• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
https://doi.org/10.11606/D.11.2019.tde-20191218-155410
Documento
Autor
Nome completo
Mário Eidi Sato
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 1989
Orientador
Título em português
Avaliação de dano e controle do Thrips tabaci Lindeman, 1888 na cultura da cebola (Allium cepa L.)
Palavras-chave em português
CEBOLA
DANOS
INSETICIDAS
PRODUÇÃO
TRIPES
Resumo em português
Durante os anos de 1986, 1987 e 1988, foram conduzidos quatro experimentos de campo nas áreas experimentais da E.S.A. “Luiz de Queiroz” em Piracicaba, SP, com o objetivo de se estudar os danos causados pelo Thrips tabaci Lindeman, 1888, na cultura de cebola, cultivar Baia Periforme, bem como o controle dessa praga. No primeiro ano, foi realizado um experimento visando observar a ocorrência do tripes em três épocas de plantio: 7 de abril, 5 de maio 2 de junho. Os transplantes foram realizados utilizando mudas de 50 dias após a semeadura. Neste experimento observou-se maior incidência do T. tabaci nas fases iniciais da cultura, do terceiro plantio, refletindo em maiores perdas na produção, quando comparado às épocas anteriores. No mesmo ano, também realizou-se um ensaio visando o controle químico, sendo utilizados produtos de aplicação foliar e granulados aplicados no solo. Os primeiros foram aplicados semanalmente e obteve-se um controle satisfatório para os produtos (deltametrina 8 g i.a./ha), endosulfan (0,8 kg i.a./ha), malation (1,0 kg i.a./ha) e monocrotofos (0,5 kg i.a./ha), havendo destaque para a deltametrina que apresentou eficiência superior a 94% em todas as avaliações. Quanto aos granulados de aldicarb (2,0 kg i.a./ha) e carbofuran (2,0 kg i.a./ha), foram aplicados aos 21 dias após o transplante, obtendo-se um controle superior a 70% até os 28 dias após a aplicação. Estes produtos permitiram uma elevada infestação do T. tabaci nas semanas finais da cultura de campo, porém, que não resultou em prejuízos significativos à produção. No ano de 1987, foi instalado outro experimento visando avaliar a influência da época de infestação do T. tabaci. Através da eliminação da praga em diversas fases do ciclo vegetativo da cebola, com o emprego do controle químico, procurou-se observar o período crítico de ataque desta praga. A fase inicial da cultura, até os 49 dias após o transplante, mostrou ser mais afetada que as fases posteriores, sendo que, o controle nas últimas semanas (após os 70 dias do transplante), mostrou-se desnecessário. Devido às altas infestações do tripés (mais de 40 insetos por planta), ocorreram perdas de até 44,8% no peso de bulbos, nas áreas onde não foi realizado o controle da praga. No ano de 1988, instalou-se um experimento com o intuito de se observar o efeito dos produtos químicos, utilizados no ensaio anterior (controle químico -1986), sobre as plantas de cebola. Para este fim, procurou-se obter plantas com infestações suficientemente baixas, que não causassem danos às mesmas. Trabalhou-se com um número pequeno de plantas (30 por tratamento), onde se fez a eliminação periódica (duas vezes por semana) dos insetos, com o auxílio de um pincel fino. Constatou-se que nenhum produto afetou significativamente o desenvolvimento e a produção da cebola.
Título em inglês
Damage evaluation and control of Thrips tabaci Lindeman, 1888 on onion (Allium cepa L.)
Resumo em inglês
Four field experiments were carried out during 1986; 1987 and 1988 crop seasons on the experimental fields of the E.S.A. “Luiz de Queiroz”, in Piracicaba, SP, Brazil, with the objective of studying with details the damage caused by Thrips tabaci Lindeman, 1888 on onion plants as well as its control. Baia Periforme was the onion variety used in the experiments. One experiment was carried out on the first year in order to determine thrips occurrence in three planting periods: the first on April 7; the second on May 5; and the third on June 2. The transplantations were made by using 50 day-after-sowing seedlings. In this experiment a more intense occurrence of T. tabaci was observed in the earlier stages of the crop for the last planting period, thus reflecting greater yield losses when compared to the previous planting periods. In the same year another experiment was carried out aiming at chemical control, with foliar application products were applied weekly and a satisfactory control was obtained with deltamethrin (8 kg a.i./ha); endosulfan (0.8 kg a.i./ha); malathion (1.0 kg a.i./ha); and monocrotophos (0.5 kg a.i./ha), with a highlight on deltamethrin, which showed more than 94% efficiency in all assessments. As to the granulated products, aldicarb (2.0 kg a.i./ha) and carbofuran (2.0 kg a.i./ha) were applied 21 days after transplanting, and a control higher than 70% was obtained until 28 days after application. These products permitted a high infestation of T. tabaci on the later weeks of the crop in the field, however not resulting significative damage to the yield. In 1987, another experiment was carried out in order to study the influence of infestation period of T. tabaci. An attempt to observe the pest critical period of attack was made, by means of chemically eliminating the onion plants. The early stage of the crop (until 49 days after transplantation) showed to be more affected than the later stages, and control in the last weeks (after 70 days from transplanting) showed to be unnecessary. In the areas where no pest control was adopted by heavy thrips infestations on the experiment plants caused losses of up to 44.8% in the bulb weight. In 1988 an experiment was carried out in order to observe the effect of the chemicals used in the 1986 chemical control experiment on the onion plants. Plants showing sufficiently low infestation rates were used so that infestation could not cause to them. A small number of plants was used (30 per treatment) and the insects were periodically (twice a damage per week) eliminated with a fine hair brush., No product affected significatively the development and yield of the onion plants.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
SatoMarioEidi.pdf (2.59 Mbytes)
Data de Publicação
2019-12-19
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2022. Todos os direitos reservados.