• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.11.2011.tde-07022012-164714
Documento
Autor
Nome completo
Tuane Santos de Oliveira
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2011
Orientador
Banca examinadora
Gloria, Beatriz Appezzato da (Presidente)
Costa, Fernando Batista da
Ventrella, Marilia Contin
Título em português
Anatomia, germinação de sementes e análise do óleo essencial de Viguiera arenaria Baker in Martius e Viguiera robusta Gardner in Hook (Asteraceae - Heliantheae)
Palavras-chave em português
Anatomia vegetal
Compositae
Fitoquímica
Germinação de sementes
Morfologia vegetal
Óleos essenciais
Resumo em português
A família Asteraceae possui cerca de 1.600 gêneros e 20.000 espécies, representando cerca de 10% da flora mundial. No Cerrado é a segunda maior família dentre as fanerógamas em número de espécies, com grande importância no estrato herbáceo e arbustivo. Dentre as tribos da família Asteraceae, Heliantheae é considerada um grupo monofilético, com 189 gêneros e aproximadamente 2.500 espécies de ervas, arbustos e árvores. É importante economicamente com utilização alimentícia (girassol), ornamental (dália) e medicinal (camomila). Dentre os maiores gêneros de Heliantheae estão Bidens, Viguiera e Wedelia. Viguiera Kunth é um gênero exclusivamente americano com 180 espécies, das quais 27 são exclusivamente brasileiras. Seus representantes ocorrem principalmente em regiões de inverno seco com eventos periódicos de queimada como o Cerrado. A adaptação a esses ambientes pode estar ligada ao comportamento sazonal destas espécies, o qual consiste na senescência dos ramos aéreos nos períodos de baixas temperaturas e seca (fase de dormência) e na formação de novos ramos nos períodos de disponibilidade hídrica e temperaturas favoráveis (fase de floração). As espécies Viguiera arenaria Baker in Martius e Viguiera robusta Gardner in Hook estão incluídas na seção Paradosa na classificação das espécies do gênero Viguiera e são confundidas em materiais herborizados, sendo distinguidas atualmente apenas por caracteres polínicos. O estudo anatômico de V. arenaria e V. robusta visa contribuir para o levantamento de caracteres diagnósticos que auxiliem no reconhecimento destas em materiais herborizados ou não. Ambas as espécies são aromáticas em campo, devido à presença de compostos voláteis. Estudos fitoquímicos têm destacado o potencial farmacológico destas espécies, com base na atividade de terpenos de alto peso molecular como lactonas sesquiterpênicas e diterpenos. A literatura carece, porém, de dados sobre a composição química dos óleos essenciais motivo pelo qual os mesmos são apresentados no presente estudo. Tais informações auxiliam, através da quimiotaxonomia, na distinção entre as espécies, além de identificar compostos possivelmente fitoterápicos. O estudo da germinação de espécies de Viguiera arenaria e V. robusta aqui apresentado visa contribuir para o conhecimento sobre a propagação destas espécies visando uma possível exploração de seus princípios ativos, já que atualmente, elas ocorrem apenas em ambientes naturais de Cerrado.
Título em inglês
Anatomy, seed germination and analysis of essential oil of Viguiera arenaria Baker in Martius and Viguiera robusta Gardner in Hook (Asteraceae - Heliantheae)
Palavras-chave em inglês
Compositae
Essential oils
Phytochemistry
Plant anatomy
Plant morphology
Seed germination
Resumo em inglês
Asteraceae family has about 1,600 genera and 20,000 species, representing about 10% of the world flora. In the Cerrado is the second largest family among the phanerogams in number of species with a great importance in the herbaceous and shrubby layers. In the family Asteraceae, Heliantheae is considered a monophyletic group, with 189 genera and approximately 2,500 species of herbs, shrubs and trees. It is a tribe of economical importance, with different uses: food (sunflower), ornamental (dahlia) and medicinal (chamomile). The most important genera of Heliantheae are Bidens, Viguiera and Wedelia. Viguiera Kunth is an exclusively American genus with 180 species, and 27 are exclusively Brazilian. Its representatives occur mainly in Cerrado regions with dry winters and periodic fire events. The adaptation to these environments can be linked to the seasonal behavior of these species, which is the senescence of the aerial organs during periods of low temperatures and dry (dormant phase) and the formation of new aerial organs during periods of water availability and favorable temperatures (flowering phase). Viguiera arenaria Baker in Martius and Viguiera robusta Gardner in Hook are included in Paradosa section in the classification of the genus Viguiera and they are indistinguishable to herborized materials, being distinguished only by their pollen. The anatomical study of V. arenaria and V. robusta aims to contribute to gather of diagnostic characters that aid in the recognition of herborized materials or not. Both species are aromatic in the field, due to the presence of volatile compounds. Phytochemical studies have highlighted the pharmacological potential of these species, based on the activity of terpenes of high molecular weight such as sesquiterpene lactones and diterpenes. The literature lacks, however, data about the chemical composition of the essential oils. This is the reason why their chemical composition is presented in this study. Such information helps, by chemotaxonomy, the distinction among species and besides that, could contribute to identify possible phytotherapics compounds. The study of the seed germination of Viguiera arenaria and V. robusta presented here aims to contribute to the knowledge about the spread of these species towards a possible exploitation of their active compounds, because nowadays they occur only in natural areas of Cerrado.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2012-03-02
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.