• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.18.2005.tde-10082005-013946
Documento
Autor
Nome completo
Regina Mambeli Barros
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Carlos, 2005
Orientador
Banca examinadora
Wendland, Edson Cezar (Presidente)
Barbassa, Ademir Paceli
Collischonn, Walter
Mendiondo, Eduardo Mario
Righetto, Antonio Marozzi
Título em português
Previsão de enchentes para o plano diretor de drenagem urbana de São Carlos (PDDUSC) na bacia escola do córrego do Gregório
Palavras-chave em português
bacias urbanas
mapeamento de enchentes
modelo concentrado
modelo distribuído
plano diretor
São Carlos
Resumo em português
O mapeamento de inundações tem sido objeto de estudo para o desenvolvimento de Planos Diretores (PD). Desde 2002, a Prefeitura Municipal de São Carlos-SP (PMSC) desenvolve seu PD com diretrizes para prevenção e controle de enchentes. No entanto, o cenário atual é o de execução de obras estruturais anti-enchentes, onerosas e de soluções pontuais. Pela ausência de planejamento prévio da urbanização em áreas de risco, a região do Mercado Municipal de São Carlos (MMSC) é a principal atingida pelas enchentes na várzea do córrego do Gregório. Este estudo provê elementos à tomada de decisão no PD através de medidas estruturais e não-estruturais como o mapeamento de enchentes. Foram inventariados os eventos críticos que produziram inundações próximo ao MMSC, via entrevista à população da várzea. Para essas datas e para chuvas de projeto, foram simulados os escoamentos com transformação chuva-vazão integrada e propagação simples através de um modelo concentrado IPHS-1 e um modelo distribuído HIDRORAS, cujos resultados foram comparados. Os dados de entrada foram calibrados usando dados monitorados. As incertezas inerentes aos modelos foram identificadas. Os eventos simulados oferecem importantes subsídios para o mapeamento de inundações, a discutir na agenda do PD da cidade. Foram estudadas medidas estruturais de controle de inundação, consistindo em um “piscinão” sem necessidade de escavação, e não-estruturais, como o acréscimo de áreas de infiltração. Concluiu-se que, para bacias urbanas, como a bacia do córrego do Gregório, as alterações nos padrões de fluxo de escoamento devido às vias urbanas são mais bem representadas pelo modelo distribuído HIDRORAS, apesar de se reservar uma parcela de incertezas quanto a este modelo, como a atribuição de valores ao parâmetro da condutividade hidráulica saturada
Título em inglês
Flood prediction at córrego do Gregório watershed for São Carlos urban drainage master plan (PDDUSC)
Palavras-chave em inglês
concentrated model
distributed model
flooding mapping
master plan
São Carlos-SP
urban watershed
Resumo em inglês
Since 2002, the Municipality of São Carlos, SP, Brazil (PMSC) is developing a Master Plan, thereby pursuing the guidelines for flood preventing and controlling. However, the present scenario shows expensive, on-site anti-flood works in São Carlos. Due to the absence of previous watershed planning, the area around the Municipality Market (MMSC) is continuously threatened by overspilling inundation events in the floodplain of the Gregorio river. Aim of this work is to provide supporting information to decision-making in the Master Plan using structural and nonstructural measures, as flood zoning of risk-prone areas. Critical flood events that produced inundation at MMSC were identified interviewing inhabitants living in these urban risk-areas. Those critical events were simulated with runoff-stormflow transformation and wave routing by the concentrated model IPHS-1 and the distributed model HIDRORAS, which results were compared. Input data were calibrated from monitored flood events. Uncertainties inherent to each model were identified. Results depict initial yardsticks for flood mapping to be included in the Master Plan agenda. Structural measures of flooding control, consisting in a retention basin without excavation, and non-structural measures, as increase of the infiltration area, were investigated. It came out that for urban watersheds as the Gregório basin, changes in the flow patterns due to urban paths are better represented by the distributed model HIDRORAS. However, a portion of uncertainties for this model, like the influence of soil’s saturated hydraulic conductivity still remain
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
TESE.pdf (25.71 Mbytes)
siginifica que o arquivo pode ser somente acessado dentro da Universidade de São Paulo.
Data de Publicação
2006-04-25
 
AVISO: O material descrito abaixo refere-se a trabalhos decorrentes desta tese ou dissertação. O conteúdo desses trabalhos é de inteira responsabilidade do autor da tese ou dissertação.
  • BARROS, Regina Mambeli, MENDIONDO, E. M., e WENDLAND, E. Cálculo de áreas inundáveis devido a enchentes para o Plano DIretor de Drenagem Urbana de São Carlos (PDDUSC) na Bacia-Escola do Córrego do Gregório. Revista Brasileira de Recursos Hídricos, 2007, vol. 12, p. 5-17.
  • BARROS, Regina Mambeli, et al. Cálculo de vazões em eventos críticos para mapeamento de inundações na sub-bacia do Córrego do Gregório, São Carlos-SP. In XV Simpósio Brasileiro de Recursos Hídricos, Curitiba-PR, 2003. Desafios à gestão da água no limiar do século XXI.Porto Alegre - RS : ABRH / Video Congress, 2003.
  • BARROS, Regina Mambeli, et al. Entrevista à sociedade civil sobre gestão de recursos hídricos e drenagem urbana. In VIII Simpósio do Curso de Pós-Graduação em Ciências da Engenharia Ambiental, São Carlos-SP, 2002. Políticas Públicas e Meio-Ambiente., 2002. Resumo.
  • BARROS, Regina Mambeli, et al. Entrevista à sociedade civil sobre gestão de recursos hídricos e drenagem urbana. In XV Simpósio Brasileiro de Recursos Hídricos, Curitiba-PR, 2003. Desafios à gestão da água no limiar do século XXI.Porto Alegre - RS : ABRH / Video Congress, 2003.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.