• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.16.2013.tde-06012014-160038
Documento
Autor
Nome completo
Rosane Rebeca de Oliveira Santos
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2013
Orientador
Banca examinadora
Rolnik, Raquel (Presidente)
Ferreira, João Sette Whitaker
Lima Junior, Pedro de Novais
Título em português
O planejamento da cidade é o planejamento dos jogos? O megaevento olímpico como instrumento de (re)ordenação do território carioca
Palavras-chave em português
Megaeventos esportivos
Política urbana
Processos decisórios
Resumo em português
A busca pela realização dos Jogos Olímpicos parece ter conduzido e orientado as principais determinações da política urbana do município do Rio de Janeiro nos últimos anos. Ao finalmente conquistar a oportunidade de sediar o megaevento esportivo, esse tem sido utilizado como instrumento para se colocar em prática e legitimar um processo de (re)ordenação do território, através de grandes intervenções urbanas, com aporte de recursos públicos de todos os níveis governamentais. O trabalho tem como objetivo analisar e discutir as propostas territoriais do Plano Olímpico "Rio 2016", em primeiro lugar, através da investigação sobre sua relação com os instrumentos de planejamento e política urbana do município - Plano Diretor e Plano Estratégico -, considerando que o mesmo não advém de um processo democrático, não se sabendo nem mesmo onde, quando e por quem foi formulado. Segundo, pela reconstituição do processo que lhe deu origem, por meio de uma análise detida dos documentos oficiais e entrevistas realizadas com atores envolvidos, à luz da conjuntura político-administrativa carioca, na tentativa de identificar os sujeitos e interesses relacionados, principalmente à escolha locacional da Barra da Tijuca como região que concentrará a maior parte das instalações olímpicas e consequentemente dos investimentos. E por fim, abordando as intervenções que estão em andamento, os impactos e conflitos delas decorrentes, bem como as principais alterações já realizadas no Plano Olímpico original, procurando sempre apontar processos através dos quais decisões urbanísticas estruturadoras passam ao largo dos mecanismos formais-institucionais e os efeitos decorrentes deste modelo de ação sobre o território carioca.
Título em inglês
The city planning of the games? The Olympic mega-event as an instrument of (re) ordering of the territory of Rio
Palavras-chave em inglês
Decision making process
Sports mega-events
Urban politics
Resumo em inglês
The bid for Olympic Games have oriented then urban policies the city of Rio de Janeiro in the last 20 years. When finally Rio got the opportunity to host the megaevent, it has been used as an instrument to put in practice and legitimize a process of (re)ordering of the territory through major urban interventions, mobilizing investments of public resources of all levels of government. This work aims to analyze and discuss the "Rio 2016" Olympic Plan's territorial proposals, focusing its relationship with local instruments of planning and urban policy - Master Plan and Strategic Plan - considering that the proposals did not emerged from a democratic process, being even unknown, when and by whom it was defined. Second, the work also reconstiturs the decision making process, through a careful analysis of official documents and interviews with key actors, in an attempt to identify the subjects and interests related to the locational choice of Barra da Tijuca - the region which will concentrate most of the Olympic facilities and hence investment. Finally, we address the process of implementation of the Olympic plans, its impacts and then conflicts arising from them, as well as major changes already made in the original Olympic Plan, identifying processes by which urban decisions pass by the formal-institutional mechanisms and the effects of this intervention model on the territory of Rio.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2014-02-26
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.