• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Disertación de Maestría
DOI
10.11606/D.16.2014.tde-11072014-155539
Documento
Autor
Nombre completo
Patricia Farrielo de Campos
Dirección Electrónica
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
São Paulo, 2014
Director
Tribunal
Lara, Arthur Hunold (Presidente)
Celani, Maria Gabriela Caffarena
Oliveira, Claudia Terezinha de Andrade
Título en portugués
Light Steel Framing: uso em construções habitacionais empregando a modelagem virtual como processo de projeto e planejamento
Palabras clave en portugués
Arquitetura de emergência
Arquitetura sustentável
BIM
Construção seca
Déficit habitacional
Habitação popular
Industrialização da construção
Light Steel Framing
Modelagem computacional
Processos pré-fabricados
Racionalização da construção
Resumen en portugués
O déficit habitacional brasileiro é cada vez maior e os sistemas construtivos utilizados para diminuir a carência de moradias, em sua grande maioria, são lentos e constituídos de forma artesanal. Atualmente, a região brasileira com maior necessidade de unidades habitacionais de baixa renda é a Sudeste, onde se encontra o Estado de São Paulo que representa 19% do déficit habitacional brasileiro. Além disso, o difícil gerenciamento dos projetos envolvidos na construção (arquitetônico, estrutural, elétrico, entre outros), elaborados em diferentes softwares, e a complexa gestão das obras convencionais, em alvenaria, retarda a execução das construções, dificultando a solução do problema habitacional. A utilização do sistema construtivo industrializado Light Steel Framing pode minimizar esse problema, integrando a industrialização na construção civil com as novas tecnologias da informação disponíveis para o mercado da arquitetura, engenharia e construção. Os sistemas construtivos pré-fabricados e industrializados que utilizam o aço, como o Light Steel Framing, quando projetados em plataformas BIM (Building Information Modeling), através de um modelo informativo único, permitem um maior planejamento, partindo do projeto até a fase de fabricação dos componentes da construção. Em função de sua industrialização o Light Steel Framing não permite adaptações e ajustes no canteiro de obras, solicitando assim mão de obra qualificada para a sua execução. Para minimizar e otimizar a quantidade de materiais empregados em uma construção de Light Steel Framing é sugerida a utilização de malhas modulares com 1200x1200mm. A intenção deste trabalho é, de após uma análise aprofundada sobre o sistema construtivo, demonstrar as possibilidades permitidas pelo Light Steel Framing. Através de simulações, em modelos digitais 3D, realizadas tomando como projeto de estudo um modelo habitacional da CDHU estruturado por painéis-parede cegos e painéis-parede com esquadria foi estudada a implementação do sistema Light Steel Framing com o objetivo de aferir a quantidade de material empregado quando o projeto é concebido com os princípios projetivos do sistema construtivo Light Steel Framing.
Título en inglés
Light Steel Framing: use in residential building employing virtual modeling as design and planning process
Palabras clave en inglés
Architecture emergency
BIM
Computational modeling
Dry construction
Housing déficit
Industrialization of construction
Light Steel Framing
Prefabricated processes
Public housing
Rationalization of construction
Sustainable architecture
Resumen en inglés
The housing deficit is growing and the building systems used to reduce the shortage of housing are mostly slow, manual processes. Currently, the Brazilian region with the greatest need for low-income housing units is the Southeast, where the state of São Paulo represents 19% of the Brazilian housing deficit. Furthermore, the difficult management of the projects involved in construction (architectural, structural, electrical, etc.), which are prepared in different software, and the complex management of conventional construction--masonry--slows the building process, aggravating the housing problem. The use of the industrialized building system Light Steel Framing can minimize this problem by incorporating industrialization in construction with the new information technologies available in the market for architecture, engineering and construction. The prefabricated and industrialized building systems which use steel, such as the Light Steel Framing, when designed on BIM (Building Information Modeling) platforms, through a single information model, allow for greater planning, from the design phase to the manufacturing of building components. Due to its industrialization, Light Steel Framing does not allow adaptations and adjustments at the construction site, thus requiring skilled labor for its implementation. To minimize and optimize the amount of materials used in Light Steel Framing construction the use of modular meshes of 1200x1200mm is suggested. The intention of this work is, after a detailed analysis of the constructive system, to demonstrate the possibilities afforded by Light Steel Framing. Through simulations in 3D digital models. using a CDHU housing model with blind wall panels and casing wall panels as a case study, the deployment of Light Steel Framing has been studied with the aim of measuring the amount of material employed when the project is designed with the design principles of the Light Steel Framing construction system.
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
Fecha de Publicación
2014-09-02
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2021. Todos los derechos reservados.