• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Disertación de Maestría
DOI
https://doi.org/10.11606/D.11.2019.tde-20191218-173318
Documento
Autor
Nombre completo
Guilherme de Andrade Lopes
Dirección Electrónica
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
Piracicaba, 2000
Director
Título en portugués
Qualidade da madeira de Eucalyptus saligna Smith, de Itatinga, associada aos padrões de casca apresentados pela população
Palabras clave en portugués
CASCAS
EUCALIPTO
MADEIRA
QUALIDADE
TECNOLOGIA DA MADEIRA
Resumen en portugués
No presente trabalho foram utilizadas árvores de um plantio comercial de Eucalyptus saligna Smith, de 22 anos, que de acordo com o tipo e proporção de casca apresentados, foram denominadas "Tipo Saligna", quando portadoras de casca totalmente lisa. "Tipo Meia-casca", quando o tronco apresentasse casca rugosa em pelo menos 20% até o máximo de 60% da altura do fuste, e ''Tipo Botryoides", quando apresentassem casca rugosa em mais de 70% da altura do fuste. Com o objetivo de avaliar a qualidade da madeira, associada a esses padrões de distribuição de casca, foram determinadas algumas propriedades, escolhidas prioritariamente aquelas de mais fácil determinação e mais importantes para uma eventual seleção precoce de material superior. Os resultados mostraram que o "Tipo Meia-casca" apresentou maior densidade básica. menor teor de umidade natural e maior resistência à compressão paralela às fibras, comportando-se de forma similar ao "Tipo Botryoides". O "Tipo Saligna",diferiu significativamente desses dois. Quanto aos índices de rachaduras e percentagem de casca. o "Tipo Botryoides" apresentou valores mais elevados que os demais, diferindo de forma significativa do "Tipo Saligna". O "Tipo Meia-casca" apresentou comportamento intermediário entre os dois. Para os três tipos específicos analisados. foi observada correlação positiva entre a densidade básica e a resistência à compressão paralela às fibras. e correlação negativa entre qualquer uma dessas variáveis e a umidade natural da madeira. Observou-se também uma correlação positiva entre a densidade básica e a percentagem de casca, mostrando que as árvores com maior densidade básica foram as que apresentaram maior percentagem de casca. Com relação ao comportamento das variáveis em função das posições verticais no fuste não foram observadas variações significativas: exceto para percentagem de casca, que apresentou uma tendência de diminuição com o aumento da altura. Para essa variável observou-se também interação entre tipo específico e posição no fuste. Os resultados demonstraram a possibilidade de estimar-se a densidade básica e a resistência da madeira pela simples determinação do teor de umidade natural. Indicaram também que o padrão fenotípico da casca pode ser utilizado como um bom indicador de qualidade da madeira em Eucalyptus saligna Smith.
Título en inglés
Wood quality of Eucalyptus saligna Smith, from Itatinga, associated to the population bark patterns
Resumen en inglés
In the present work it was used some trees from a 22-year old commercial plantation of Eucalyptus saligna Smith. The trees were classified by the type and proportion of the bark. They were denominated "Type Saligna", when the bark was totally smooth, "Type Half-bark", when the tree presented rough-bark in at least 20% to a maximum of 60% of the tree commercial height, and "Type Botryoides", when they were rough-barked in more than 70% of the tree commercial height. It was determined some properties. the most important and the easiest ones to be determined in early selection programs of the best material. The results showed that the "Type Half-bark" presented the highest basic density value, the smallest natural moisture content and the largest compression strength in parallel to grain. It was similar to the "Type Botryoides". The "Type Saligna", differed significantly of those. Regarding the end splitting indexes and bark percentage, the "Type Botryoides" presented higher values than the others, differing significantly from the "Type Saligna". The ''Type Half-bark" presented intermediate behavior between those early ones. A positive correlation between the basic density and the compression strength in parallel to grain was observed for every types. Negative correlation was found for this mechanical property and the wood natural moisture content. It was also observed a positive correlation between basic density and bark percentage. It seems that the trees will have larger bark percentage if they have higher basic density. It were observed no significant differences between any log vertical positions on the properties, except for the bark percentage, which decreases when the height above the ground increases. It was also observed interaction between type and log position for the bark percentage. The results showed that it is possible to estimate the basic density and the wood compression strength by a simple measurement of the natural moisture content. They also suggest that the bark type can be Llsed as a good indicator for predicting the Eucalyptus saligna Smith wood quality.

 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
Fecha de Publicación
2019-12-19
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2021. Todos los derechos reservados.