• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
Documento
Autor
Nome completo
Anna Helena de Assis Meirelles Villela
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2019
Orientador
Banca examinadora
Silva, Fernanda Fernandes da (Presidente)
Oliveira, Mirtes Cristina Marins de
Sperling, David Moreno
Título em português
Expografia na 27ª Bienal de São Paulo
Palavras-chave em português
27ª Bienal de São Paulo
Arte contemporânea
Curadoria
Expografia
Exposição
Pavilhão Ciccillo Matarazzo
Resumo em português
Essa dissertação tem como foco de investigação expografias de exposições de arte contemporânea. Elege como estudo de caso a 27ª Bienal de São Paulo cujo tema foi Como viver Junto (2006). O estudo se dá a partir da análise crítica das relações interdisciplinares, que constituem a exposição: arte, curadoria, arquitetura pré-existente e expografia. A escolha da 27ª Bienal se justifica pelo caráter experimental da mostra que implementou diversas mudanças no modelo institucional estabelecido até então. Estas transformações ampliaram o papel dos curadores e por consequência alteraram a relação com o projeto expográfico, que passou a ter um caráter mais autoral. O estudo se inicia com a contextualização da mostra, com uma retomada histórica da Bienal de São Paulo até 2006, análise espacial do Pavilhão Ciccillo Matarazzo e avaliação do legado da 27ªBienal para as expografias das mostras subsequentes. Faz uma análise da inserção da proposta curatorial da 27ª Bienal no circuito global das exposições internacionais. Finaliza com a leitura crítica da mostra a partir da reconstituição de um percurso pela exposição, apontando como se deram as relações interdisciplinares entre narrativa curatorial, projeto expográfico e obras de arte no Pavilhão Ciccillo Matarazzo.
Título em inglês
The Exhibition Design of the 27th São Paulo Biennial
Palavras-chave em inglês
27th Bienal de São Paulo
Ciccillo Matarazzo Pavilion
Contemporary art
Curatorship
Exhibition
Exhibition design
Resumo em inglês
This dissertation focuses on the investigation of the exhibition design of contemporary art exhibitions. Elects as a case study the 27th Bienal de São Paulo whose theme was How to Live Together (2006). The study is based on a critical analysis of the interdisciplinary relationships that constitute the exhibition: art, curatorship, preexisting architecture and exhibition design. The choice of the 27th Biennial is justified by the experimental character of the exhibition that implemented several changes in the institutional model established until then. These transformations amplified the role of the curators and consequently altered the relation with the exhibition design, that became more authorial. The study begins with the contextualisation of the exhibition, with a historical resumption of the São Paulo Biennial until 2006, spatial analysis of the Ciccillo Matarazzo Pavilion and evaluation of the legacy of the 27th Bienal for the exhibitions of the subsequent shows. It analyzes the insertion of the curatorial proposal of the 27th Bienal in the global circuit of international shows. It finishes with the review of the exhibition with the reconstitution of a tour through the show, pointing out how the interdisciplinary relations happened between curatorial narrative, design exhibition project and works of art in the Pavilion Ciccillo Matarazzo.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2019-11-12
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.