• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tesis Doctoral
DOI
10.11606/T.12.2010.tde-15122010-163352
Documento
Autor
Nombre completo
Dione Olesczuk Soutes
Dirección Electrónica
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
São Paulo, 2010
Director
Tribunal
Guerreiro, Reinaldo (Presidente)
Bacic, Miguel Juan
Biazzi, Jorge Luiz de
Gozzi, Sergio
Oyadomari, José Carlos Tiomatsu
Título en portugués
Gestão baseada em tempo e retorno sobre investimentos: um estudo com indústrias brasileiras
Palabras clave en portugués
Administração estratégica
Contabilidade gerencial
Desempenho organizacional
Medidas de atitude
Resumen en portugués
As empresas tradicionalmente competiam pela produção em massa de um produto padronizado ou pela oferta de produtos personalizados em pequenos volumes. Atualmente, um dos desafios competitivos das empresas é a necessidade de oferecer maior variedade de opções aos clientes de um produto tradicionalmente padronizado, este desafio, é conhecido como competição baseada no tempo. Essa inclui o desenvolvimento de novos produtos e serviços mais rapidamente que a concorrência, chegando ao mercado antes e atendendo aos pedidos com maior rapidez. Pode-se afirmar que competição baseada em tempo é a interação entre a empresa e o mercado como um todo, através da estruturação de estratégias de concorrência e gestão baseada em tempo é a maneira como a empresa se organiza internamente visando a redução do tempo de produção. Para competir baseado em tempo é necessário o alinhamento estratégico da empresa. O presente trabalho foi guiado pelas seguintes questões: Em que medida as indústrias brasileiras valorizam a Gestão Baseada em Tempo?, e O desempenho econômico das indústrias está associado a valorização da Gestão Baseada em Tempo? Para que as questões fossem respondidas foram estabelecidos os seguintes objetivos específicos: (I) Organizar a literatura sobre a Gestão Baseada em Tempo; (IIa) Verificar se as indústrias brasileiras articulam e formalizam ações e objetivos estratégicos baseados em tempo; (IIb) Verificar se as indústrias brasileiras desenvolvem ações que garantam a confiabilidade e a aceleração na área de abastecimento; (IIc) Verificar se as indústrias brasileiras desenvolvem ações que garantam a aceleração confiável no processo de produção; (IId) Verificar se as indústrias brasileiras desenvolvem ações que possibilitem a confiabilidade e a geração de valor para os clientes; e (III) Verificar se as indústrias que valorizam a gestão baseada em tempo com mais intensidade apresentam retorno sobre os ativos superior às demais. A presente pesquisa classifica-se quanto à abordagem metodológica, como empirista; quanto aos objetivos, como descritiva; quanto aos procedimentos, como bibliográfica e survey; e quanto à abordagem do problema, como qualitativa. A coleta de dados se deu por meio de (a) instrumento de pesquisa respondido por gestores das indústrias da amostra e (b) levantamento de informações econômicas destas. A população englobada no presente estudo restringe-se a empresas que possuem dois atributos específicos: (i) atuem na atividade industrial e (ii) foram listadas entre as 1.000 maiores empresas no ano-base de 2008 pelo Caderno Maiores e Melhores da Revista Exame. Assim, das 1.000 maiores empresas foram selecionadas as 558 que atuam no setor industrial. Foram excluídas da população também aquelas das quais não era conhecido o valor do Lucro, restando 474 indústrias, ficando estabelecido que esta é a população desta pesquisa. Foram obtidas 97 respostas em uma amostragem não-probabilística e por conveniência. Os resultados foram analisados por meio de estatística descritiva e testes não-paramétricos. Concluiu-se que as indústrias brasileiras valorizam a gestão em tempo, pois no total os respondentes afirmaram concordar com a utilização de 78,58% das práticas e indicadores relacionados à Gestão Baseada em Tempo. Porém não foi identificada associação entre uma maior valorização da Gestão Baseada em Tempo e um maior Retorno Sobre Ativos (ROA).
Título en inglés
Time based management and return on assets: a study on Brazilian industries
Palabras clave en inglés
Management accounting
Organizational performance
Strategic management
Resumen en inglés
Companies used to have a tradition of competing either by means of mass production of a standardized product or by offering customized products in small quantities. Currently, one of the competitive challenges of enterprises is the need to offer a wider variety of options to customers, within a short term, of a product traditionally standardized; this challenge is known as time-based competition. Time-based competition comprises the faster-than-thecompetitor development of new products and services, placement in the market, and order delivery. It is possible to state that time-based competition is the interaction between the company and the market as a whole, through the structuring of strategies of competitiveness; and that time-based management is the way the company is organized internally in order to reduce the amount of time for production. The company must be strategically aligned if it is to be competitive as to time. This work was guided by the following questions: To what extent do Brazilian industries value Time Based Management? Is the economic performance of industries associated with Time Based Management? The following objectives were established so the questions could be answered: (I) organizing the literature on Time Based Management; (IIa) verifying whether Brazilian industries set in motion strategic actions and objectives based on time, (IIb) checking whether Brazilian industries take action towards granting the reliability and hastening of supply; (IIc) examining whether Brazilian industries take action to ensure reliable acceleration in the production process; (IId) investigating if Brazilian industries develop actions that give rise to reliability and value creation for customers; and (III) verifying if the industries that value time based management more intensely generate more return on assets than the competitors. This research is classified as empiricist in methodology; descriptive as to objectives; bibliographic and survey-oriented as to procedures; and qualitative as to problem approach. The data were collected by means of (a) research instrument answered by managers of industries in the sample and (b) survey of economic information on these industries. The population encompassed in the present study was restricted to enterprises bearing two specific attributes: (i) to perform industrial activity; (ii) to be listed among the 1,000 largest companies in the base year 2008 according to Caderno Maiores e Melhores of Revista Exame (The Largest and the Best Exame Magazine). Thus, 558 companies acting in the industrial segment were selected from the list of 1,000. The population whose Profit was not known was also discharged; as a result, 474 industries remained, and these represent the population in this research. Responses obtained in a non-probabilistic and convenience sampling reached a total of 97. The results were analyzed with the use of descriptive statistics and nonparametric tests. They allow us to conclude that Brazilian industries appreciate time based management, because all respondents asserted they agree with the use of 78.58% of practices and indicators related to Time-Based Management. But no association was found between a greater appreciation of time-based management and a higher Return on Assets.
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
Fecha de Publicación
2011-01-13
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2020. Todos los derechos reservados.