• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
https://doi.org/10.11606/D.11.2019.tde-20191218-162636
Documento
Autor
Nome completo
Silas Garcia Aquino de Sousa
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 1995
Orientador
Título em português
Dinâmica de plantas invasoras em sistemas agroflorestais implantados em pastagens degradadas na Amazônia Central (região de Manaus-AM)
Palavras-chave em português
AMAZÔNIA CENTRAL
MANEJO DO SOLO
PASTAGENS DEGRADADAS
PLANTAS INVASORAS
SISTEMAS AGROFLORESTAIS
SISTEMAS AGROSSILVIPASTORIS
Resumo em português
Foi avaliada a dinâmica de plantas invasoras que ocorrem no estrato inferior de 4 Sistemas Agroflorestais, implantados em áreas de pastagens degradadas e abandonadas localizadas no km 54 da BR 174 da estrada Manaus- Boa Vista, no que diz respeito à sua densidade, diversidade, frequência e acúmulo de fitomassa. Os dados foram obtidos em 5 coletas em um período de 18 meses, através de amostragens, em quadrados de 0,25m2 distribuídos, aleatoriamente. em parcelas de 300m2, totalizando 180 amostras por sistema (900m2). Foram identificadas 63 espécies, abrangendo 40 gêneros e 18 famílias botânicas. As famílias Poaceae ( 17 espécies), Asteraceae (7 espécies), Cyperaceae (7 espécies), Solanaceae (5 espécies) e Euphorbiaceae (5 espécies) contribuíram com o maior número de espécies, enquanto as demais apresentaram 1 a 4 espécies. As monocotiledôneas, compreendendo 3 espécies, foram dominantes em densidade, frequência e fitomassa, enquanto as dicotiledôneas apresentaram maior diversidade, indivíduos relativamente mais pesados e apresentaram maiores porcentagens de nutrientes (N, P, K, Ca e Mg). As famílias Poaceae, Cyperaceae, Solanaceae, Rubiaceae e Verbenaceae, representadas por 10 espécies de maior Índice de Valor de Importância, formaram a base das comunidades de invasoras que ocorrem nos sistemas. Dentre essas 10 espécies destacaram-se: Solanum juripeba Rich., Fimbristylis annua Roem Sch., Brachiaria humidicola (Rend.) Sch., Paspalum multicaule Poir, Borreria verticillata (L.) G.F.W. Meyer e Paspalum conjugatum Berg., com valores acima da média para fitomassa ou densidade ou frequência. Os SAFs não influenciaram na densidade (número de indivíduos/m2) das plantas invasoras, mesmo assim, registrou-se um número maior de plantas/m2 no SAF2. O SAF4 apresentou, 2 espécies restritas ao sistema (Physalis pubescens L.e Commelina benghalensis L.). A fitomassa no SAF2 foi superior a dos SAFs 3 e 4 e as espécies que mais contribuíram para o aumento da fitomassa foram: Solanum juripeba Rich., Brachiaria humidicola e Paspalum conjugatum. No SAF4, devido ao manejo do solo (calagem, adubação e gradagem) a fitomassa de Solanum juripeba foi reduzida. Verificou-se, que o arranjo espacial dos SAF3 e SAF4 com linhas triplas de cultivos arbóreos e faixas entre as linhas, ocupadas com culturas anuais, favoreceram a menor densidade, frequência e fitomassa de plantas invasoras. indicando a importância dos arranjos, na definição e implantação dos sistemas agroflorestais. A avaliação da dinâmica de plantas invasoras esclareceu, parcialmente, o comportamento dessas plantas no estrato inferior dos sistemas, gerando informações preliminares que poderão subsidiar as tomadas de decisões para o manejo mais adequado das plantas invasoras nos sistemas agroflorestais a serem implantados, em áreas semelhantes ao do estudo
Título em inglês
Weed population dynamics in agroforestry systems stablished on degraded pastures in the Central Amazon basin (Manaus region - AM)
Resumo em inglês
The dynamics of weedy species that occur at the low strata of 4 Agroforestry Systems (SAF's ), established on degraded and/or abandoned areas located at km 54 of BR 174 at Manaus - Boa Vista road, was evaluated for its density, diversity, frequency and above-ground biomass stoge. The data were obtained from five field observations in a period of 18 months, using square plots of 0.25 m2, randomly distributed, with a total of 180 plots per system (900 m2 ). The floristic survey found 63 species, 40 genera and 18 botanic families. Poaceae (17 species), Asteraceae (7 species), Cyperaceae (7 species), Solanaceae (5 species) and Euphorbiaceae (5 species) contributed with the larger number of species, while the other families had 1 to 4 species. Monocotyledonous species represented by 3 families of grasses, were dominant in density, frequency and above-ground biomass, while dicotyledonous species (forbs and shrubs) showed the highest values of diversity, individual dry weight and % of nutrients (N, P, K, Ca and Mg). The families Poaceae, Cyperaceae, Solanaceae, Rubiaceae and Verbenaceae, represented by the first 10 species had higher importance values. Between these species 6 showed results above the average for above- ground biomass, density and frequency: Solanum juripeba Rich., Fimbristyiis annua Roem. Sch., Brachiaria humidicola (Rend.) Sch., Paspalum multicaule Poir., Borreria verticullata (L.) G.F. W. Meyer and Paspalum conjugatum Berg. Weed density (number of individuals/ha) was significanty not influenced by structure on the different agroforestry systems. SAF4 had 2 restricted species to that system (Physalis pubescens L. and Commelina benghalensis L.). The above-ground biomass on SAF2 was higher than SAF' 3 and SAF4 and the species which had highest above-ground biomass were: Solanum juripeba Rich., Brachiaria humidicola and Paspalum conjugatum. SAF 4, due soil management practices (lime, fertilization requirement and incorporated with a moldboard plow) had lowest biomass for Solanum juripeba. The utilization of triple lines with planted trees followed by opened strips with annual crops for SAF3 and SAF4, collaborated for a lower weed occurrence on density, frequency and fitomass, suggesting the importance of these specific arrangement on the definition and establishment of agroforestry systems. The evaluation of weed population dynamics explained, in part. the plant behavior under the low strata at the systems, generating preliminary informations that could aid with the best weed management decision-making for the agroforestry systems, that could be established under conditions similar to that of the study site
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2019-12-19
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2022. Todos os direitos reservados.