• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.21.1985.tde-30062010-132419
Documento
Autor
Nome completo
Mario Katsuragawa
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 1985
Orientador
Banca examinadora
Matsuura, Yasunobu (Presidente)
Campaner, Antonio Frederico
Por, Maria Scintila de Almeida Prado
Título em português
Estudos sobre Variabilidade de Amostragem, Distribui-cao e Abundancia de Larvas de Peixes da Regiao Sudes-te do Brasil
Palavras-chave em português
abundância
amostragem de ictioplâncton
Costa sudeste do Brasil
distribuição
Ictioplâncton
larvas de peixes
Resumo em português
Utilizando-se materiais coletados durante qua-tro cruzeiros oceanográficos com o N/Oc ."Prof. W. Besnard", na região Sudeste do Brasil, compreendida entre Cabo Frio (RJ) e Florianópolis (SC), de janeiro de 1980 a março de 1982, foram realizados estudos quali quantitativos so-bre ocorrências de larvas de peixes, relacionando-as com fatores abióticos. Problemas concernentes aos processos de amostragem tambem foram verificadas. Realizaram-se dois tipos de arrastos: arrasto oblíquo com a rede Bongo usando-se malhagens de 0,333 mm (fina) e de 0,505 mm (regular), e arrasto horizontal de superfície com a rede de Neuston, de 0,333 mm de malhagem. Em cada estação oceanográfica, alem das amostras biologicas, efetuaram-se as medições de temperatura e coleta de água para determinação de salinidade. Um total de 35.090 larvas foram analisadas, incluíndo as coletas das redes fina e regular da Bongo e a rede de Neuston. Dentre estas, 61 grupos diferentes foram separados, chegando a níveis específicos em alguns casos.- Dois gêneros e quatro especies foram identificados pela primeira vez na região: Saurida spp, Hygophum spp, Trachinocephalus myops, Synodus foetens Bregmaceros can-tori e Maurolicus muelleri. As famílias predominantes foram Clupeidae, Engraulidae, Myctophidae e Gonostomatidae. De uma maneira geral, a região Sudeste apresentou grande riqueza em taxa, mas com o predomínio de poucos grupos, em termos de abundância. Análises da relação entre larvas de peixes e fatores abióticos revelaram a existência de padrões de ocorrência e distribuição próprios para cada espécie, dentro de uma determinada faixa de variaçao de temperatura e de salinidade. Estudos realizados durante uma estação fixa de 36 horas em Cabo Frio, mostraram uma situação típica da estrutura oceanográfica da região, notando-se mudanças de massas de água no local, devido ao fenômeno da ressurgiê-cia. Este fator, associado ao horário de coleta, deve ter exercido influência de maneira complexa sobre o componen-te biológico, induzindo mudanças na ocorrência de diferentes tipos de larvas. Dois transectos, um ao largo de Cabo Frio e ou-tro ao largo de paranaguá, foram analisados com o intuito de obter-se informações a respeito da ocorrência e distribuição de larvas de acordo com a distância da costa. Os dados hidrográficos comprovam a existincia de diferentes massas de água compondo a estrutura oceanográfica daregião, que por sua vez influenciam a ocorrência e distribuição de larvas. A família Gerreidae teve a maior abundância associada à massa costeira. Sardinella brasiliensis, Harenguia jaguna e Engraulis anchoita foram de distribuição tipicamente nerítica, assim como as famílias Sciaenidae, Bleniidae, Ophidiidae, Carangidae e Cynoglossidae. Por ou-tro lado, Myctophidae, Gonostomatidae, Paralepedidae e Scombridae ocorreram preferencialmente na região ocêanica, que sofre influência da Corrente do Brasil. Análise do material coletado com a rede de Neuston comprovam a importância deste tipo de amostragem su-perficial para os estudos relacionados com o ictioplâncton, uma vez que esta rede captura uma porcentagem da população que é subamostrada pela rede Bongo. Observou-se a tendência de estratificação na camada superficial, principalmete de formas jovens, como no caso de Sardinella brasiliensis. Um aspecto especialmente notável foi o caso das fa-mílias Mugilidae e Mullidae em que a captura se deu significativamente em maior número no arrasto de superfície do que no arrasto oblíquo. Comparando-se os materiais coletados com as re-des finas e regular da Bongo, pôde-se verificar dois pro-blemas relacionados com a seletividade: o entupimento da rede e o escape de larvas menores através da malhagem. Ecomparando-se os materiais coletados durante os períodos diurno e noturno, pôde-se verificar o outro problema importante de seletividade, que é a fuga da boca da rede de larvas maiores. As nossas amostragens parecem nao ter sido afetadas pelo problema de entupimento, como mostram as análises do volume de água filtrada. Já o escape de lar-vas menores foi constatado em vários grupos, tendo sido de terminado para três especies o tamanho a partir do qual este problema começa a se tornar evidente: 7,5 mm para Sardinella brasiliensis e 6,5 mm para Harengula jaguana e Engraulis anchoita. A fuga da boca da rede ocorreu em lar-vas maiores durante o dia, concluindo-se que este problema varia conforme a especie, o padrão de migração vertical e o desenvolvimento do sistema visual.
Título em inglês
Study on sampling variability, distribution and abundance of fish larvae off the Southeastern Coast of Brazil
Palavras-chave em inglês
abundance
Distribution
fish larvae
Ichthyoplankton
ichtyoplankton sampling
Southeastern coast of Brazil
Resumo em inglês
Four oceanographic cruises have heen carried out off the southeastern Brazilian coast from Cabo Frio (23ºS) to Florianópolis (27°S) during the period from January 1980 to March 1982 by the R/V" Prof. W. Besnard ,". Fish larvae taken during these cruises were analysed and influences of abiotic factors on their occurrence were discussed.Problems regarding the sampling process were also discussed. Two kinds of sampling gears were used: Bongo nets fitted with a 0.505 mm and 0.333 mm mesh nets for oblique tow and Neuston net with a 0.333 mesh net for surface horizontal tow. At each sampling station, hydrographic data were sampled in addition to biological data. Total of 35,090 larvae were analysed. Sixty one groups were classified and some dominant ones were identified to spec1es level. Larvae belonging to two genera and four species were identified for the first time in the region under observation, i. e. Saurida spp., Hygophum spp., Synodus foetens, Trachinocephalus myops, Bregmaceros cantori and Maurolicus muelleri. The most abundant families were clupeidae, Engraulidae, Myctophidae and Gonostomatidae. In general, the ichthyoplankton from the southeastern Brazilian coast showed a large variety of larvae, but just few groups were outstandingly abundant. Analysing the relations between occurrence of fish larvae and hydrographic parameters, we found specific distri-bution patterns for each species. At the fixed station off Cabo Frio (22°59'S; 042º05'7W), 36 hour observations have been done and biological and hydrographic data have been collected every two hours. A change in the local oceanographic structure during the survey period has been observed along with wind induced coastal upwelling. A change of the oceanographic conditions associated with sampling time, may have influenced the occurrence of fish larvae. In order to obtain information on the distribution patterns of fish larvae in relation to distance from the coast, the samples collected on two transects off Cabo Frio and paranaguá were analysed. The presence of four different water masses in this region was confirmed and the occurrence and distribution of larvae seems to have close relationship with those water masses. Larvae of the family Gerreidae were more abundant in the coas tal water mass and those of Sardinella braziliensis, Harengula jaguana and Engraulis anchoita showed typical neritic distribution. Larvae belonging to the families Sciaenidae, Blenniidae, Ophídiidae, Carangidae and Cynoglossidae also showed the same distribution pattern. On the other hand, larvae belonging to the families Myctophidae, Gonostomatidae, Paralepedidae and Scombridae occurred mainly in the oceanic region where the influence of the Brazil Current is eminent. The ichthyoplankton collected at surface layer with Neuston net showed quite different types and size composition of fish larvae, In comparison with those taken with Bongo nets. Clear tendency of stratification in size composition at the surface layer was observed on some species (e.g. S.braziliensis). Larvae belonging to the families Mugilidae and Mullidae seems to be more concentrated at the surface layer, since they were more frequently sampled with the Neuston neto Three problems related to selectivity of plankton net (clogging, extrusion and avoidance) can be studied compar1ng the materials collected with the Bongo ets fitted with different mesh size nets and sampled at different times of the day. As shown in Figs. 23 and 24, there is no evidence of clogging of the fine mesh net during this survey. On the other hand, the extrusion of smaller larvae was confirmed for many groups and it was observed at sizes smaller than 7.5 mm, 6.5 mm, and 6.5 mm, respectively for S.brasiliensis, H.jaguana and E. anchoita. The avoidance was more remarkeble during the day time for larger larvae, but this problem varies depending on spec1es, migration pattern, and development stage of the visual system of each larvae
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Mario_M.pdf (4.56 Mbytes)
Data de Publicação
2010-12-13
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.