• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.22.2014.tde-20052014-192808
Documento
Autor
Nome completo
Vívian Saraiva Veras
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2014
Orientador
Banca examinadora
Zanetti, Maria Lucia (Presidente)
Dantas, Rosana Aparecida Spadoti
Otero, Liudmila Miyar
Teixeira, Carla Regina de Souza
Torquato, Maria Teresa da Costa Gonçalves
Título em português
Intervenção educativa sobre automonitorização da glicemia capilar no domicílio, para o controle metabólico de pessoas com diabetes mellitus
Palavras-chave em português
Automonitorização da Glicemia
Diabetes Mellitus
Educação
Enfermagem
Resumo em português
Ensaio clínico, aleatorizado, prospectivo, sem cegamento, realizado em duas Unidades Básicas de Saúde, em uma cidade do interior do Estado de São Paulo, em 2011. O estudo teve como objetivo avaliar os efeitos de uma intervenção educativa sobre a automonitorização da glicemia capilar (AMGC) no domicílio, no controle metabólico. Foram constituídos dois grupos de usuários com diabetes mellitus, um grupo que participou do Programa de AMGC no domicílio e em cuidado usual (grupo controle) e um do Programa de AMGC no domicílio e de uma intervenção educativa (grupo intervenção). O estudo foi aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa e registrado na Clinical Trials.gov (NCT01475422). A população do estudo foi de 342 usuários com DM. O recrutamento foi realizado por meio de convocações por agentes comunitários de saúde, correspondência via correio e contato telefônico. A amostra foi constituída por 91 usuários com DM que aceitaram participar do estudo. A alocação dos grupos foi do tipo aleatorização simples com o uso de um software estatístico. Os grupos controle e intervenção participaram de duas avaliações, uma basal e uma ao final do estudo. A basal consistiu na avaliação das variáveis sociodemográficas, das clínicas, dos hábitos de vida, das relacionadas ao Programa de AMGC, do controle metabólico e dos exames laboratoriais. A avaliação final consistiu na avaliação das variáveis de controle metabólico e exames laboratoriais. Para o grupo intervenção, foi oferecida uma intervenção educativa estruturada, em grupo, semanal, com 60 minutos de duração cada encontro, por 12 semanas. A ferramenta educativa utilizada no grupo intervenção foram os Mapas de Conversação. Para a análise, foram utilizados os testes não paramétricos Qui quadrado de Pearson e o Exato de Fischer para comparação entre proporções, o Teste Qui-quadrado de Tendência Linear para avaliação de tendências proporcionais de aumento ou redução entre as variáveis ordinais. Em todas as análises, foi adotado o nível de significância estatística de 5% (p <= 0,05). Os resultados mostraram que, ao comparar os grupos, as características foram semelhantes. A maioria era do sexo feminino, eram casados, com idade média de 62,1 anos e escolaridade de quatro a sete anos de estudo. Houve melhora nos valores de índice de massa corporal, circunferência abdominal, pressão arterial diastólica, glicemia plasmática de jejum, colesterol HDL, colesterol LDL e triglicerídeos, no grupo intervenção. O grupo controle apresentou melhora dos valores de pressão arterial sistólica e diastólica, glicemia plasmática de jejum, colesterol HDL e colesterol LDL. Houve aumento dos valores de hemoglobina glicada nos grupos intervenção e controle. Conclui-se que não houve melhora do controle metabólico, estatisticamente significante. No entanto, é possível afirmar que a intervenção educativa para AMGC no domicílio apresentou significância clínica, repercutindo de modo peculiar na saúde dos participantes
Título em inglês
Educative Intervention over Self-Monitoring of Blood Glucose at Home on the Metabolic Control of People with Diabetes Mellitus
Palavras-chave em inglês
Blood Glucose Self-Monitoring
Diabetes Mellitus
Education
Nursing
Resumo em inglês
Clinical, randomized and prospective trial, without blinding, in two Basic Health Units in an inner city of the state of São Paulo. The study aims at evaluating the effects of an educative intervention over the self-monitoring of blood glucose (SMBG) at home for metabolic control. Two groups of participants were formed: one group participated in the SMBG program at home and with usual care (control group), while the other group participated in the SMBG at home and with educative intervention (intervention group). The study was approved by the Research Ethics Committee e registered in the website ClinicalTrials.gov (NCT01475422). The study had a population of 342 participants with Diabetes Mellitus. The recruiting was performed by convening of community health workers either by mail or phone call. The sample was constituted by 91 users with Diabetes Mellitus that accepted to participate in the study. The groups' allocation was performed by simple randomization with the use of a statistical tool. The control and intervention groups participated in two evaluations: a basal evaluation and another at the end of the study. The first evaluation consists on the assessment of socio demographic variables, as well as variables related to the clinics, lifestyle, SMBG program, metabolic control and laboratorial exams. The second evaluation consists on assessing variables related to both metabolic control and laboratorial exams. For the intervention group, it was offered a structured educative intervention, in-group, weekly, with 60 minutes each meeting for 12 weeks. The educative tool used by the intervention group was the Conversation Map. For the analysis, two non-parametric tests were used. Pearson's chi square and Fisher's exact tests were used for comparing proportions. On the other hand, the chi-square test of linear trend was used to evaluate the proportional trends of either increase or decrease between the ordinal variables. For all the analysis, a significance statistical level of 5% (p <= 0.05) was adopted. Similar characteristics could be observed when comparing the results of both groups. Most part of participants were females, married, with an average age of 62.1 years old and schooling from four to seven years of study. In the intervention group, an improvement was observed in the following measures: body mass index, abdominal circumference, diastolic blood pressure, fasting plasma glucose, HDL cholesterol, LDL cholesterol and triglycerides. The control group showed improvement in measures of systolic and diastolic blood pressure, fasting plasma glucose, HDL cholesterol and LDL cholesterol. Moreover, an increase on the values of glycated hemoglobin was observed in both groups. It was observed that there was not statistical significant improvement of the metabolic control. However, it was possible to confirm that an educative intervention for SMBG at home presented a clinical significance, which in turn, resonates in a special way on the health of participants
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2014-06-13
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.