• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.12.2014.tde-24112014-171233
Documento
Autor
Nome completo
Éder de Carvalho Januário
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2014
Orientador
Banca examinadora
Saes, Maria Sylvia Macchione (Presidente)
Nunes, Rubens
Piao, Roberta de Castro Souza
Título em português
Mudanças institucionais e as relações entre produtores rurais e o segmento processador de leite no Brasil
Palavras-chave em português
Economia institucional
Estrutura de governança
Mercado relevante
Sistema agroindustrial do leite
Resumo em português
O Sistema Agroindustrial do Leite (SAG) foi alvo de mudanças institucionais importantes nos últimos anos. Dentre essas mudanças podemos ressaltar a IN51 em 2002 e que mais tarde foi substituída pela IN 62 no ano de 2012. O objetivo da normativa foi de criar parâmetros técnicos de produção, identidade e qualidade do leite tipo A, de regular tecnicamente a identidade e qualidade do leite cru refrigerado, pasteurizado e regular tecnicamente a coleta de leite cru refrigerado e seu transporte a granel. Esse estudo pretende discutir: Quais os impactos das mudanças institucionais nas relações entre produtores rurais e laticínios no SAG do leite no Brasil? Foram utilizados como referênciais três correntes teóricas que se integram entre si. A primeira abordagem, a Nova Economia Institucional (NEI), na vertente macro, analisa o papel das instituições sobre o desempenho econômico tendo como precursor o laureado Nobel Douglass North. Para North (1990), a instituições são as regras do jogo de uma sociedade, enquanto os jogadores são as organizações. As instituições definem os incentivos aos agentes econômicos estabelecendo as condições em que as atividades empresariais possam florescer. Ou seja, as instituições importam para definir o ambiente de negócios. A segunda abordagem, a Organização Industrial (OI) fornece instrumentos para analisar os determinantes da estrutura de mercado, tais como ganhos de escala e escopo ou outros condicionantes de criação de barreiras à entrada. A terceira, a Economia dos Custos de Transação (ECT), permite analisar as escolhas estratégicas a partir dos condicionantes institucionais e de mercado, assim como fornece suporte para responder a questão de pesquisa, qual seja: entender a lógica econômica das mudanças nas estruturas de governança decorrentes das novas regulamentações que afetam o SAG do leite. Com base nas abordagens teóricas foram desenvolvidas duas preposição concorrentes, sobre o impacto na relação entre produtores e processadores. A primeira sob a ótica da ECT propôs que a regulamentação leva à queda da especificidade dos ativos (temporal e locacional) e, portanto relações mais tênues entre os produtores rurais e laticínios deveriam emergir. A segunda propôs o oposto, que a IN leva ao aumento do mercado relevante e, sob a ótica da OI, cresce a necessidade de estratégias dos laticínios de relações mais próximas com o produtor (fidelização). Nas regiões produtoras de leite estudadas (Ponte Nova-Minas Gerais e Castro - Paraná) constatou-se aumento de estratégias de fidelização, com contratos formais de pagamento por qualidade e assistência técnica.
Título em inglês
Institutional change and relations between rural producers and segment milk processor in Brazil
Palavras-chave em inglês
Governance structure
Institutional change
Milk agribusiness system
Relevant market
Resumo em inglês
The Milk Agribusiness System (MAS) has been subject of important institutional changes in the past few years. Among these changes, we highlight the IN51 as of 2002, that was later replaced by IN 62 as of 2012. The objective of these change was that of creating normative technical parameters for the production, identity and quality of the A type milk, of technically regulating the identity and quality of refrigerated pasteurized and raw milk, and that of technically regulating the collection of refrigerated raw milk and its transportation in bulk. This study aims to discuss: What are the impacts of institutional changes in the relationship between dairy farmers and dairy regulators in the MAS in Brazil? We have used as benchmark three theoretical approaches that integrate together. The first approach, the New Institutional Economics (NIE), in its macro view, examines the role of institutions on economic performance, having as a precursor the Nobel laureate Douglass North. According to North (1990), institutions are the rules of a society, while the players are the organizations. Institutions define the incentives given to economic agents, by establishing the conditions in which business activities can flourish. This means that institutions matter to define the business environment. The second approach, the Industrial Organization (IO), provides tools to analyze the determinants of market structure, such as economies of scale and scope or other constraints; to create entry barriers. The third, Transaction Cost Economics (TCE) allows for the analysis of strategic choices out of the institutional and market constraints, as well as provides support to answer the research question, which is: understanding the economic logic of the governance shifts arising from the new regulations affecting the MAS. Based on these theoretical approaches, two competing hypotheses about the impact on the relationship between producers and processors have been developed. The first, in the perspective of TCE, proposed that regulation leads to lower asset specificity (temporal and locational) and therefore, more tenuous relations between farmers and dairy producers should emerge. The second proposed the opposite, that IO leads to an increase in the relevant market and, from the perspective of IO, a growth in the need for forthcoming strategies between processors and producers (loyalty relationship). In the milk-producing regions studied (Ponte Nova Minas Gerais and Castro - Paraná) we have found and increase in loyalty strategies, with formal contracts of payment in exchange for quality and service.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2014-12-01
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.