• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.18.2010.tde-25042011-095947
Documento
Autor
Nome completo
Marcos José de Oliveira
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Carlos, 2010
Orientador
Banca examinadora
Vecchia, Francisco Arthur da Silva (Presidente)
Azevedo, Tarik Rezende de
Felicio, Ricardo Augusto
Título em português
Incertezas associadas à temperatura do ar no contexto das mudanças climáticas: determinação das causas e efeitos de heterogeneidades e discussão das implicações práticas
Palavras-chave em português
Aquecimento global
Climatologia
Mudanças climáticas
Temperatura do ar
Resumo em português
O registro da temperatura terrestre é um indicador fundamental nas análises de mudanças do clima global. A presente investigação tratou da verificação e quantificação dos efeitos de heterogeneidades (erros) em séries da temperatura do ar obtidas em estação climatológica localizada em Itirapina, SP, Brasil. As principais causas de heterogeneidades estudadas foram: mudanças dos horários de observação e cálculos da temperatura média diária; mudanças dos tipos de instrumentos utilizados (convencionais e automáticos) e mudanças nos abrigos meteorológicos. A metodologia aplicada consistiu em comparar, em diferentes escalas temporais, várias séries de temperatura do ar em relação a uma série de referência, assumida como mais confiável. As diferenças obtidas, em termos de desvios, resultaram em valores nas seguintes ordens de grandeza, de acordo com cada escala: 10,0ºC na escala das medições horárias; 5,0ºC na escala das médias diárias; 2,0ºC, na escala mensal; 1,0ºC na escala anual; e 1,5ºC na escala de normal climatológica (30 anos) de exibição dos valores médios da temperatura do ar. Conclui-se que em escalas reduzidas (horárias e diárias) existem erros de alta magnitude de variação, porém de baixa frequência de ocorrência. Com o aumento da escala, a magnitude dos desvios diminui. As causas de heterogeneidades, de acordo com os desvios observados, ficam classificadas, na ordem de menor para a maior intensidade de influência: mudanças dos abrigos; mudanças dos cálculos das médias diárias; e mudanças dos instrumentos. No contexto da discussão do aquecimento global, na ordem de 0,6ºC no último século, a ocorrência de erros e incertezas de mesma ou maior magnitude pode comprometer o uso da temperatura do ar como uma evidência confiável de mudanças do clima, uma vez que mudanças não-climáticas interferem significativamente nas medições. O uso da evidência é discutido no contexto da interação entre a Ciência, Política, Mídia e Economia. Foi identificado que, neste âmbito externo ao meio científico, as incertezas são diminuídas e ignoradas, tanto devido ao processo de simplificação da informação para sua difusão, quanto devido a interesses que norteiam a manipulação intencional e tendenciosa do tema. Devido à disputa de diferentes interesses, foi feita uma breve discussão de alguns aspectos controversos, permeando a atuação de cientistas céticos à crença da contribuição humana significativa nas mudanças climáticas.
Título em inglês
Uncertainties associated with the air temperature in the context of climate change: determination of the causes and effects of heterogeneities and discussion of the practical implications
Palavras-chave em inglês
Air temperature
Climate change
Climatology
Global warming
Resumo em inglês
The instrumental temperature record is a key indicator in the analysis of global climate change. This research dealt with the verification and quantification of the effects of heterogeneities (errors) in air temperature series obtained from a climatological station located in Itirapina, SP, Brazil. The main causes of heterogeneity studied were: changes on the times of observation and on the daily mean air temperature calculation; changes on the types of instruments (conventional and automatic); and changes in thermometer screens. The methodology consisted of comparing, at different time scales, several series of air temperature series in relation to a reference series, assumed to be more reliable. The differences obtained, in terms of deviations, resulted in the following orders of magnitude, according to each scale: 10.0ºC in the range of hourly measurements, 5.0ºC in the range of daily mean, 2.0°C in monthly scale, 1.0°C in the annual scale and 1.5°C in the climatological normal scale (30 years). It follows that at small scales (hourly and daily) exist errors of high magnitude of change, but low frequency of occurrence. With increasing scale, the magnitude of the deviations decreases. The causes of heterogeneity, according to the observed deviations, are ranked in order of lowest to highest extent of influence: changes on screens, changes on daily mean air temperature calculation, and changes of the instruments. In the context of the discussion of global warming, on the order of 0.6ºC over the last century, the occurrence of errors and uncertainties in same or greater magnitude can compromise the use of air temperature as a reliable evidence of climate changes, since non-climatic changes significantly interfere the measurements. The use of evidence is discussed in the context of the interaction between Science, Politics, Media and Economics. It was identified that, outside the scientific environment context, the uncertainties are reduced and neglected, both due to the simplification process for the information dissemination, as due to concerns that guide the intentional and biased manipulation on the subject. Due to the competition of different interests, there was held a brief discussion of some controversial aspects, permeating the work of skeptical scientists on the belief of the significant human contribution to the climate change.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2011-04-27
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.