• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
https://doi.org/10.11606/D.22.2020.tde-17122019-173402
Documento
Autor
Nome completo
Larissa Castelo do Amaral
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2019
Orientador
Banca examinadora
Vedana, Kelly Graziani Giacchero (Presidente)
Borges, Tatiana Longo
Carswell, Wendy Ann
Miasso, Adriana Inocenti
Título em português
Assistência relacionada ao comportamento suicida e agressivo no Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU)
Palavras-chave em português
Agressão
Enfermagem
Suicídio
Resumo em português
Pesquisas sobre o atendimento pré-hospitalar a pessoas com comportamento agressivo ou comportamento suicida, embora escassas, podem contribuir com o planejamento, avaliação e qualificação da assistência oferecida a essa clientela. Este estudo teve como objetivo investigar os fatores associados aos atendimentos relacionados a comportamento agressivo e comportamento suicida ocorridos em 2014 no serviço de atendimento móvel de urgência de um município do interior de São Paulo - Brasil. Estudo quantitativo, transversal, documental. Foi realizada consulta manual de todas as fichas de atendimento de enfermagem geradas por Unidades de Suporte Básico nas quais estivessem documentados chamados por comportamento agressivo ou comportamento suicida no ano de 2014. Os dados foram registrados em roteiros elaborados pelas pesquisadoras e analisados por meio de estatística descritiva, testes de associação, análise de covariância e regressão logística múltipla. O estudo foi aprovado por Comitê de Ética em pesquisa. Nas 627 fichas analisadas, predominaram homens adultos, com comportamento agressivo, que estavam na própria residência e foram transportados para algum serviço de saúde. Sexo masculino esteve associado à manifestação de comportamento agressivo. O tempo de espera pelo atendimento foi maior em chamados por comportamento suicida ou ocorridos em residências. No que se refere à assistência de enfermagem, sinais e sintomas foram mais documentados em casos de homens, com comportamento agressivo e no segundo semestre. Os sinais vitais foram mais avaliados nos chamados por comportamento suicida ocorridos na residência e os procedimentos de enfermagem foram mais documentados em atendimentos por comportamento suicida. A chance de ser encaminhado para serviço de saúde foi maior em casos de comportamento suicida ou ocorridos no segundo semestre. Este estudo permitiu o melhor mapeamento dos atendimentos relacionados ao comportamento agressivo e comportamento suicida, conhecimento relevante para o planejamento dos cuidados de enfermagem e compreensão sobre as competências necessárias para tais atendimentos
Título em inglês
Assistance related to suicidal and aggressive behavior in the Mobile Emergency Care Service (MECS)
Palavras-chave em inglês
Aggression
Nursing
Suicide
Resumo em inglês
Research on prehospital care for people with aggressive behavior or suicidal behavior, although scarce, can contribute to the planning, evaluation and qualification of care offered to this clientele. This study aimed to investigate the factors associated with the attendance related to aggressive behavior and suicidal behavior occurred in 2014 in the emergency mobile service of a city in the interior of São Paulo - Brazil. Quantitative study, transversal, documentary. A manual consultation of all the nursing care records generated by Basic Support Units in which they were documented called for aggressive behavior or suicidal behavior in the year 2014. The data were recorded in scripts prepared by the researchers and analyzed by means of descriptive statistics , association tests, covariance analysis, and multiple logistic regression. The study was approved by the Research Ethics Committee. In the 627 files analyzed, adult men with aggressive behavior predominated, who were at home and were transported to some health service. Male gender was associated with the manifestation of aggressive behavior. The waiting time for the care was higher in calls for suicidal behavior or occurred in residences. With regard to nursing care, signs and symptoms were more documented in cases of men with aggressive behavior and in the second half. The vital signs were more evaluated in the calls for suicidal behavior occurred in the residence and the nursing procedures were more documented in attendances by suicidal behavior. The chance of being referred to the health service was greater in cases of suicidal behavior or occurred in the second semester. This study allowed the best mapping of the attendances related to the aggressive behavior and suicidal behavior, knowledge relevant to the planning of the nursing care and understanding about the necessary competencies for such care
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2020-02-03
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.