• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
https://doi.org/10.11606/T.11.2020.tde-20200111-144330
Documento
Autor
Nome completo
Valquíria de Bem Gomes Alcântara
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 1986
Orientador
Título em português
Efeito de reguladores vegetais, da sacarose e do desfolhamento na nodulação e produção de Neonotonia wightii (Arnott) Lackey e Centrosema pubescens Benth., em casa de vegetação e em câmara de crescimento.
Palavras-chave em português
CENTROSEMA
DESFOLHAMENTO
NODULAÇÃO
PRODUÇÃO
REGULADORES DE CRESCIMENTO VEGETAL
SACAROSE
SOJA PERENE
Resumo em português
Neonotonia wightii cv Tinaroo e Centrosema pubescens cv. Deodoro (BR-1), foram cultivadas em vasos, em dois ambientes, com intensidades luminosas diferentes, casa de vegetação com uma variação entre 850 e 1.100μE/cm2.s e câmara de crescimento, com luz totalmente artificial, variando de 350 a 600μE/cm2.s, ambas pertencentes à Seção de Agronomia de Plantas Forrageiras (SAPF) do Instituto de Zootecnia em Nova Odessa, SP, Brasil, durante o período de abril a novembro de 1985. O solo utilizado foi um Podzólico vermelho amarelo variação Laras, da região de Nova Odessa-S P e a calagem, calculada com base nas análises do solo, correspondeu a 2,0 toneladas de calcário por hectare. A adubação empregada foi a seguinte em mg/vaso e sua correspondência em kg/ha: 314,0 de KH2PO4 -90 de K2O e 140 de P2O5; 3,40 de H3BO3 - 0,5 de B; 0,569 de H2MoO4.H2O - 0,25 de Mo; 9,50 de CuSO4.5H2O - 2,0 de Cu 10,60 de ZnSO4.7H2 O - 2,0 de Zn; 338,0 de Na2SO4. 10H2O - 30 de S. Foram semeadas 20 sementes de cada espécie por vaso contendo 3 kg de solo, sendo as mesmas previamente escarificadas com ácido sulfúrico por 10 minutos e posteriormente lavadas com água corrente. Aproximadamente apôs uma semana de semeadura foi feito o desbaste deixando-se 4 plantas por vaso. Quando as plantas foram consideradas todas germinadas, aproximadamente 10 dias após a semeadura, foram inoculadas com Rhizobium específico, sendo utilizada a mistura das estirpes SMS - 137 e SMS - 128 para a soja perene e SMS - 39 e SMS - 505 para a centrosema, colocando-se 1 ml da respectiva mistura por planta em todos os vasos . Logo apos a semeadura os vasos foram sorteados e distribuídos nas bancadas dentro da casa de vegetação ou câmara de crescimento, num delineamento experimental fatorial de 5 blocos ao acaso, com duas espécies x duas épocas de desfolha e aplicação de reguladores vegetais e sacarose (35 e 50 dias após germinação) x quatro tratamentos (testemunha, ácido indolilacético - IAA, ácido giberélico - GA3 e sacarose). Os ácidos giberélico (GA3) e indolilacético (IAA) foram aplicados nas dosagens de 100 ppm, e a sacarose na concentração de 10%. Dez dias após a aplicação destes tratamentos era feita a colheita, para se observar seus efeitos na produção de matéria seca da parte aérea, raízes, nódulos e do nitrogênio total da parte aérea. Foi verificado que as produções de matéria seca da parte aérea, tanto do ensaio da casa de vegetação como no da câmara de crescimento, foram superiores para a soja perene, cv. Tinaroo. As produções de matéria seca obtidas para raízes e nódulos foi significativamente maior para centrosema cv. Deodoro BR-1 no ensaio de casa de vegetação, ocorrendo o inverso nos dados obtidos na câmara de crescimento. Ambas as espécies estudadas na casa de vegetação não diferiram quanto aos tratamentos com reguladores vegetais e sacarose para produção de matéria seca da parte aérea, de nódulos e para quantidade de nitrogênio. Para produção de matéria seca de raízes as plantas que receberam o tratamento com IAA diferiram estatisticamente das tratadas com GA3 e sacarose, mas não diferiram da testemunha, a qual também não diferiu dos tratamentos de GA3 e sacarose. No ensaio da câmara de crescimento as plantas de centrosema cv. Deodoro do tratamento testemunha foram as que apresentaram maior peso de matéria seca de nódulos e as tratadas com sacarose tenderam a apresentar maiores pesos de matéria seca de raízes, não ocorrendo diferença nenhuma entre os tratamentos, para os dados obtidos para produção de matéria seca da parte aérea e quantidade de nitrogênio total. Em ambos os ensaios, a segunda época de desfolha (50 DAG) Foi que apresentou maior produção de matéria seca da parte aérea e de nódulos, tanto para soja perene 'Tinaroo' como para centrosema cultivar Deodoro BR-1. As duas espécies tiveram maior produção de matéria seca da parte aérea, raízes, nódulos e da quantidade de N total da parte aérea no ensaio de casa de vegetação provavelmente devido à presença de maior irradiância.
Título em inglês
Effect of vegetal regulators, sucrose and defoliation in the nodulation and production of Neonotonia wightii (Arnott) Lackey and Centrosema pubescens Benth, grown in greenhouse and in growth room
Resumo em inglês
Perennial soybean (Neonotonia wightii Tinaroo NO 779) and centro (Centrosema pubescenscv. Deodoro (BR-1) NO 241) were cultivated in pots containing 3 kg soil each, and placed in two environments (greenhouse and growth room). Light radiation in the greenhouse (sun radiation) and in the growth room (artificial lamps) ranged between 850 to 1.100μE/cm2.s and 350 to 600μE/cm2.s, respectively. The experiments were carried out from April to November 1985 at the “Seção de Agronomia de Plantas Forrageiras (SAPF), Instituto de Zootecnia “, Nova Odessa, SP, Brazil. The soil utilized was a Red-yellow Podzolic Soil Laras Varietion, from Nova Odessa - SP, Brazil, and was limed with an amount correspondent of 2,0 tons of liming per hectare. The fertilization applied was as following in mg/pot and their :correspondence in kg/ha: KH2PO4 -314,0 de -90 de K2O e 140 of P2O5; 3,40 - 0,5 of H3BO3 - 3,40 - 0,5 of B; H2MoO4.H2O - 0,569 - 0,25 of Mo; CuSO4.5H2O - 9,50 - 2,0 of Cu ZnSO4.7H2 O - 10,60 - 2,0 of Zn; Na2SO4. 10H2O - 338,0 de - 30 of S. Twenty seeds of each species were sown per pot which contained 3,0 kg of soil. One week after sowing it was made the rough-hewing, leaving 4 plants per pot. The inoculation was clone approximately 10 days after sowing, with specific Rhizobium, and utilizing a mixture with the following races: SMS - 137 and SMS - 128 for perennial soybean and SMS - 39 and SMS - 505 for centro,using 1 ml in each plant and in all pots. ln each environment the experiment was a 2 (species) x 2 (defoliation) x 4 (control, two vegetal regulators, sucrose) factorial, in a randomized complete block design with five replications. The plants were defoliated at 35 and 50 days after the seed germination, and was performed the exogenous application of 100 ppm each gibberellic acid (GA3) and indolilacetic acid (IAA), and 10% sucrose. Ten days after defoliation was done the harvest. Dry matter yield plant tops and roots, nodules weight and total nitrogen in the plant tops were, determined. Perennial soybean had the highest plant top yield in both environments, and had highest root yield and nodule weight in the growth room. However, centro showed higher root yield and nodule weight in the greenhouse experiment. Root yields, in both species, grown in the greenhouse, were higher in the treatments with indolilacetic acid than treatments with GA3 and sucrose, but didn't differ from the control . For dry matter yield, plant tops and nodules, and for total nitrogen there were no differences between those treatments. In the growth room, plants of centro in the control treatments had the highest nodule weight, and those from sucrose treatments had the highest dry matter yield of roots. Defoliation at 50 days after germination resulted in higher plant top yields and nodule weight than at 35 days for both species and in the two environments. All measurements in the two legumes showed higher values in- the experiment with higher radiation (greenhouse) than in the lower radiation (growth room).
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2020-01-11
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.