• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
Documento
Autor
Nome completo
Marcos Thiago Graciani
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2019
Orientador
Banca examinadora
Duarte, Pedro Garcia (Presidente)
Herfeld, Catherine Sophia
Muramatsu, Roberta
Nakaguma, Marcos Yamada
Título em inglês
Axiomatic choice under uncertainty: a history of von Neumann and Morgenster's theory of games
Palavras-chave em inglês
Axiomatics
History of game theory
Morgenstern
Uncertainty
Von Neumann
Resumo em inglês
This dissertation studies the immediate reception of von Neumann and Morgenstern's Theory of Games and Economic Behavior. It focuses on how economists (and other scientists, such as mathematicians) reacted to von Neumann and Morgenstern's axiomatization of expected utility theory. Such study employs book reviews the Theory of Games received, articles authored by mathematically-proficient readers who followed von Neumann and Morgenstern's lead of axiomatizing choice under uncertainty, and articles that cited the later. The main conclusions are threefold. First, to understand the history of the Theory of Games' reception it is unavoidable to consider how secondary sources acted as disseminators of its premises, results, and method. Second, many skilled authors reflected on von Neumann and Morgenstern's book. Most economists who used that literature in an axiomatic framework cited such contributions to borrow and adapt assumptions. Those who applied results directly generally used less-sophisticated mathematical tools and were not proof-driven. Third, while the independence axiom is a necessary condition for expected utility theory, economists struggled to understand how von Neumann and Morgenstern used it. It was not clear where the Theory of Games hid that assumption. After economists discovered the independence axiom, they did not find an immediate use for it
Título em português
Escolha sob incerteza axiomática: uma história do theory of games de Von Neumann e Morgenstern
Palavras-chave em português
Axiomática
História da teoria dos jogos
Incerteza
Morgenstern
Von Neumann
Resumo em português
Esta dissertação estuda a recepção imediata do Theory of Games and Economic Behavior, de von Neumann e Morgenstern. Seu foco reside em como economistas (e outros cientistas, tais como matemáticos) reagiram à axiomatização da teoria de utilidade esperada composta por von Neumann e Morgenstern. Tal estudo se vale de resenhas do Theory of Games, artigos autorados por leitores proficientes em matemática que seguiram a deixa dos autores de axiomatizar teoria de escolha sob incerteza e, por fim, artigos cujas citações incluem trabalhos destes leitores habilidosos. Há três conclusões principais. Primeiro, para entender a história de recepção do Theory of Games, é importante considerar que fontes secundárias agiram como disseminadores de premissas, resultados e o próprio método do Theory of Games. Segundo, muitos leitores capazes refletiram sobre o livro de von Neumann e Morgenstern. A maioria dos que usaram tal literatura a fizeram de acordo com o método axiomático, citanto aqueles artigos para reproduzir ou adaptar hipóteses. Dentre os que os citaram para aplicar seus resultados diretamente usaram ferramentas matemáticas menos sofisticadas e não tinham como objetivo a produção de demonstrações formais, em geral. Terceiro, enquanto o axioma de independência é uma condição necessária para a teoria de utilidade esperada, economistas tiveram dificuldades em compreender como von Neumann e Morgenstern usaram-no. Não estava claro para eles onde o Theory of Games o havia escondido. Uma vez que os economistas descobriram o axioma, não encontraram uso imediato para ele
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
CorrigidoMarcos.pdf (1.73 Mbytes)
Data de Publicação
2019-08-30
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.