• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.11.2014.tde-10112014-145643
Documento
Autor
Nome completo
Carolina Rossi de Oliveira
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2014
Orientador
Banca examinadora
Mourão Filho, Francisco de Assis Alves (Presidente)
Benedetti, Celso Eduardo
Harakava, Ricardo
Título em português
Transformação genética de laranjas 'Pera' e 'Natal' (Citrus sinensis L. Osbeck) com o gene atacina A (attA), dirigido por promotores preferencialmente expressos no floema, para resistência a Candidatus Liberibacter spp.
Palavras-chave em português
Atacina A
Citros
Huanglongbing
Promotores
Transgenia
Resumo em português
Atualmente o Brasil ocupa lugar de destaque entre os produtores de citros sendo o maior produtor de laranja doce do mundo. Entretanto, essa produção vem sendo gravemente afetada, por doenças como o huanglongbing (HLB), que tem causado perdas significativas para toda cadeia citrícola. O HLB está associado a bactérias Gram-negativas, restritas ao floema das plantas, denominadas Candidatus Liberibacter spp., que além de reduzir a produção de frutos, podem, em casos mais severos da doença, ocasionar a morte da planta. Uma importante estratégia para controle desta doença é a produção de plantas transgênicas expressando genes, especificamente no local de colonização do patógeno. O objetivo deste trabalho foi a obtenção de plantas transgênicas de Citrus sinensis cvs. 'Pera' e 'Natal', contendo o gene atacina A (attA) que codifica um peptídeo antibacteriano, dirigido por promotores preferencialmente expressos no floema: AtSuc2 (transportador de sacarose) ou AtPP2 (proteína de floema 2), clonados de Arabidopsis thaliana, ou CsPP2 (proteína de floema 2) clonado de Citrus sinensis. A identificação de 65 plantas transgênicas foi realizada, por meio da análise de PCR. Foi verificado um número menor de eventos transgênicos, utilizando-se a construção gênica pCAtSuc2/attA em relação ao número de eventos transgênicos obtidos com as construções gênicas pCCsPP2/attA e pCAtPP2/attA. Plantas identificadas como transgênicas pela análise de PCR, foram aclimatizadas e transferidas para casa-devegetação certificada para o cultivo de plantas transgênicas. Análises de Southern blot foram realizadas em plantas aclimatizadas que apresentaram desenvolvimento suficiente, confirmando-se a integração do gene attA. A expressão do gene attA foi confirmada pela análise de RT-qPCR. As plantas transgênicas obtidas neste trabalho, contendo o gene attA dirigido por promotores preferencialmente expressos no floema, serão avaliadas em uma etapa futura para resistência a Candidatus Liberibacter spp.
Título em inglês
Genetic transformation of oranges 'Pera' and 'Natal' (Citrus sinensis L. Osbeck) with the gene attacin A (attA), driven by preferentially expressed in phloem promoters for resistance to Candidatus Liberibacter spp.
Palavras-chave em inglês
Attacin A
Citrus
Huanglongbing
Promoter
Transgenic
Resumo em inglês
Currently, Brazil is a major citrus producer and the world's largest producer of sweet oranges. However, diseases, such as huanglongbing (HLB) have seriously affected this production, causing significant losses in citrus production chain. HLB is associated with Gram-negative bacterias, restricted to the phloem of plants, called Candidatus Liberibacter spp., which besides reducing fruit production, can lead to plant death. An important strategy to control this disease is the production of transgenic plants expressing genes, specifically at the region of pathogen colonization. The aim of this study was to obtain transgenic plants of Citrus sinensis cv. 'Natal' and 'Pera', containing the gene attacin A (attA) that encodes an antibacterial peptide, driven by preferentially expressed in phloem promoters: AtSuc2 (sucrose transporter) or AtPP2 (phloem protein 2), cloned from Arabidopsis thaliana, or CsPP2 (phloem protein 2) cloned from Citrus sinensis. The identification of 65 transgenic plants was performed by PCR analysis. A lower number of transgenic events were verified using the gene construct pCAtSuc2/attA in relation events obtained with the gene constructs pCCsPP2/attA and pCAtPP2/attA. Plants identified as transgenic by PCR analysis were acclimatized and transferred to a greenhouse certified for growing transgenic plants. The Southern blot analyses were performed in acclimatized plants, which had sufficiently developed, confirming the integration of attA gene. The expression of attA gene was confirmed by RT-qPCR analysis. The transgenic plants obtained in this work, containing the gene attA directed by preferentially expressed in phloem promoters, will be further evaluated for resistance to Candidatus Liberibacter spp.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2014-11-28
 
AVISO: O material descrito abaixo refere-se a trabalhos decorrentes desta tese ou dissertação. O conteúdo desses trabalhos é de inteira responsabilidade do autor da tese ou dissertação.
  • OLIVEIRA, C. R., et al. Genetic transformation of citrus sinensis cv. Natal for resistance to Huanglongbing. In 2013 In Vitro Biology Meeting, Providence, Rhode Island, USA, 2013. 2013 In Vitro Biology Meeting. : Society for In Vitro Biology, 2013. Abstract.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.