• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Disertación de Maestría
DOI
Documento
Autor
Nombre completo
Ana Cláudia Silva de Lira
Dirección Electrónica
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
Piracicaba, 1999
Director
Título en portugués
Comparação entre um povoamento de eucalipto sob diferentes práticas de manejo e vegetação natural de cerradão, através da respiração, infiltração de água e mesofauna do solo
Palabras clave en portugués
POVOAMENTO FLORESTAL
CERRADÃO
EUCALIPTO
INFILTRAÇÃO DE ÁGUA
MANEJO FLORESTAL
MESOFAUNA EDÁFICA
SOLO FLORESTAL
Resumen en portugués
A ciclagem de nutrientes é um processo de grande importância para a sustentabilidade de ecossistemas. Este processo depende da decomposição dos resíduos orgânicos, que é altamente influenciada por alguns fatores como: a atividade biológica e a permeabilidade do solo. Com o objetivo de avaliar o impacto causado sobre um povoamento de eucalipto submetido à diferentes práticas de manejo, comparando com um cerradão (vegetação natural) foram estudados os seguintes indicadores ecológicos: a emissão CO2, a velocidade de infiltração de água no solo e ainda procedeu-se à identificação e quantificação da mesofauna edáfica. O estudo foi conduzido na Fazenda Entre Rios - Cia Suzano Papel e Celulose, em Itatinga -SP, onde parte do povoamento foi cortado e parte deixado intacto. O corte foi realizado no mês de julho/1995, a instalação do experimento (práticas de manejo) em agosto/1995 e o replantio das mudas de Eucalyptus grandis setembro/1995. As práticas de manejo no povoamento foram as seguintes: 1) manutenção do povoamento de eucalipto intacto (TMA), 2) manutenção dos restos culturais e serapilheira na superfície do solo (TMC), 3) remoção dos restos culturais e serapilheira na superfície do solo (TMC), 3)remoção dos restos culturais e serapilheira (TME), 4) incorporação dos restos culturais e serapilheira com gradagem (TMF) e 5) queima dos restos culturais (TMG). A liberação de CO2 foi medida mensalmente no período de junho/97 a fevereiro/98, empregando-se o método de absorção sob campânula em condições de campo. Verificou-se que houve diferença significativa entre os tipos de manejo (F=3,398; p=0,04) e entre as épocas de avaliação (F=41,764; p<0,001). No entanto, não houve efeito significativo da interação entre o tipo de manejo e o tempo. O TMG foi o sistema que apresentou a maior média de CO2 liberado, e o TMA, a menor. Para todos os tipos de manejo, a maior média de liberação de CO2) ocorreu no período de novembro/97 a fevereiro/98, correspondendo ao final da primavera e durante todo o verão. A média da liberação de CO2 no cerradão foi maior do que no povoamento de eucalipto durante todos os meses, indicando haver uma maior atividade biológica neste ecossistema. A velocidade de infiltração de água no solo (VIB) foi medida no mês de setembro/97 em duas profundidades (6 e 20 cm), utilizando-se um permeâmetro de campo. Houve efeito significativo apenas entre as profundidades (F=16,696;p<0,001), sendo maior na profundidade de 20 cm. Observou-se também maiores valores de velocidade de infiltração básica para os tipos de manejo A e E. Comparando o cerradão com o povoamento de eucalipto sob o TMA, observou-se que em ambas as profundidades, o primeiro ecossistema apresentou maiores valores de velocidade de infiltração básica. A coleta do solo para a extração da mesofauna foi realizada no mês de agosto/97, e para análise, utilizou-se o método de Berlese-Tullgren. Foi constatada a existência de 8 grupos faunísticos, tanto no povoamento de eucalipto como no cerradão. No povoamento de eucalipto, os sistemas TMC e TMA apresentaram maior população da mesofauna. Isto pode ser atribuído à presença de resíduos vegetais na superfície do solo destes tipos de manejo. Na vegetação natural (cerradão), a população de mesofauna foi muito maior do que aquela encontrada no TMA do povoamento de eucalipto, evidenciando que neste ecossistema, há uma maior complexidade ecológica. Com base nos resultados obtidos, pode-se concluir que os parâmetros estudados poderão ser utilizados como indicadores ecológicos para acompanhar a evolução das condições em povoamentos florestais
Título en inglés
Comparison between an eucalyptus plantation under different management practices and a natural vegetation (cerradão) throuhgout respiration, water infiltration and soil mesofauna
Resumen en inglés
Nutrient cycling is an important process for ecosystem maintenance. This process depends on organical residues decomposition and it is highly influenced by some factors like biological activity and soil permeability. The impact caused by different management procedures on an eucalyptus plantation when compared to natural vegetation (cerradão) was studied according the following ecological parameters: CO2 emission, soil water infiltration speed and edaphical mesofauna. Ali the procedures were carried out at Fazenda Entre Rios- Cia. Suzano de Papel e Celulose, in Itatinga, SP, Brazil, where part of the eucalyptus plantation was fell off and part remained untouched. The felling of the plantation took place in July, 1995, and the experiment (managements) was installed in August, 1995. Eucalyptus grandis seedlings were replanted in September, 1995. Managements practices for the plantation were as follow: 1) the preservation of an untouched plantation (TMA); 2) the keeping of cultural remains and litter on soil surface (TMC); 3) the removing of cultural remains and litter (TME); 4) the incorporation of cultural remains and litter by griding (TMF); 5) the burning of cultural remains (TMG). CO2 liberation was monthly measured from June, 97, to February, 98, by the method of absortion under campanula in field conditions. It was shown a significative difference between management types (F=3.398, p=0.04) and between evaluation periods (F=41.764, p2 liberation and TMA the smallest one. Increased rates of CO2 liberation were detected from November, 97, to February, 98, corresponding to the end of springtime to the begining of summer. The average of CO2 liberation was higher during the whole period and it indicates an increased biological activity for this ecosystem. Water infiltration in the soil (VIS) had it speed measured along September, 97, in two different depth levels (6 and 20 cm), using a field permeameter. A significative effect was shown between them (F=16,696; p<0.001), and it was higher at 20 cm. Increased values for basic infiltration speed were observed for A and E management types as well. For both depth levels the natural vegetation ecosystem showed higher values for basic infiltration speed. Soil was collected in August, 97, for mesofauna extraction and analyses were performed according to Berlese-Tullgren. Eight fauna groups were identified either for natural vegetation (cerradão) or eucalytus plantation and for this one TMC and TMA systems were found to have a higher mesofauna plantation and it might be due to vegetal remainings, on soil surface. The natural vegetation (cerradão) mesofauna plantation was much higher than the one found at TMA euclyputs plantation, pointing out a larger ecological complexity. for this ecosystem. According to these results one might conclude that these parameters can be used as ecological indicatives to follow the evolution of edaphical conditions in forest plantations
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
Fecha de Publicación
2019-11-08
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2021. Todos los derechos reservados.