• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Disertación de Maestría
DOI
https://doi.org/10.11606/D.11.1980.tde-20220207-162611
Documento
Autor
Nombre completo
José Djair Vendramim
Dirección Electrónica
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
Piracicaba, 1980
Director
Título en portugués
Aspectos biológicos e avaliação de danos de Aphis gossypii Glover, 1877 (Homoptera-Aphididae) em algodoeiro
Palabras clave en portugués
ALGODÃO
BIOLOGIA
DANOS
PULGÃO
Resumen en portugués
O pulgão Aphis gossypii Glover, 1877 (Homoptera : Aphididae) é uma das mais frequentes pragas do algodoeiro (Gossypium spp.) provocando uma redução na produtividade e qualidade do algodão. Apesar da comprovada importância dessa praga, a literatura nacional carece de dados relacionados à biologia e danos provocados por essa espécie às cultivares de algodoeiro atualmente utilizadas. O presente trabalho teve por objetivo estudar o A. gossypii com referência à biologia comparada das formas amarelas e verdes, biologia comparada em duas idades da planta, efeito da praga no desenvolvimento e produção do algodoeiro e sua distribuição na planta. O estudo foi realizado na cultivar IAC-17 do algodoeiro em condições ambientais. Os aspectos biológicos e o efeito da praga no desenvolvimento das plantas foram estudados em casa de vegetação, enquanto o efeito do inseto na produção do algodoeiro foi determinado em condições de campo. Os principais resultados obtidos, nessas condições, foram os seguintes: a - Não houve diferença significativa entre as formas amarelas e verdes com relação ao número e duração de cada ínstar, duração dos períodos ninfal, pré-reprodutivo, reprodutivo e pós-reprodutivo, e fecundidade; b - A reprodução se processou exclusivamente por partenogênese telítoca, sendo a taxa reprodutiva decrescente com a idade das fêmeas; c - As fêmeas apresentaram um período reprodutivo mais longo e um maior número de descendentes em plantas com 20 a 55 dias quando comparadas à plantas com 55 a 80 dias de idade; com relação à duração dos períodos ninfal e pós-reprodutivo e ao número diário de ninfas produzido por fêmea, não existiu diferença entre as duas idades citadas; d - Houve redução da altura e do peso seco das plantas de algodão devido à presença dos pulgões, mesmo com infestações apenas nos primeiros 15 dias do ciclo vegetativo da planta; e - Em condições de campo, a incidência de afídeos se verificou apenas nos primeiros 60 dias do ciclo vegetativo do algodoeiro com uma população media, neste período, de 12,88 pulgões nas folhas amostradas, para plantas semeadas ao final de novembro; f - A maior população de afídeos ocorreu na primeira quinzena de janeiro, quando as plantas estavam com 35 dias de idade; g - O ataque de pulgões provocou uma redução da ordem de 24,09% no peso do algodão em caroço, bem como um atraso na sua maturação; h - A população de pulgões se distribuiu preferencialmente nas regiões superior e mediana quando comparada à região inferior da planta; i - Houve predominância, nas três regiões da planta estudadas de pulgões pequenos em relação aos médios e grandes; j - Os diferentes tamanhos de pulgões apresentaram entre si correlação positiva e altamente significativa para as três regiões da planta amostradas.
Título en inglés
Not available
Resumen en inglés
Aphis gossypii Glover, 1877 (Homoptera: Aphididae) is one of the most frequent pests on cotton crops (Gossypium spp.), promoting a reduction on cotton yield and quality. Despite the proven importance of this insect, the works at hand do not provide data concerning its biology and its damage on cotton cultivars which are being currently cultivated. This research aimed to study A. gossypii by comparing the biology of yellow and green forms and the biology in two different plant ages, and by observing the effect of the pest on cotton development and yield, as well as its distribution on the plant. The experiments were carried out on cotton plants of the cultivar IAC-17, under environmental conditions. The biological aspects and the effect of the insect in plant development were observed in greenhouses, whereas its effect in the cotton yield was determined in field conditions. The results were as follows: a - No significant difference between yellow and green forms was observed in relation to the number of instars, length of each instar, length of nymphal, pre-reproductive, reproductive, and post-reproductive periods, and fecundity; b - Reproduction is essentially processed by thelytokous parthenogenesis and the reproductive rate decreases as female ages; c - The reproductive period was longer and the progenie number was higher for those females on 20 to 55 days old plants, when compared to the 55 to 80 days old ones. No differences were observed between these two plant ages concerning the length of the nymphal and post-reproductive periods, and the daily number of nymphs produced by female; d - A reduction in height and dry weight was observed in cotton plants bearing aphids, even when infestation occurred in the first 15 days from plant emergence; e - In field conditions the occurrence of aphids was only observed in the first 60 days from plant emergence, and during this period the population averaged 12.88 aphids in the sampled leafs, for plants sowed in late November; f - The highest population numbers occurred when cotton plants were 35 days old, in the first fortnight of January; g - Aphid attack caused a reduction of 24.09% in weight of seed cotton and a delay in cotton maturation; h - Aphid population is preferably distributed in the upper and medium parts of the plant when compared to the lower part; i - The small-sized aphids were predominant in relation to the medium and large-sized ones; j - The different sizes of the insects showed a positive and highly significant correlation for the three parts of the sampled plants.
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
Fecha de Publicación
2022-02-07
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2023. Todos los derechos reservados.