of Ca and 24 ppm of Mg. The leaves dry matter improvements provoked by those elements resulted from a triple interaction among the above cited elements. - It was impossible to detect the effects of the Na application on the dry matter production of any parts of the plant, even with the application of 184 ppm of Na into the nutritive solution. - The application of K, Ca, Mg or Na improved the respective concentration of the elements in the leaves and stem dry matter. - The noticed effects of the K application in nutritive solution was a decrease in the concentration of the elements, except S and Fe concentration in the leaves and B in the stem. - ln the same way the Ca in or Mg application in the nutritive solutions showed a decrease in the concentrations of the remaining elements in the plants, save B concentration in the stem, - The application of Na had the same behavior as Ca or Mg, being also registred a K concentration mprovement in the leaves, when this element was applied at 184 ppm in the nutritive solution
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
TenorioZelson.pdf (5.60 Mbytes)
Data de Publicação
2020-01-11
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.