• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.22.2009.tde-08012010-130039
Documento
Autor
Nome completo
Inês Gimenes Rodrigues
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2009
Orientador
Banca examinadora
Zago, Marcia Maria Fontao (Presidente)
Garanhani, Mara Lúcia
Lima, Regina Aparecida Garcia de
Pinto, Maria Helena
Siqueira, José Eduardo de
Título em português
Os significados do trabalho em equipe de cuidados paliativos oncológicos domiciliar: um estudo etnográfico
Palavras-chave em português
Antropologia cultural
Cuidados paliativos
Equipe interdisciplinar de saúde
Serviços de assistência domiciliar
Trabalho
Resumo em português
Este estudo teve como objetivo interpretar os significados do trabalho em equipe de cuidados paliativos oncológicos domiciliar atribuídos pelos profissionais, por meio do estudo de caso e da análise etnográfica. O referencial teórico que embasou tal interpretação foi a antropologia interpretativa. Participaram da pesquisa oito informantes, profissionais de uma Equipe de Cuidados Paliativos Oncológicos Domiciliar, lotados em um serviço de Internação Domiciliar, em uma cidade do sul do Brasil. A coleta de dados ocorreu no período de junho a dezembro de 2008 nos espaços de atuação do serviço de Internação Domiciliar. Os dados foram coletados por meio de observação participante, diário de campo e entrevistas semiestruturadas. A análise dos dados baseou-se nos pressupostos analíticos da análise hermenêutica dialética e temática. Foram identificados os códigos que mostraram o sentido do trabalho em cuidados paliativos para os participantes e que depois serviram de guia para as unidades de sentidos e a construção dos significados. Da análise emergiram três núcleos de significados: "Desafios iniciais do trabalho em cuidados paliativos oncológico"; "O maior dos desafios: lidar com a morte" e; "O trabalho em equipe de cuidados paliativos oncológicos domiciliar: uma trajetória em construção". O primeiro núcleo aborda os cuidados paliativos oncológicos domiciliar como uma nova prática em saúde, tendo como desafio sua criação no serviço de Internação Domiciliar, os profissionais "despreparados para atuar na "nova" prática, e as emoções permeando a prática dos cuidados paliativos oncológicos. O segundo núcleo trata das concepções e reflexões dos profissionais da equipe sobre a morte; como elaboram as abordagens desse processo com o paciente e família, e a morte como situação de aprendizado para a vida pessoal e profissional. O terceiro núcleo versa sobre o processo de trabalho da Equipe de Cuidados Paliativos Oncológicos Domiciliar; suas relações interpessoais com o paciente, o familiar; e entre si e o contínuo enfrentamento dessa equipe diante do sofrimento e morte do outro. Finalizando, o estudo possibilitou apreender que o trabalho em equipe de cuidados paliativos oncológicos singulariza a atenção domiciliar no sistema público, revelando uma nova modalidade de cuidado, que abrange a multidimensionalidade do ser doente e sua família, por meio de profissionais de diferentes categorias e que em equipe interdisciplinar incorporam uma identidade, a de paliativista.
Título em inglês
The meanings of the team approach to oncological palliative home care: an ethnographic study.
Palavras-chave em inglês
Cultural anthropology
Home care services
Hospice care
Patient care team
Work
Resumo em inglês
The objective of this study was to interpret the meanings of the team approach to oncological palliative home care as reported by professionals through a case study and ethnographic analysis. The referential theory in which the interpretation was rooted was that of the interpretive anthropologist. Eight professionals from an Oncological Palliative Home Care Team in southern Brazil participated in the research. The data collection occurred between June and December 2008 in the caregiver workplace by means of participant observation, annotated in a field diary, and semi-structured interviews. Codes that demonstrated the significance of the work of palliative care to the participants were identified, which later served as guides for the significance units and the meaning constructs. Three nuclei of significance emerged from the analysis: "Initial challenges to the work of oncological palliative care"; "The greatest of challenge - dealing with death"; and "the work of the team in oncological palliative home care - a trajectory in construction". The first nucleus deals with oncological palliative home care as a new health practice and the challenge of its development within the larger sphere of Home Care, as well as professionals "unprepared" to act in the "new" practice and the emotions permeating oncological palliative home care. The second nucleus deals with the conceptions and reflections of the team members about death; how they developed strategies for addressing this process with the patient and family, and death as a vehicle for learning in their personal and professional lives. The third nucleus delineates the work process of the oncological palliative home care team; its interpersonal relations with the patient and family, and the internal effects on the team of continuously confronting the suffering and death of others. In conclusion, this study allowed insight into how the oncological palliative home care team characterizes home care in the public health system, revealing a new modality of care that includes the multidimensionality of the sick being and its family, attended by professionals of different categories who, in an interdisciplinary team, incorporate an identity, that of palliative caregivers.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2010-01-18
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.