• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.17.2016.tde-06112015-114535
Documento
Autor
Nome completo
Monique Tonani Novaes
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2015
Orientador
Banca examinadora
Coelho, Eduardo Barbosa (Presidente)
Costa, André Lucirton
Pádua, Silvia Inês Dallavalle de
Título em português
Aplicação da árvore da realidade atual para a identificação de oportunidades de melhoria em uma unidade de pesquisa clínica
Palavras-chave em português
Árvore da Realidade Atual.
Melhoria Contínua
Pesquisa Clínica
Teoria das Restrições
Resumo em português
Para a condução de um estudo clínico hoje é necessária colaboração e participação de um diverso grupo de partes interessadas, incluindo patrocinadores do estudo, governo, agencias regulatórias, comitês de ética, pacientes, investigadores clínicos. Os centros de pesquisa clínica, local onde estudos clínicos são realizados, devem conseguir gerenciar tudo isso para que possam conduzir os estudos clínicos de forma a garantir a acurácia e qualidade dos dados, bem como a segurança dos sujeitos de pesquisa. Na busca da melhoria contínua do desempenho de uma organização, a Teoria das Restrições atua por meio de ações gerenciais sobre os gargalos, apresentando ferramentas que podem auxiliar na compreensão de um problema complexo, entre elas está a Árvore da Realidade Atual (ARA). É importante realizar um diagnóstico do ambiente interno da organização, sendo predecessor às mudanças e intervenções nas organizações de forma eficaz. O encontro de um problema leva a identificação de uma oportunidade de melhoria dos processos. Assim, o objetivo deste trabalho é verificar se a ARA pode auxiliar a gestão de uma unidade de pesquisa clínica, já que se trata de um problema complexo, apontando oportunidades de melhoria. Para isso, foi realizado um estudo de caso na Unidade de Pesquisa Clínica (UPC) do HCFMRP-USP, sendo realizadas todas as etapas para construção da ARA. Como resultado, foi construída a ARA, sendo identificados 257 Efeitos Indesejáveis (EIs) e 04 causas raízes desses efeitos, que juntas constituem os problemas centrais do centro. Para cada uma das causas raízes foi proposto um plano de ação. Conclui-se que a utilização da ARA mostrou-se eficiente no âmbito de pesquisa clínica, uma vez que conseguiu sintetizar as principais oportunidades de melhoria de um centro de pesquisa, e direcionar os esforços dos gestores em ações específicas e estratégicas.
Título em inglês
Current Reality Tree application for identifying opportunities for improvement in clinical research site.
Palavras-chave em inglês
Clinical Research
Continuous Improvement
Current Reality Tree
Theory of Constraints
Resumo em inglês
Cooperation among a diverse group of stakeholders, including: research, sponsors industry, academia, government, nonprofit organizations, clinical investigators, patients, physicians, and regulators is necessary in conducting a clinical trial today. The investigators and sites where clinical studies are conducted, should be able to manage it all those things, so they can conduct clinical studies to ensure the accuracy and quality of data as well the safety of research subjects. In pursuit of continuous improvement of an organization's performance, Theory of Constraints operates through management actions on bottlenecks, with tools that can assist in the understanding of a complex problem, among them is the Current Reality Tree (CRT). It is important to make a diagnosis of the organization's internal environment, and before the changes and effectively interventions in organizations. Finding a problem leads to the identification of an opportunity to improve process. The aim of this study is to verify if the Current Reality Tree can assist the management of a clinical research site, since it is a complex problem, pointing out opportunities for improvement. For this, we conducted a study case in the Clinical Research Unit (UPC) HCFMRP-USP, being applied all steps from CRT methodology. As a result, it was built ARA, identified 257 Undesirable Effects (EIs) and 04 root causes of these effects, which together are the core problems. For each of the root causes was proposed a plan of action. With this it has been concluded that the use of the ARA was efficient under clinical research, one could summarize the main opportunities for improvement of a site, and direct the efforts of managers in specific and strategic actions.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2016-03-03
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.