• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
Documento
Autor
Nome completo
Clarice Diniz Alvarenga
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 1992
Orientador
Título em português
Controle integrado do pulgão-verde Schizaphis graminum (Rondani, 1852) em sorgo através de genótipos resistentes e do predador Doru luteipes (Scudder, 1876)
Palavras-chave em português
CONTROLE INTEGRADO
GENÓTIPOS
PULGÃO VERDE
RESISTÊNCIA
SORGO
TESOURINHA
Resumo em português
Avaliou-se no presente trabalho, a viabilidade de se utilizar conjuntamente genótipos de sorgo resistentes e o predador D. luteipes no controle do pulgão-verde. Estudou-se a biologia do predador em S. graminum criado em seis genótipos de sorgo (dois resistentes, dois moderadamente resistentes e dois susceptíveis), sendo seu potencial de predação avaliado em três genótipos. O consumo de pulgões no genótipo resistente foi maior que nos demais genótipos, tanto na fase ninfal como na fase adulta do predador. O crescimento populacional do pulgão-verde, na ausência do predador, foi menor no genótipo resistente e maior no suscetível. Na presença do predador, houve maior redução do crescimento populacional de S. graminum no genótipo resistente em relação ao crescimento de genótipo suscetível, mantendo-se o material com resistência moderada em posição intermediária. A redução da população dos afídeos provocada pelo predador foi de 1,6 vezes no genótipo suscetível, 4 vezes no vezes no moderadamente resistente e 11 vezes no resistente. Na presença do predador a população de pulgões no genótipo resistente foi 20 vezes menor que aquela no genótipo suscetível na ausência do predador. Estudou-se também a viabilidade de controle do pulgão-verde com densidades iniciais de 15, 30 e 60 pulgões/planta, através de genótipos resistentes e de D. luteipes. Em qualquer das densidades de pulgões, mesmo na presença do predador, os genótipos suscetíveis foram altamente danificados, enquanto os resistentes não apresentaram danos. Na presença do predador, o dano nos genótipos moderadamente resistentes foi menor em qualquer densidade inicial de pulgões em relação à ausência do referido predador. Houve interação positiva quando se utilizaram genótipos com resistência moderada e o predador D. luteipes no controle de S. graminum.
Título em inglês
Integrated control of the greenbug, Schizaphis graminum (Rondani, 1852) (Hemiptera-Homoptera, Aphididae) on sorghum by using resistant genotypes and the predator Doru luteipes (Scudder, 1876) (Dermaptera, Forficulidae)
Resumo em inglês
This research deals with the viability of using resistant, sorghum genotypes together with the predator D. luteipes on the control of the greenbug. The biology of the predator was studied on S. graminum reared on six sorghum genotypes (two resistants, two moderately resistants, and two susceptibles). The potential of predation was evaluated on three sorghum genotypes. The consumption of aphids on the resistant, genotype was higher than on the other genotypes not only in the immature stage of the predator but also in the adult, one. The growth of the greenbug population, in the absence of the predator, was lower on the resistant. genotype and higher on the susceptible one. When the predator was present. there was a higher reduction on the population growth of S. graminum on the resistant genotype than that observed on the susceptible genotype, while on the moderately resistant, genotype such reduction remained in an intermediary position. The predator has reduced aphid population by 1.6 times on the susceptible genotype, 4 times on the moderately resistant genotype and 11 times on the resistant one. When the predator was present the aphid population on the resistant genotype was 20 times below that on the susceptible genotype on the absence of the predator. It was also studied the viability of the control of the greenbug with initial densities 15, 30, and 60 aphids/plant, by using resistant genotypes and D. luteipes. No matter which presence of the predator, the susceptible genotypes were highly damaged while the resistant ones were not damaged. When the predator was present, the damage on the moderately resistant genotypes was lower at any initial aphid population density than in the absence of the predator. A positive interaction was observed when moderately resistant genotypes were used together with the predator D. luteipes on the control S.graminum .
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2019-08-22
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.