• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.22.2010.tde-26042010-101045
Documento
Autor
Nome completo
Vanessa Denardi Antoniassi Baldissera
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2010
Orientador
Banca examinadora
Bueno, Sonia Maria Villela (Presidente)
Carvalho, Maria Dalva de Barros
Fernandes, Ana Paula Morais
Hoga, Luiza Akiko Komura
Veiga, Eugenia Velludo
Título em português
Pesquisa-ação em lazer, sexualidade e educação para a saúde com pessoas que vivenciam a hipertensão arterial
Palavras-chave em português
educação em saúde
hipertensão
lazer
sexualidade
Resumo em português
Ainda que destinada a um grupo que vivencia e experimenta um corpo doente, a Educação para a Saúde não pode centrar-se nos mecanismos fisiopatológicos e nas terapias medicamentosas, porque seria desconsiderar a vida e as dimensões do ser humano que vão além da corporeidade. Temas transversais, cercados de conceitos pré-elaborados e enraizados em mitos, tabus, preconceitos e crendices, como a sexualidade e o lazer, são entendidos como demandas urgentes para colaborar com a qualidade de vida, uma vez que foram relegados na nossa história, ainda que partes integrantes da constituição do homem. Neste contexto o presente trabalho objetivou investigar, com portadores de hipertensão arterial sistêmica, de um Centro de Saúde de uma cidade do noroeste do Estado do Paraná-Brasil, qual o impacto da Educação para a Saúde, levantando seus problemas relacionados às temáticas lazer e sexualidade, propondo desenvolver conjuntamente com os participantes ações educativas visando as possíveis soluções dessas dificuldades, através da pesquisa-ação.Tratou-se de um estudo qualitativo, mediatizado pela pesquisa-ação que permitiu desvelar as percepções dos participantes do grupo de uma unidade de saúde quanto à sexualidade, o lazer e a qualidade de vida programando, aplicando e avaliando atividades de Educação para a Saúde nestas temáticas. A população-alvo deste estudo se constituiu de 6 mulheres hipertensas, únicas com tal diagnóstico que participam do grupo de reunião semanal de um centro de saúde de uma cidade do noroeste do Estado do Paraná-Brasil. Adotou-se o referencial-metodológico de Freire (1990) adaptado por Bueno (1997-8) delimitado por duas fases: a primeira, quando ocorreu o levantamento do universo temático, elencando-se os temas geradores; a segunda, constituída da ação educativa. A representação social de Moscovici (1979) foi a base da discussão das categorias e colaboraram para elencar os temas geradores. Estes foram o referencial para a discussão e elaboração das práticas educativas, apoiadas na pedagogia da autonomia de Freire. Identificou-se que, quanto à sexualidade, houve dificuldade de seu entendimento, pois foi reduzida ao sexo, manifestou-se por relações de afeto, companheirismo e por cuidados corporais. Quanto ao lazer, foi visto como enfrentamento da solidão. A hipertensão arterial foi descrita quanto aos seus fatores causais, houve valorização exacerbada ao tratamento farmacológico e a convivência com a doença foi considerada difícil. Os temas geradores permitiram a elaboração de uma ação educativa dialógica, em que dinâmicas e discussões foram programadas. Os participantes avaliam que as estratégias adotadas foram de grande valia para a troca de saberes, para a valorização das relações humanas e para um contato prazeroso com os temas abordados.
Título em inglês
Research-action in Leisure, Sexuality and Education for the health of people with hypertension
Palavras-chave em inglês
Education for Health
hypertension
leisure
sexuality
Resumo em inglês
Even though it is meant for a group which deeply experiences a sick body, Education for Health cannot merely focus on physiopathological mechanisms and medicamental therapies as it would disregard life and the human being's dimensions - which are beyond corporeity. Transversal themes, surrounded by preelaborated concepts and enrooted in myths, taboos, biases and superstition such as sexuality and leisure are understood as urgent demands to contribute with quality of life since they were put aside throughout history, despite being constituent parts of man. Within this context, this study had the purpose of investigating what the impact of Education for Health is on systemic hypertension patients by surveying issues related to leisure and sexuality in order to to develop, together with the participants, education actions towards possible solutions via research-action. It was a qualitative study mediated by research-action which enabled disclosing the perceptions of a group within a health unit with respect to sexuality, leisure and quality of life by developing, applying and assessing Education for Health activities on those themes. The target population for this study was constituted of six women with hypertension - the only ones to present such diagnosis who participated in a group meeting weekly at a Health center in a city in the Northwest of the state of Paraná, Brazil. Freire's (1990) reference methodologies, adapted by Bueno (1997-8) were outlined into two phases: first, when the survey of the thematic universe occurred, bringing about the generative themes; the second, constituted by the education action. Moscovici's (1979) social representation was the fundament for the discussion concerning the categories and helped to set up the generative themes. These were the references for discussion and elaboration of the educational practices supported by Freire's pedagogy of autonomy. It was difficult to understand sexuality as it was confined to sex and manifested via affective relations, partnership, and corporal care. Leisure was found to be the confrontation of loneliness. Hypertension was described regarding its causal factors. There was exacerbated valorization of the pharmacological treatment and coping with disease was considered difficult. Generative themes enabled the elaboration of a dialogic education action in which dynamics and discussions were performed. Participants reported that the strategies adopted proved to be valuable for knowledge exchange, valorization of human relations and pleasant contact with the themes approached.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2010-08-25
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.