• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.17.2005.tde-12062013-083912
Documento
Autor
Nome completo
Celso Teixeira Mendes Junior
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2005
Orientador
Banca examinadora
Simões, Aguinaldo Luiz (Presidente)
Ferraz, Victor Evangelista de Faria
Meyer, Diogo
Salzano, Francisco Mauro
Santos, Fabrício Rodrigues dos
Título em português
DNA Mitocondrial na Amazônia Brasileira: Estrutura Genética Regional e Inferências Continentais.
Palavras-chave em português
DNA mitocondrial
Genética Populacional
Índios sul-americanos
Resumo em português
Sítios arqueológicos, polimorfismos genéticos clássicos e marcadores moleculares (estes em menor quantidade) foram empregados nos últimos anos para o desenvolvimento de modelos de povoamento e investigação de rotas migratórias percorridas pelos primeiros habitantes do continente sul-americano. Apesar destes esforços, muitas incertezas relacionadas aos movimentos populacionais realizados pelos ancestrais dos índios contemporâneos na América do Sul ainda permanecem. Com o objetivo de estudar a estrutura populacional dos indígenas da Amazônia e contribuir para o melhor entendimento do povoamento deste continente, polimorfismos que definem os haplogrupos fundadores do DNA mitocondrial nativo-americano foram analisados em 308 indígenas pertencentes a 16 aldeias de 7 tribos da região central da Amazônia. A posição central ocupada por estas tribos no continente sul-americano faz com que sejam relevantes nas tentativas de reconstrução dos movimentos populacionais sul-americanos. Nesta região, existe particular interesse pela estrutura genética da tribo Tikúna, inicialmente tida como enigmática por se preservar como uma das únicas grandes tribos pouco miscigenadas da Amazônia central, e do grupo lingüístico Pano, que embora se distribua por grande extensão territorial, apresenta homogeneidades étnica, lingüística e cultural notáveis, razão pela qual as populações (tribos) deste grupo são consideradas como parte de uma mesma tribo. Oito aldeias Tikúna e seis aldeias de quatro tribos Pano (Katukina, Kaxináwa, Marúbo e Yaminawa) fazem parte deste estudo. Os resultados indicam que constituem populações realmente pouco miscigenadas, sendo a mistura inter-étnica feminina praticamente desprezível (0,32%). Foi encontrada heterogeneidade entre aldeias Tikúna, sendo observados dois grupos altamente homogêneos que diferem consideravelmente entre si. Em relação aos Pano, a homogeneidade lingüística e cultural deste grupo não se reflete em sua estrutura genética, visto que os níveis de heterogeneidade entre populações Pano são equivalentes ou até mesmo superiores aos observados entre populações de afiliação lingüística distintas. No geral, as mulheres indígenas da região central da Amazônia se apresentaram mais heterogêneas do que os homens, o que pode ser interpretado como maiores taxas migratórias femininas. Por meio de análises continentais foi observado que tanto a afiliação lingüística quanto a geografia exercem forte influência no padrão de variabilidade genética nas Américas. Quando apenas populações ameríndias são consideradas, a heterogeneidade é maior entre populações sul-americanas do que norte-americanas, o que estaria relacionado com maior atuação da deriva genética neste continente. Os dados corroboram a hipótese de que uma onda migratória principal seria responsável pelo povoamento das Américas. Ao longo deste movimento migratório, múltiplos efeitos do fundador teriam ocorrido até alcançar a América do Sul. Ao entrar na América do Sul, tal onda teria assumido rotas distintas direcionadas ao norte (acompanhando a costa Atlântica em direção ao leste do continente), ao sul (acompanhando a costa do Oceano Pacífico) e, possivelmente, em direção ao centro da Amazônia. Visto que as principais rotas migratórias foram necessariamente percorridas por membros de ambos os sexos, a análise de marcadores patrilineares seria pertinente para se testar esta rota em direção ao centro da Amazônia, bem como as duas rotas clássicas anteriormente propostas e aqui corroboradas.
Título em inglês
Mitochondrial DNA in the Brazilian Amazon: Regional Genetic Structure and Continental Inferences.
Palavras-chave em inglês
DNA mitocondrial
Population Genetics
South American Indians
Resumo em inglês
Archeological sites, classical polymorphisms and molecular markers (in smaller amount) were employed during the last years to develop models regarding peopling and to investigate the routes followed by the first inhabitants of South America. In spite of these efforts, a great amount of uncertainties related to the populational movements performed by the ancestors of current Amerindians from South America still remains. Aiming to study the population structure of the indigenous people from Amazon and to contribute to a better understanding regarding South America peopling, polymorphisms defining the mitochondrial DNA founder haplogroups of Native-Americans were studied in 308 Amerindians pertaining to 16 villages of seven tribes from the central part of Amazon. The central position occupied by these tribes in South-American geography renders them special interest for attempts to reCOJ:'lstruct the populational movements in this continent. In this central region, there is particular interest in the genetic structure of the Tikuna tribe, initially considered as an enigmatic tribe due to their preservation as one ofthe very few large and relatively pure tribes of Central Amazon. There is also interest in the Pano (linguistic) group that, in spite of being distributed through a really large area, still presents notable ethnic, Jinguistic and cultural homogeneities, which is the reason why the various populations (tribes) are considered as samples of a single tribe. Eight Tikuna villages along with six villages from four Pano tribes (Katukina, Kaxinawa, Marubo e Yaminawa) are part of this research. The results obtained indicate that the populations analyzed are actually weakly admixed, with an almost negligible female inter-ethnic admixture (0.32%). Heterogeneity was found among the Tikuna villages, identified in the form of two highly homogeneous groups that are remarkably different from each other. Regarding the Pano, the linguistic and cultural homogeneity is not reflected in this group's genetic structure, as can be seen by the high levels of heterogeneity found between the Pano populations, equal to or greater than the observed between other populations belonging to different languages. Overall, indigenous women from central Amazon are more structured than man, which can be interpreted as a higher female migration rate. Continental analysis revealed that both language and geography exert strong influence over the genetic diversity pattern found in America. When only Am~rindian populations are considered, it can be observed a higher level of heterogeneity in South America than in North America, which could be related to an increase in genetic drift in the former. Presented data corroborate the hypothesis of one major migration being responsible for America peopling. Multiple founder effects could have occurred along with this migratory movement until reaching South America. Following the entrance in this continent, such wave could have been split into different routes pointing to the north of part of South America (following the Atlantic Coast to the f'astern part of the continent), to the south (along with the Pacific Coast) and possibly to the central part of Amazon. As long as the major migratory routes were essentially followed by members of both genders, the analysis of patrilinear markers would be pertinent to confirm or not such route pointing to the Central Amazon, as well as the two classical routes here corroborated.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2013-07-04
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.