• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.18.2017.tde-10022017-151217
Documento
Autor
Nome completo
Fabio Alves Barbosa
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Carlos, 2007
Orientador
Banca examinadora
Porto, Arthur José Vieira (Presidente)
Guerrini, Fábio Müller
Azzolini Junior, Walther
Módolo, Délson Luiz
Sacomano Neto, Mario
Título em português
Competitividade e investimento tecnológico em redes interorganizacionais: metodologia de avaliação no setor citrícola
Palavras-chave em português
Competitividade
Investimento tecnológico
Organizações citrícolas
Redes interfirmas
Resumo em português
Na literatura sobre redes empresariais é notada a importância de dois temas interligados: competitividade e gestão tecnológica. Atualmente, a competitividade interfirmas é dependente dos investimentos em tecnologias organizacionais realizados por empresas individuais que, por sua vez, estão baseados, primariamente, nos referenciais de comportamento da demanda. Em relação ao ambiente interno das empresas que compõem uma rede, os fatores de competitividade (que dependem dos referenciais de demanda) são usados como base para se determinar as "melhores práticas" e tecnologias organizacionais que podem otimizar o desempenho individual das empresas e, conseqüentemente, melhoram a competitividade interorganizacional. O estudo consiste na seguinte questão: em uma rede, em quais tecnologias as empresas devem investir para obterem um real aumento de competitividade sistêmica? Para isso, o presente trabalho propôs uma metodologia qualitativa e quantitativa para melhorar a competitividade de rede através de investimentos tecnológicos adequados. Normalmente, uma competitividade melhorada pode ser constatada através do aumento nas vendas de produtos, proporcionando, conseqüentemente, uma maior participação de mercado. Como sistemática de validação, o estudo de caso desenvolvido em uma rede interfirmas do setor citrícola serviu como laboratório da metodologia proposta, denominada de "Metodologia de Análise Competitiva e Tecnológica" (MACT). O principal resultado da aplicação da MACT é uma prescrição de tecnologias organizacionais para aumentar o desempenho de empresas individuais, bem como a competitividade de toda a rede. Portanto, esse trabalho contribui com a gestão de redes interfirmas através da determinação de investimentos em tecnologias que melhorem processos de negócio em uma perspectiva individual e coletiva.
Título em inglês
Competitiveness and technological investment in interorganizational networks: evaluation methodology in the citrus sector
Palavras-chave em inglês
Citrus enterprises
Competitiveness
Interfirm networks
Technological investment
Resumo em inglês
In the business networks literature has been noticing the importance of two interlinked themes: competitiveness and technological management. Nowadays, the interfirm competitiveness is dependent of investments in organizational technologies accomplished by individual enterprises that, for its time, are based, primarily, in demand behavior patterns. In relation to internal ambient of companies that compose a network, the competitiveness factors (that depend of demand patterns) are used as references to determine the best practices and organizational technologies that can optimize the individual performance of enterprises and, consequently, improve the interorganizational competitiveness. The study consists of following question: in an interfirm network, in which technologies the companies should invest to obtain a real increase of systemic competitiveness? For that, the present work proposed a qualitative/quantitative methodology to improve the network competitiveness through appropriate technological investments. Usually, an improved competitiveness can be verified through the increase in the products sales, providing, consequently, a larger market share. As validation systematic, the case study developed in a interfirm network belonging to citrus segment served as laboratory of proposed methodology, denominated of "Methodology of Competitive and Technological Analysis" (MCTA). The main result of MCTA application is a prescription of organizational technologies toincrease the performance of individual firms, as well the whole network competitiveness. Therefore, this work contributes with the management of interfirm networks through determination of investments in technologies that improve business processes in individual and collective perspectives.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2017-02-13
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.