• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.11.2019.tde-20032019-155515
Documento
Autor
Nome completo
Caio Henrique Lopes Zitelli
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2018
Orientador
Banca examinadora
Cônsoli, Fernando Luis (Presidente)
Bogorni, Paulo César
Montoya, Carolina Reigada
Wajnberg, Éric
Título em inglês
Symbionts and hosts behavioral interactions: a study from the perspective of host - parasitoid interactions
Palavras-chave em inglês
Insect behavior
Natural enemies
Parasitism
Symbionts
Resumo em inglês
Symbiosis is one of the main players in evolution and ecology of organisms. Such intimate interactions may be diverse and have a great impact in biological diversification. One of the main associations that occur in nature is that of insects and microbes. Insect associated microbes are, capable of altering a wide range of physiological, behavioral, ecological and evolutionary events for their hosts. Two very common insect microbial symbionts are Wolbachia and Spiroplasma. Wolbachia is also common to other arthropods and nematodes. To better understand how these relations could influence the behavior of insects, we selected two biological systems to investigate how these symbionts can interfere in the host - parasitoid interactions. We investigated the behavior of two species of parasitoids, Aphelinus asychis (Hymenoptera: Aphididae) and Trichogramma pretiosum (Hymenoptera: Trichogrammatidae) when exploting patches with their respective hosts, Aphis citricidus (Hemiptera: Aphididae) and Anagasta kuehniella (Lepidoptera: Pyralidae). In the first case we looked into how Spiroplasma infecting hosts, and in the second case how Wolbachia infecting the parasitoid may affect parasitoid patch exploitation. We recorded the wasp's behaviors when exploiting their patches, as well as the aphid defensive behavior in response to parasitoid attack. Our data demonstrate Spiroplasma and Wolbachia influence the parasitoid patch exploitation decisions. Spiroplasma also affected the defense behavior and aggressiveness of A. citricidus in response to A. asychis attack. Wolbachia increased the patch residence time and reduced the successful parasitization of host eggs in T. pretiosum. The understanding of such effects will certainly contribute to provide a better knowledge of the outcome of the associations of insects with microbial symbionts, providing ground base for the proper exploitation of such interactions for biological control purposes.
Título em português
Simbiontes e interações comportamentais de hospedeiros: um estudo da perspectiva das interações hospedeiro-parasitoide
Palavras-chave em português
Comportamento de insetos
Inimigos naturais
Parasitismo
Simbiontes
Resumo em português
A simbiose é um dos principais agentes na evolução e ecologia de organismos. Tais interações são muito íntimas, podendo ser muito diversas e ter grandes impactos na diversidade biológica. Uma das principais associações que ocorrem na natureza é aquela entre insetos e microrganismos. Microrganismos associados a insetos são capazes de alterar uma gama de eventos fisiológicos, comportamentais, ecológicos e evolutivos em seus hospedeiros. Dois simbiontes de insetos muito comuns são Wolbachia e Spiroplasma. Wolbachia é também muito comum a outros artrópodes e nematoides. Para melhor compreender como essas relações podem influenciar o comportamento de insetos, dois sistemas biológicos foram selecionados para investigar como esses simbiontes podem interferir nas interações hospedeiro-parasitoide. O comportamento de duas espécies de parasitoides, Aphelinus asychis (Hymenoptera: Aphididae) e Trichogramma pretiosum (Hymenoptera: Trichogrammatidae) foi investigado quando explorando patches com seus respectivos hospedeiros, Aphis citricidus (Hemiptera: Aphididae) e Anagasta kuehniella (Lepidoptera: Pyralidae). No primeiro caso foi investigado como a infecção do hospedeiro por Spiroplasma, e no segundo caso como a infecção do parasitoide por Wolbachia, afetariam a exploração da patch pelos parasitoides. O comportamento dos parasitoides ao explorarem suas patches foi registrado, assim como os comportamentos de defesa dos pulgões em resposta ao ataque do parasitoide. Os dados obtidos demonstraram que Spiroplasma afetaram o comportamento de defesa e a agressividade de A. citricidus em resposta aos ataques de A. asychis. Wolbachia aumentou o tempo de residência e reduziu o sucesso de parasitismo de ovos do hospedeiro por T. pretiosum. A compreensão de tais efeitos certamente contribuirá para o melhor entendimento dos efeitos da associação de insetos a simbiontes, fornecendo bases sólidas para a melhor exploração de tais interações para propósitos de controle biológico de pragas.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Há arquivos retidos devido a solicitação (publicação de dados, patentes ou diretos autorais).
Data de Liberação
2021-03-21
Data de Publicação
2019-04-02
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.