• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
https://doi.org/10.11606/T.17.2020.tde-12112019-100853
Documento
Autor
Nome completo
Cahuê de Bernardis Murat
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2019
Orientador
Banca examinadora
Leão, Ricardo Mauricio Xavier (Presidente)
Colombari, Débora Simões de Almeida
Abdulkader, Fernando Rodrigues de Moraes
Eichenberger, Daniela Accorsi Mendonça
Título em português
Sensibilidade à baixa glicose extracelular em neurônios e astrócitos do núcleo do trato solitário
Palavras-chave em português
Astrócitos
Canais para potássio sensíveis ao ATP
Glicose
Hipoglicemia
Inositol 1,4,5-trifosfato tipo 2
Neurônios
Núcleo do trato solitário
Resumo em português
O cérebro é altamente dependente da glicose para manter o metabolismo celular, e a hipoglicemia cerebral pode comprometer a neurotransmissão e sobrevivência. O núcleo do trato solitário (NTS) é um centro integrativo para o controle da glicemia, e recentes estudos mostram que neurônios e astrócitos do NTS podem responder a alterações da concentração de glicose no ambiente extracelular. No presente estudo, visamos investigar os mecanismos de sensibilidade à baixa glicose extracelular em neurônios e astrócitos do NTS em fatias do tronco encefálico de roedores. Em condições normoglicêmicas, verificamos que a maioria dos neurônios do NTS despolarizam em resposta à baixa glicose extracelular por um mecanismo dependente de voltagem que envolve a abertura de uma corrente catiônica. Adicionalmente, demonstramos que os canais para potássio sensíveis ao ATP (KATP) controlam o potencial de repouso da membrana, e portanto são moduladores significativos da sensibilidade à baixa glicose extracelular em neurônios do NTS. Em astrócitos do NTS, observamos que a diminuição da concentração de glicose extracelular aumenta a frequência de oscilações de cálcio citosólico por um mecanismo dependente da mobilização de cálcio mediada pelo receptor de inositol 1,4,5-trifosfato tipo 2 (IP3R2) em retículos endoplasmáticos. Verificamos também a existência de sinalização astrócito-neurônio por glutamato, a qual pode ser regulada pela concentração de glicose do meio externo. Além disso, demonstramos que uma condição hiperglicêmica compromete a sensibilidade à baixa glicose extracelular em neurônios e astrócitos do NTS, e pode afetar a gliotransmissão. Nossos dados sugerem que a sensibilidade à baixa glicose extracelular em neurônios e astrócitos do NTS pode estar relacionada à deficiência autonômica associada à hipoglicemia.
Título em inglês
Low-glucose sensing in neurons and astrocytes from the nucleus of the tractus solitarius
Palavras-chave em inglês
Astrocytes , ATP-sensitive potassium channels
Glucose
Hypoglycemia
Inositol 1,4,5-triphosphate type 2
Neurons
Nucleus tractus solitarius
Resumo em inglês
The brain primarily relies on glucose for sustaining cell metabolism, and brain hypoglycemia may compromise neurotransmission and cell survivor. The nucleus tractus solitarius (NTS) is an integrative center for the control of circulating glucose, and recent studies have shown that NTS neurons and astrocytes can respond to glucose concentration changes in the extracellular milieu. Here, we aimed to investigate the low-glucose-sensing mechanisms in NTS neurons and astrocytes from rodent brainstem slices. In normoglycemic conditions (5 mM glucose), we verified that most NTS neurons depolarize in response to a low-glucose challenge (0.5 mM glucose), in a voltage-dependent mechanism involving the opening of a cationic current. Additionally, we demonstrated that ATP-sensitive potassium channels (KATP) control the resting membrane potential, thus notably modulating the low-glucose response in neurons. Regarding the NTS astrocytes, we observed that the reduction of external glucose concentration induces an increase in calcium oscillation frequency in the soma via an inositol 1,4,5-triphosphate type 2 (IP3R2)- dependent calcium release from the endoplasmic reticulum. We also verified the existence of a glutamate-mediated astrocyte-neuron signaling that can be regulated by extracellular glucose levels. Moreover, we showed that a hyperglycemic condition (10 mM glucose) compromises the low-glucose sensitivity in NTS neurons and astrocytes, and can affect gliotransmission. Our data suggest that the low-glucose sensing mechanisms might be related to the hypoglycemia-associated autonomic failure
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2020-01-24
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.