• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
https://doi.org/10.11606/T.11.1986.tde-20210104-161748
Documento
Autor
Nome completo
Cristovam Colombo Belfort
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 1985
Orientador
Título em português
Acumulação de matéria seca e recrutamento de nutrientes em melão (Cucumis melo L. cv. Valenciano Amarelo CAC) cultivado em latossolo vermelho amarelo em Presidente Venceslau - SP
Palavras-chave em português
LATOSSOLO VERMELHO-AMARELO
MATÉRIA SECA
MELÃO VALENCIANO
NUTRIENTES
Resumo em português
Com o objetivo de determinar: - a curva de crescimento do melão (Cucumis melo L.), através da acumulação de matéria seca; - os teores e consequentes acúmulos de nutrientes nos órgãos aéreos da planta, em diferentes estádios de crescimento; - a exportação de nutrientes na colheita de frutos, no ponto de consumo. Foi conduzido um ensaio em condições de campo o qual consistiu da amostragem em cinco estádios de crescimento - 15, 30, 45, 60 e 75 dias após a emergência - de plantas competitivas, as quais eram cortadas rente ao solo, divididas em caule e ramos, folhas, flores e frutos, para determinação da quantidade de matéria seca e análise química para macronutrientes minerais, B, Cu, Fe, Mn e Zn. Os tratamentos, então representados por épocas de amostragem, constaram de um delineamento em blocos casualizados com 4 repetições. Concluiu-se que: - o crescimento das plantas é inicialmente lento, intensificando-se posteriormente, com maiores incrementos entre 30 e 45 dias; - no final do ciclo, a planta acumulou 905,88 g de matéria seca, assim distribuída; caule e ramos 19,38%, folhas 30,32% e flores e frutos 50,30%; a concentração dos nutrientes na parte aérea variou com a idade e o órgão considerado; - verifica-se nos frutos uma tendência de redução nos teores dos macronutrientes (com exceção do enxofre) e elevação para os micronutrientes, em conformidade com o estádio de crescimento da planta; - a parte aérea acumulou, aos 75 dias, em miligramas por planta: 23,08 de N, 3,46 de P, 28,90 de K, 12,74 de Ca, 5,55 de Mg, 1,59 de S, 0,033 de B, 0,172 de Cu, 0,199 de Fe, 0,109 de Mn e 0,042 de Zn; - são exportados numa colheita de uma tonelada de frutos, cerca de: 1,78 kg de N, 0,33 kg de P, 2,64 kg de K, 0,14 kg de Ca, 0,21 kg de Mg, 0,09 kg de S, 1,67 g de B, 1,07 g de Cu, 2,51 g de Fe, 1,2 g de Mn e 2,3 g de Zn.
Título em inglês
Accumulation of dry matter and nutrients absorption in muskmelon (Cucumis melo L. Valenciano Amarelo CAC) cultivated in yellow red latosol in President Venceslau - SP
Palavras-chave em inglês

Resumo em inglês
An experiment was carried out under field conditions to determine: - the growth of muskmelon (Cucumis melo L.) through accumulation of dry matter; - concentration and consequent accumulation of nutrients in the aereal parts of the plant at different growth stages; - exportation of nutrients at fruit harvesting, at the time of consumption. The experiment consisted of sampling at five growth stages - 15, 30, 45, 60 and 75 days after emergence - of competitive plants, which were cut at ground level, divided into stem and branches, leaves, flowers and fruits, to determine the quantity of dry matter and for chemical analysis of mineral macronutrients, B, Cu, Fe, Mn and Zn. The treatments, represented by sampling time, consisted of randomized block design with four replications. It was concluded that: - the growth was slow at the beginning, increasing later, especially between 30 and 45 days; - at the end of the cycle, the plant accumulated 905,88 g dry matter as follow: stem and branches - 18.38%, leaves - 30.32%, and flowers and fruits - 50.30%; - the concentration of nutrients in the aereal parts varied according to the age and part considered; - there was a tendency for reduction in the concentration of macronutrients (except for sulphur) and an increase of micronutrients in the fruits, according to the plant growth stage; - at 75 days, the aereal part accumulated, in milligrams per plant: 23.08 N, 3.46 P, 28.90 K, 12.74 Ca, 5.55 Mg, 1.595 S, 0.033 B, 0.172 Cu, 0.199 Fe, 0.109 Mn, and 0.042 Zn; - in a one-ton harvest the fruits exported about 1.78 kg N, 0.33 kg P, 2.64 kg K, 0.14 kg Ca, 0.21 kg Mg, 0.09 kg S, 1.67 g B, 1.07 g Cu, 2.51 g Fe, 1.2 g Mn, and 2.3 g Zn.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2021-01-07
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.