• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.22.1995.tde-13012010-153237
Documento
Autor
Nome completo
Zeyne Alves Pires Scherer
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 1995
Orientador
Banca examinadora
Luis, Margarita Antonia Villar (Presidente)
Contel, Jose Onildo Betioli
Romanelli, Geraldo
Título em português
Percepções e significados atribuídos pelos pacientes à vivência da queimadura: a importância do processo interativo paciente-enfermeiro de saúde mental
Palavras-chave em português
emoções
enfermagem psiquiátrica.
pacientes internados
parestesia
Resumo em português
O estudo é qualitativo e foi desenvolvido a partir da observação e interação direta com pacientes internados na Unidade de Queimados - Emergência do Hospital das Clínicas - Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (USP). Teve como objetivos conhecer os significados que os pacientes atribuíam à vivência da queimadura e detectar o processo de ajuda que o enfermeiro de saúde mental pode estabelecer. As bases teóricas que nortearam o estudo, centraram-se nos fundamentos de ROGERS(1966), de VINOGRADOV & YALOM(1992) e na teoria de CAPLAN(1950). A amostra foi constituída por 13 adultos de ambos os sexos, diferentes idades, ocupações e procedências. Os dados foram obtidos mediante a entrevista individual não diretiva e reuniões em grupo, que serviram, também, como veículo da assistência de enfermagem de saúde mental. O material foi submetido à análise temática conforme preconizado por BARDIN(1977). Daí emergiram temas comuns no discurso dos pacientes propiciando o conhecimento sobre a experiência vivida. Foram comuns as alusões referentes ao banho, curativo e a cirurgia, cujas percepções e significados compuseram o que se denominou de ciclo da dor. Esteve presente ainda, o tema solidão relacionado a vínculos familiares e pessoas significativas e por fim, as percepções dos pacientes a respeito da assistência recebida pela equipe de saúde. A partir da vivência da pesquisadora, enquanto profissional que estabeleceu um processo interativo durante 3 meses, foi possível relatar a experiência de ser uma enfermeira de saúde mental junto a essa população e ampliar o auto-conhecimento através da avaliação crítica de suas intervenções terapêuticas. Recomenda-se que o enfermeiro esteja igualmente atento a manifestações de dor externa (física) e interna (emocional) dos pacientes.
Título em inglês
Patients' perceptions and meanings ascribed to the burning experience: the importance of the mental health nursing-patient interactive process
Palavras-chave em inglês
inpatients
paresthesia
psychiatric nursing
Resumo em inglês
This is a qualitative study and was developed from the observation and direct interaction with inpatients at the Unidade de Queimados - Emergência do Hospital das Clínicas - Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (USP). Had as objectives to know the meaning that the patients ascribed to the burning experience and to detect the aid process that the mental health nursing can establish. The theoretical foundations that guided the study were centered on ROGERS(1966), VINOGRADOV & YALOM(1992) and CAPLAN's(1950) theories. The sample was constituted by 13 adults of both sexes, different ages, occupations and origins. The data were obtained from individual non directive interview and group meetings, which also served as a vehicle for mental health nursing assistance. The material was submitted to a theme analysis as indicated by BARDIN(1977). From that, common topics arised from the patients speeches, giving us a knowledge of the living experience. References to the baths, dressings and surgery were common, and the perceptions and significances formed what we call pain cicle. The theme loneliness was also present related to family ties and significant people and, at last, the patients perceptions about the assistance received from the health staff. From the researcher's experience as a professional who established an interactive process during 3 months, it was possible to report the experience of being a mental health nurse with this population, and to enlarge self knowledge by a critical evaluation of one's therapeutic interventions. It is recommend that the nurse has to be alert to manifestations of the patient's external (physical) and internal (emotional) pain.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2010-03-15
 
AVISO: O material descrito abaixo refere-se a trabalhos decorrentes desta tese ou dissertação. O conteúdo desses trabalhos é de inteira responsabilidade do autor da tese ou dissertação.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.