• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.16.2016.tde-08032016-170640
Documento
Autor
Nome completo
Beatriz Bezerra Tone
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2015
Orientador
Banca examinadora
Pereira, Paulo Cesar Xavier (Presidente)
Rocha, Angela Maria
Gitahy, Maria Lucia Caira
Lopes, Ruy Sardinha
Seabra, Odette Carvalho de Lima
Título em português
São Paulo, século XXl: valorização imobiliária e dissolução urbana
Palavras-chave em português
Construção civil
Espoliação Desigualdade
Exploração
Mercado imobiliário
Urbanização
Resumo em português
Esta tese tem por objeto de estudo a valorização imobiliária pela produção crescente de condomínios em São Paulo a partir de 2000, aqui denominada generalização da forma condomínio, manifestação do fetichismo na sua forma contemporânea. Tal produção imobiliária envolve a prática social da propriedade privada, a concepção e a construção imobiliária, a produção e apropriação das condições urbanas gerais (infraestrutura, equipamentos), o mercado de capitais, enfim, é fruto da interação entre frações do capital produtivo e rentista, frações da classe trabalhadora, fenômeno chave das transformações urbanas recentes. Permite, portanto, uma abordagem da totalidade em movimento. Trata-se do recente boom imobiliário no Brasil resultado de determinada política efetivada sob defesa de amplo espectro da sociedade para inclusão de frações da classe trabalhadora no mercado imobiliário formal. O problema é que tal produção imobiliária traz em seu cerne a reprodução da desigualdade e agravamento dos problemas urbanos. A partir daí, o estudo sobre esta produção imobiliária contemporânea tem por objetivo compreender as determinações recíprocas entre construção, urbanização e acumulação na perspectiva de contribuir para a compreensão da totalidade dos processos de produção e apropriação da metrópole contemporânea. Demonstrar-se-á que a produção imobiliária em São Paulo se fundamenta em relações sociais de exploração, espoliação e dominação que integram diversos tempos e espaços e, aprofundadas recentemente, lastreiam a valorização e capitalização pela produção da metrópole. A crescente relevância da propriedade mobiliária e imobiliária na produção, realização e distribuição da riqueza implica mudanças na produção imediata no âmbito da construção, no processo global de produção e na produção total, segundo Henri Lefebvre, tendo como horizonte a formação da sociedade urbana. Entretanto, tal urbanização total vem se concretizando como dissolução urbana, como se explicitará ao longo desta tese.
Título em inglês
São Paulo, XXIst century: real estate valuation and urban dissolution
Palavras-chave em inglês
Construction industry
Exploitation
Inequality
Real estate market
Spolation
Urbanization
Resumo em inglês
This thesis will discuss the real estate valuation by the increasing production of condominiums in Sao Paulo from 2000, here called generalized form condominium, fetishism outbreak in its contemporary form. Such real estate production involves the social practice of private property, the design and building construction, the production and the appropriation of the general urban conditions (infrastructure, equipment), the capital market, in short, it is the result of the interaction between fractions of the productive and the income capital, fractions of the working class, key phenomenon of the recent urban transformations. Therefore, it allows an approach to the entire movement. This recent real estate boom in Brazil is a result of a policy defended by broad spectrums of the society in order to include fractions of the working class in the formal real estate market. The issue is that the reproduction of inequality and the worsening urban problems are in the core of such real estate production. From there on, the study of this contemporary property production aims to understand reciprocal determinations between construction, urbanization and accumulation in order to contribute to the understanding of all production processes and ownership of the contemporary metropolis. We will demonstrate that the real estate production in São Paulo is based on social relations of exploitation, spoliation and domination that integrate different times and spaces, and, recently deepened, back the valuation and capitalization for the production of the metropolis. The growing relevance of movable and immovable property in the production, development and distribution of wealth implies changes in the immediate production under construction in the overall production process and in what Henri Lefebvre called total production, according Henri Lefebvre, with the perspective of a urban society formation. However, this total urbanization has come to pass as urban dissolution.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
beatriztonerev.pdf (910.35 Kbytes)
Data de Publicação
2016-03-23
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.