• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.17.2013.tde-22102013-141513
Documento
Autor
Nome completo
Alexandre Fachini
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2013
Orientador
Banca examinadora
Furtado, Erikson Felipe (Presidente)
Andrade, Arthur Guerra de
Colares, Maria de Fátima Aveiro
Santos, Jair Licio Ferreira
Turato, Egberto Ribeiro
Título em português
Aspectos da vida acadêmica associados ao uso de álcool e outras drogas
Palavras-chave em português
álcool
drogas ilícitas
longitudinal.
universitários
vida acadêmica
Resumo em português
INTRODUÇÃO: Estudos sinalizam que a experiência universitária corresponde a um momento de maior vulnerabilidade para o consumo de álcool e outras drogas. Essa afirmativa decorre da maior prevalência do consumo de substâncias observada entre universitários em comparação a outras amostras populacionais, inclusive jovens não universitários. OBJETIVOS: Avaliar a associação entre o uso de álcool e outras drogas (ilícitas e medicamentos) com variáveis do contexto acadêmico e os significados atribuídos pelos estudantes sobre essa relação. METODOLOGIA: Estudo longitudinal prospectivo de tratamento quantitativo e qualitativo dos dados realizado com 85 estudantes da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo. Foi utilizado um questionário contendo questões estruturadas para avaliar os aspectos envolvidos na experiência estudantil e os instrumentos de pesquisa AUDIT (Alcohol Use Disorders Identification Test) e DUSI (Drug Use Screening Inventory) para avaliar o uso de álcool e de outras drogas, respectivamente. Também foram realizadas entrevistas semiestruturadas com alguns participantes e subsequente análise de conteúdo. RESULTADOS: Homens aumentaram o padrão de binge drinking, indicando um risco substancial nos períodos finais do curso universitário (p<0,001; OR=10), igualmente para os estudantes satisfeitos com o curso (p=0,04; OR=17). Por sua vez, no início do curso, estudantes que se autoavaliaram com desempenho escolar sem prejuízos decorrentes do consumo de drogas, apresentaram um risco três vezes maior para binge drinking, sugerindo um sentimento de onipotência e imunidade aos efeitos do beber excessivo. Ao contrário, a mesma característica foi protetora para o consumo de drogas ilícitas e medicamentos, indicando um possível distanciamento de usuários dessa classe de substâncias. A análise qualitativa das entrevistas revelou uma interação entre um conjunto de categorias, especialmente, a dissociação entre conhecimento e práticas do beber, rotina estudantil estressante, peculiaridades do grupo de amigos, festas e o sentimento de liberdade em não residir com os pais. CONCLUSÕES: Diferentes variáveis parecem atuar em cada momento específico da formação acadêmica. Apesar de não ser possível traçar um perfil que se configure como risco ou proteção, existem aspectos pertinentes ao contexto da vida estudantil associados ao comportamento do consumo de substâncias. Associações observadas revelam a necessidade de ações de curto prazo que se orientem no conceito de redução de danos. Além disso, centros especializados de apoio ao estudante e ações que privilegiem a dimensão psicopedagógica no contexto da formação acadêmica podem ser um importante meio de auxílio imediato aos jovens estudantes.
Título em inglês
Association between aspects of academic life and drugs use
Palavras-chave em inglês
academic life
alcohol
college
illicit drugs
longitudinal.
Resumo em inglês
INTRODUCTION: Several studies have indicated that college years are a period of greater vulnerability to alcohol and other psychoactive drugs use. This evidence stems from the higher prevalence of substance use observed among college students in comparison to others young adults. OBJECTIVE: To evaluate the association between alcohol and other drugs (illicit drugs) use and variables of the academic life, and the meanings attributed by students on this relationship. METHODOLOGY: Longitudinal study, quantitative and qualitative approach, design on a convenience sample of 85 undergraduate students from all courses of the School of Medicine of Ribeirão Preto of University of São Paulo. Alcohol Use Disorders Identification Test (AUDIT) and the Drug use Screening Inventory (DUSI) have been used as measures of alcohol use and others psychoactive drugs use respectively. Structured questionnaire evaluated aspects related to academic life. Semi-structured interviews are conducted with some participants and submitted to content analysis. RESULTS: Men increased binge drinking pattern, indicating a substantial risk in the final periods in college (p <0.001, OR = 10), also for the college satisfied with the course (p = 0.04, OR = 17). However, in the early periods of the course, the low self-rated poor school performance was indicative of a 3-fold increased risk for the same pattern of alcohol use, but this same feature was protective for the consumption of drugs and medicines. Analysis revealed an interaction between a set of categories, particularly dissociation between knowledge and practice of drinking, stressful routine student, peculiarities of peer group, celebrations and sense of freedom in not living with parents. CONCLUSIONS: Different variables appear to act in each specific moment of graduation. Although it is not possible to draw a profile that is set as risk or protection, there are context-relevant aspects of student life behavior associated with substance use. Associations observed reveal the need for short-term actions to be guided by the concept of harm reduction. In addition, specialized centers and student support activities that emphasize psycho-pedagogical dimension in the context of academic life may an important way of helping for college students.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2013-12-17
 
AVISO: O material descrito abaixo refere-se a trabalhos decorrentes desta tese ou dissertação. O conteúdo desses trabalhos é de inteira responsabilidade do autor da tese ou dissertação.
  • Fachini, Alexandre, et al. Efficacy of brief alcohol screening intervention for college students (basics): a meta-analysis of randomized controlled trials [doi:10.1186/1747-597X-7-40]. SUBST ABUSE TREAT PR [online], 2012, vol. 7, p. 40.
  • AYER-ABDALLA, M. B., et al. Efficacy of Brief Alcohol Screening Intervention for College Students (BASICS): a meta-analysis of randomized controlled trials. In 9th Conference of INEBRIA, Barcelona, 2012. 9th Conference of INEBRIA., 2012. Abstract.
  • FACHINI, A., e FURTADO, E. F. Influência do processo de formação acadêmica sobre expectativas do uso de álcool. In XXVIII Congresso Brasileiro de Psiquiatria, Fortaleza, 2010. Revista Brasileira de Psiquiatria (Suplemento especial)., 2010. Resumo.
  • SHIMADA, R. N., FACHINI, A., e FURTADO, E. F. Insatisfação com a carreira e o desempenho estudantil e sua associação com o uso de álcool e drogas em universitários da área da saúde. In 47º Congresso Brasileiro de Educação Médica, Curitiba, 2009. Revista Brasileira de Educação Médica (suplemento)., 2009. Resumo.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.