• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Master's Dissertation
DOI
10.11606/D.12.2018.tde-22022018-122551
Document
Author
Full name
Edgard Rasquini Arnas
E-mail
Institute/School/College
Knowledge Area
Date of Defense
Published
São Paulo, 2017
Supervisor
Committee
Pedroso, Marcelo Caldeira (President)
Vidal, Luciane Meneguin Ortega
Malik, Ana Maria
Nakagawa, Marcelo Hiroshi
Title in Portuguese
Gestão da inovação em medicina diagnóstica: um estudo de caso
Keywords in Portuguese
Gestão da inovação
Inovação em serviços de saúde
Medicina diagnóstica
Abstract in Portuguese
Este trabalho busca responder a pergunta de pesquisa: como ocorre a gestão da inovação em uma empresa de Medicina Diagnóstica? Para isso teve como objetivo aprofundar a compreensão sobre a gestão da inovação nesta empresa, entendendo as etapas do processo de inovação (ideação, conversão e difusão), entendendo como a estratégia da inovação se insere no processo de gestão da inovação, e entendendo como que pessoas e organização se inserem na gestão da inovação. Esta pesquisa fez uso de uma abordagem de natureza teórico-prática de enfoque qualitativo e objetivos de caráter exploratório por meio deum estudo de caso único em um centro de medicina diagnóstica de grande porte, reconhecido por práticas de gestão e inovação. Foram utilizadas as técnicas de entrevistas semiestruturadas, observação direta na empresa, e análise de documentos. Para a etapa de entrevista foi elaborado um protocolo semiestruturado com questões orientadoras conforme pesquisa bibliográfica a respeito de gestão da inovação, o setor de saúde e medicina diagnóstica.Foram entrevistados 12 líderes da empresa envolvidos com a gestão da inovação. Todas as fontes de dados foram analisadas e trianguladas chegando à apresentação e discussão de resultados do caso. Como resultados, a pesquisa evidenciou a importância da inovação em medicina diagnóstica, podendo reduzir custos e aumentar a qualidade, além de gerar valor para o restante da cadeia. A estratégia da inovação é alinhada à estratégia corporativa em diversos elementos e possui um processo de definição de drivers que direcionam a companhia no processo de inovação. O processo de inovação é influenciado por atores encontrados na literatura como órgãos reguladores, médicos, pacientes, fornecedores, universidades e operadoras. Além destes, outros foram citados, como órgãos representativos e o Ministério da Ciência e Tecnologia. Dois processos estruturados de inovação foram evidenciados: de novos produtos e de novos processos. O processo de novos produtos é alinhado ao modelo destagegates, enquanto que o processo de novos processos é mais amplo seguindo o modelo hegemônico. A etapa de ideação ocorre com geração de ideias tanto por fontes internas como externas, sendo as principais fontes os médicos e técnicos assessores, e os colaboradores. Técnicas como brainstorming, observação do comportamento dos clientes, e pesquisas acadêmicas são utilizadas. Na etapa de conversão, a seleção e avaliação é feita de maneira colegiada ou individual, por meio de fóruns presenciais ou virtuais. Os critérios de seleção são o alinhamento estratégico, as análises financeiras, técnicas e comerciais. No desenvolvimento e implantação, destaca-se a aplicação de pilotos e testes antes da efetiva implantação da inovação, treinamentos e acompanhamentos da implantação. Por fim, a etapa de difusão ocorre externamente, por meio da equipe comercial junto às operadoras, e com a equipe de médicos e técnicos assessores, junto aos clientes médicos, além dos canais de divulgação como eventos e congressos. A divulgação com clientes finais se dá por meio dos sites, redes sociais, e revistas. Já internamente, a comunicação ocorre principalmente na forma de murais e portais virtuais de comunicação, na atualização de documentos técnicos, e por meio de eventos internos de divulgação do conhecimento, premiação e reconhecimento. Em pessoas e organização, a pesquisa evidenciou que a cultura influencia o processo de gestão da inovação, sendo formada historicamente sobre os pilares de geração de conhecimento e relacionamento acadêmico nas universidades. Objetiva-se gerenciar os recursos humanos capturando pessoas alinhadas ao valor da inovação desde a fase de contratação, passando por treinamentos, avaliação anual de desempenho, premiação e reconhecimento. Não somente os colaboradores internos recebem incentivos e reconhecimentos, como também há incentivos a fornecedores, médicos e universitários por meio de programas específicos.
Title in English
Innovation management in diagnostic medicine: a case study
Keywords in English
Diagnostic medicine
Healthcare Services Innovation
Innovation management
Laboratory medicine
Abstract in English
This master thesis seeks to answer the research question: how works the management of innovation in a case of Diagnostic Medicine? The purpose of this study was to deepen the understanding of innovation management in a diagnostic medicine company, understanding the stages of the innovation process (ideation, conversion and diffusion), understanding how the innovation strategy is embedded in the process of innovation management, and understanding how people and organizations are involved in managing innovation. This research made use of a theoretical-practical approach of qualitative approach and exploratory objectives through a case study in a large diagnostic medicine center, recognized by management and innovation practices. The techniques of semi-structured interviews, direct observation in the company, and document analysis were used. For the interview stage, a semistructured protocol was developed with orienting questions according to bibliographic research regarding innovation management, the health sector and diagnostic medicine. We interviewed 12 company leaders involved in innovation management. All data sources were analyzed and triangulated, arriving at the presentation and discussion of the results of the case. The research highlighted the importance of innovation in diagnostic medicine, which can reduce costs and increase quality, and generate value for the rest of the chain. The innovation strategy is aligned with the corporate strategy in several elements and has a process of definition of drivers that guide the company in the process of innovation. The innovation process is influenced by several stakeholders found in the literature. Besides these others were cited as representative bodies, and the ministry of science and technology. Two structured innovation processes were evidenced: process of new products and new processes. The process of new products is aligned with the stage gates model, while the process of new processes is broader following the hegemonic model. The stage of ideation occurs with the generation of ideas by both internal and external sources, the main sources being the doctors and technical advisors, and collaborators. Techniques such as brainstorming, customer behavior observation, and academic research are used. In the conversion stage, the selection and evaluation can be done collegially or individually, through forums that can be even virtual. The selection criteria are strategic alignment, financial, technical and commercial analysis. In the development and implementation, we highlight the application of pilots and tests before the effective implementation of the innovation, the training and follow-up of the implementation. Finally, the diffusion stage occurs externally, through the commercial team with the operators, and with the team of medical and technical advisors, with the medical clients, in addition to the channels of dissemination such as events, congresses. Publicity with end customers is through websites, social networks, and magazines. Already internally the communication occurs mainly in the form of virtual murals and portals of communication, in the updating of technical documents, and through internal events of dissemination of knowledge, awards and recognition. In people and organization, the research evidenced that culture influences the process of innovation management, being historically formed on the pillars of knowledge generation and academic relationship in universities. It aims to manage human resources by capturing people aligned with the value of innovation from the hiring stage, through training, annual performance evaluation, awards and recognition. Not only do internal collaborators receive incentives and recognition, but there are also incentives to suppliers, doctors and university students through specific programs.
 
WARNING - Viewing this document is conditioned on your acceptance of the following terms of use:
This document is only for private use for research and teaching activities. Reproduction for commercial use is forbidden. This rights cover the whole data about this document as well as its contents. Any uses or copies of this document in whole or in part must include the author's name.
CorrigidoEdgard.pdf (3.75 Mbytes)
Publishing Date
2018-03-02
 
WARNING: Learn what derived works are clicking here.
All rights of the thesis/dissertation are from the authors
CeTI-SC/STI
Digital Library of Theses and Dissertations of USP. Copyright © 2001-2020. All rights reserved.