• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
https://doi.org/10.11606/T.11.2019.tde-20191220-122609
Documento
Autor
Nome completo
Francisco Adriano de Carvalho Pereira
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 1998
Orientador
Título em português
Desempenho do modelo de Penman-Monteith e de dois evaporímetros na estimativa da evapotranspiração de referência (ETo) em relação a um lisímetro de pesagem
Palavras-chave em português
DESEMPENHO
EVAPOTRANSPIRAÇÃO
LISÍMETRO
MODELO DE PENMAN-MONTEITH
REGRESSÃO LINEAR
Resumo em português
Este trabalho teve como objetivos, avaliar o desempenho do modelo de Penman-Monteith e de dois evaporímetros na estimativa da evapotranspiração de referência em relação a um lisímetro de pesagem, bem como estudar a relação de dependência do coeficiente de tanque (Kp), com os elementos meteorológicos. O experimento foi realizado na Fazenda Areão da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz – ESALQ / USP, em Piracicaba, SP (22° 42' 30" S e 47° 30' 00" W), durante o período de agosto a dezembro do ano de 1996. A evapotranspiração de referência foi determinada em um lisímetro de pesagem dotado de células de carga, vegetado com grama batatais (Paspalum notatum Flugge). Os dados meteorológicos foram coletados por uma estação automática, contendo os sensores de: temperatura e umidade relativa do ar, velocidade do vento a 2 m, radiação líquida e densidade de fluxo de calor no solo. A estimativa da evapotranspiração de referência foi realizada utilizando-se o modelo de Penman-Monteith nos períodos de luz e de 24 h e com os evaporímetros tanque Classe A e atmômetro modificado SEEI. Os dados foram coletados diariamente e analisados, estatisticamente, mediante análise de regressão. Com base nos resultados, verificou-se que no período de luz para uma resistência de dossel (rc) de 80 s.m-1 modelo de Penman-Monteith superestimou a evapotranspiração de referência, com um erro médio de 0,65% em relação aos valores medidos em um lisímetro de pesagem. No período de 24 horas o modelo subestima a evapotranspiração de referência na ordem de 12 a 15%, para os valores de (rc) de 69 e 80 s.m-1, respectivamente. O melhor desempenho entre os valores medidos e estimados da evapotranspiração de referência no período de 24 horas, foi obtido quando se utilizou a resistência do dossel de 40 s.m-1, com um erro médio da ordem de 4,4 % em subestimar a ETo. A resistência de dossel da grama, estimada como resíduo da utilização do modelo de Penman-Monteith, apresentou um valor médio de 92 s.m-1 para o período de luz e 41 s.m-1 no período de 24 horas. A utilização do coeficiente de tanque (Kp) proposto por Pereira et al. (1995) para estimativa da evapotranspiração de referência a partir da evaporação do tanque Classe A, possibilitou uma boa correlação e uma excelente concordância em relação as medidas efetuadas no lisímetro de pesagem, com um erro médio relativo da ordem de 0,08% em subestimar a ETo. O atmômetro modificado apresentou uma excelente correlação com a evapotranspiração de referência, medida em um lisímetro de pesagem, para o agrupamento dos dados em períodos de tempo igual ou superior a três dias, em função do amaciamento das flutuações diárias.
Título em inglês
Penman-Monteith and two evaporimeters performance on the estimation of the reference evapotranspiration (ETo) in relation to a weighing lisimeter measurements
Resumo em inglês
This aim of this work was to evaluate the Penman-Monteith and two evaporimeters on the estimation of the reference evapotranspiration (ET) in relation to weighing lysimeter measurements and also to study how the Kp coefficient is affected by the meteorological parameters. The experiment is carried out at Areão's Farm of the Agricultural College Luiz de Queiroz - University of São Paulo, in Piracicaba - SP (22° 42' 30" S e 47° 30' 00" W), from august to December of the year 1996. The reference evapotranspiration was measured by a weighing lysimeter using a strain gauge, with grass (Paspalum notatum Flugge). The meteorological parameters were collected by an automatic weather station, with sensor of temperature, relative humidity, wind speed at 2 m, net radiation and soil heat flux. The reference evapotranspiration was estimated using a Penman-Monteith model, the evaporimeter Class A Pan and the modified atmometer, during the light period and for 24 hours. The data were collected daily and the statistical analysis was done using regression equations. Based on the results, it was verified that during the light period the canopy diffusion resistance (rc) of 80 s/m, the Penman Monteith model overestimates the reference evapotranspiration with an error of 0,65% in relation to the lysimeter measurements. During the period of 24 h the model underestimate the reference evapotranspiration, from to 12 to 15% for values of rc from 69 to 80 s/m. The best performance among measured and estimated values of reference evapotranspiration during periods of 24 hours was obtained, when rc of 40 s/m was considered, with an error of 4,4% underestimating ET. The canopy diffusion resistance of grass estimated as a residue of the Penman Monteith model, resulted mean values of 92 s/m for light period and 41 s/m for 24 h period. The pan coefficient (Kp) proposed by Pereira et al. (1995) in order to estimate the reference evapotranspiration using Class A pan evaporation data, resulted in a good correlation with lysimeter measurements. The modified atmometer showed a good correlation with reference evapotranspiration measured by the lysimeter periods of three days.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2019-12-20
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2022. Todos os direitos reservados.