• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
https://doi.org/10.11606/D.21.2020.tde-09032020-160255
Documento
Autor
Nome completo
Thais Fonseca Rech
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2019
Orientador
Banca examinadora
Turra, Alexander (Presidente)
Christofoletti, Ronaldo Adriano
Zalmon, Ilana Rosental
Título em inglês
Improving the classification of data deficient species in Red Lists: the case of the trigonal clam Tivela mactroides (Born, 1778) (Bivalvia) in São Paulo State
Palavras-chave em inglês
Biodiversity loss
Citizen participation
Coastal Threats
Data gaps
Marine conservation
Resumo em inglês
Endangered species lists (or Red Lists) are useful tools for species conservation but, if inappropriately applied, they can be sources of conflict. This situation is aggravated for marine species, whose data deficiency is associated with the difficulties in the acquisition of information about the ecology of most organisms, especially invertebrates. In addition, lists can be made for different administrative levels (Global, National, Regional etc.) and, therefore, adequate information is needed for each of these scales. The list of endangered species of the State of São Paulo, Brazil, includes the trigonal clam Tivela mactroides, a beach bivalve used as food and recreation resource by inhabitants and tourists on the Northern Coast of the state. The lack of information on concepts and criteria to support inclusion in the state Red List and the potential negative consequences of this management tool to clam users raised concern on its application to T. mactroides. To overcome this data deficiency, we employed a stepped strategy to qualify information on its geographic distribution and trends in population size and potential threats. In this work, we developed a strategy of gathering information aiming to improve the categorization of this clam in the list of endangered species. We combined incremental steps considering review of literature and data repositories, simplified habitat suitability model, interviews with experts and local community, citizen science approach and beach validation visits. The combination of the employed methods revealed the occurrence of T. mactroides in 59 beaches, more than what could had been previously identified by traditional methods available (41 beaches) to the creation of Red Lists: Literature review, data repositories and experts. The literature was insufficient to inform the trends in population density and the possible threats. The overall temporal trends in the size of populations derived from interviews indicated a decrease, both for specific beaches and for the coastal as a whole. Waste water, oil spills and other pollutants were frequently mentioned, by both experts and communities, while clam capture was not cited as often as a threat. Considering that a species included in the List of Threatened Species of the State of São Paulo is protected from capture by law, the inclusion on the list might not offer full protection for T. mactroides due to the existence of multiple threats and the risk of habitat loss. An Ecosystem Based approach, facing both direct and indirect pressures on clam populations, would be the most adequate course of action to support conservation and sustainable use of Tivela mactroides. We demonstrated possible weaknesses and strengths of the methods, proposing that each method can be applied for conservation purposes depending on the characteristics of the project.
Título em português
Melhorando a classificação de espécies Deficientes de Dados em Listas Vermelhas: o caso do berbigão Tivela mactroides (Born, 1778) (Bivalvia) no Estado de São Paulo
Palavras-chave em português
Ameaças Costeiras
Conservação Marinha
Lacuna de dados
Participação cidadã
Perda de biodiversidade
Resumo em português
Listas de espécies ameaçadas de extinção (ou Listas Vermelhas) são ferramentas úteis para a conservação de espécies, mas podem ser fontes de conflito, se aplicadas inadequadamente. Essa situação é agravada para espécies marinhas, cuja deficiência de dados está associada às dificuldades na aquisição de informações sobre a maioria dos organismos, especialmente invertebrados. Além disso, listas podem ser feitas para diferentes níveis administrativos (Global, Nacional, Regional) e, portanto, informações adequadas são necessárias para cada uma dessas escalas. A Lista de Espécies Ameaçadas de Extinção do Estado de São Paulo, Brasil, inclui o berbigão Tivela mactroides, um bivalve de praia usado como alimento e recreação por habitantes e turistas na Costa Norte do estado. A falta de informações sobre conceitos e critérios para apoiar a inclusão na Lista Vermelha estadual e as possíveis conseqüências negativas dessa ferramenta de gestão para os usuários do berbigão aumentaram a preocupação com sua aplicação ao T. mactroides. Para superar essa deficiência de dados, empregamos uma estratégia escalonada para qualificar informações sobre sua distribuição geográfica e tendências no tamanho da população e ameaças potenciais. Neste trabalho, desenvolvemos uma estratégia de coleta de informações visando melhorar a categorização deste bivalve na Lista de Espécies Ameaçadas de Extinção. Combinamos etapas incrementais e inovadoras considerando a revisão de literatura, bases de dados, modelo simplificado de adequação de habitat, entrevistas com especialistas e comunidade, ciência cidadã e visitas de validação de praias. A combinação dos métodos empregados revelou a ocorrência de T. mactroides em 59 praias, mais do que poderia ter sido previamente identificado pelos métodos tradicionais (41 praias) disponíveis para a criação de Listas Vermelhas: Revisão de literatura, repositórios de dados e especialistas. A literatura foi insuficiente para informar as tendências da densidade populacional e as possíveis ameaças. As tendências temporais globais no tamanho das populações oriundas de entrevistas indicaram uma diminuição, tanto para praias específicas quanto para o litoral como um todo. Águas servidas, derrames de óleo e outros poluentes foram frequentemente mencionados, tanto por especialistas como por comunidades, enquanto a captura de moluscos não foi citada com tanta frequência. Dado que a espécie incluída na Lista de Espécies Ameaçadas do Estado de São Paulo está protegida de captura por lei, sua inclusão pode não oferecer proteção total para T. mactroides devido à existência de múltiplas ameaças e ao risco de perda. Uma abordagem baseada em ecossistemas, enfrentando pressões diretas e indiretas sobre as populações de amêijoas, seria o curso de ação mais adequado para apoiar a conservação e o uso sustentável de T. mactroides. Demonstramos possíveis pontos fracos e fortes dos métodos, propondo que cada método possa ser aplicado para fins de conservação, dependendo das características do projeto.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2020-03-11
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.