• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
Documento
Autor
Nome completo
Janete Silva Porto
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2017
Orientador
Banca examinadora
Marziale, Maria Helena Palucci (Presidente)
Mininel, Vivian Aline
Robazzi, Maria Lucia do Carmo Cruz
Rocha, Fernanda Ludmilla Rossi
Valim, Marília Duarte
Título em português
Construção e validação de vídeo educativo para adesão às precauções-padrão por trabalhadores de enfermagem expostos a material biológico
Palavras-chave em português
Acidente de trabalho
Enfermagem
Mídia audiovisual
Precauções universais
Risco biológico
Resumo em português
Os trabalhadores de enfermagem estão expostos a diversos riscos ocupacionais, sendo que os de natureza biológica se destacam pelos prejuízos causados aos trabalhadores e às instituições. Como parte das medidas de prevenção aos riscos biológicos, as Precauções-Padrão (PP) são mundialmente recomendadas, ainda que apresentem baixa ou apenas parcial adesão em vários países. Objetivo: construir e validar um vídeo educativo com o intuito de estimular a adesão às PP pelos trabalhadores de enfermagem. Método: investigação realizada em duas fases: 1) estudo descritivo com abordagem quantitativa; 2) estudo metodológico. Na primeira, participaram 197 trabalhadores de enfermagem atuantes em dois hospitais de Cuiabá/Mato Grosso, os quais responderam às perguntas dos Questionnaires for Knowlegde and Compliance with Standard Precaution - versão traduzida para o português falado no Brasil. Os dados foram coletados em junho de 2016, armazenados em planilhas e analisados por meio do programa Epi Info, versão 7.2. Na segunda fase, com base nos dados obtidos na etapa anterior e em evidências científicas, construiu-se o vídeo educativo "Segurança no trabalho em serviços de saúde: adesão às precauções-padrão", estruturado segundo o referencial teórico do Modelo Revisado de Promoção da Saúde de Nola Pender. Nesta etapa, participaram 13 especialistas que validaram o vídeo com base na técnica Delphi. Resultados: a amostra foi composta predominantemente por mulheres (91,88%), com média de idade de 36,6 anos, 79,19% técnicos de enfermagem e 20,81% enfermeiros. Dos participantes, 37,57% referiram um ou mais acidentes de trabalho com exposição a material biológico. A não notificação de acidentes foi informada por 29,72% dos trabalhadores; 90,36% dos pesquisados eram imunizados contra a hepatite B. Quanto ao conhecimento sobre as PP, os índices de acertos variaram de 6,1% a 99%, com média de 79,19% (DP±25,77), sendo que os itens que apresentaram maior déficit de conhecimento foram os relativos aos objetivos e ao uso das PP na prestação de cuidados a pacientes com tuberculose, varicela, sífilis e hepatite B. A maioria trabalhadores referiu o desejo de participar de treinamentos sobre o uso das PP. O percentual de adesão às precauções-padrão variou de 36,04% a 95,43%, com média de 78,40% (DP±16,39), sendo os itens de baixa adesão: uso adequado de alguns equipamentos de proteção individual, ao não encape de agulhas usadas e às condutas pós-exposição a material biológico. No processo de validação o roteiro obteve 92,31% e o vídeo 92,86% de consenso, mostrando-se válido para ser utilizados por profissionais de saúde para estimular o uso das PP. Conclusões: de maneira geral, constatou-se "bom conhecimento" e "boa adesão", porém evidenciou-se déficit de conhecimento em algumas questões e adesão parcial às PP, apesar de a maioria ter referido participação em treinamentos, demandando revisão das estratégias educativas das instituições pesquisadas. O vídeo estruturado com base na realidade e nas evidencias científicas, validado com consenso superior a 90% se mostra uma ferramenta para ser utilizada para estimular a adesão às PP e ser inserida em programas de educação permanente de promoção da saúde no trabalho.
Título em inglês
Construction and validation of educational video for adherence to standard precautions by nursing workers exposed to biological material
Palavras-chave em inglês
Audiovisual media
Nursing
Occupational accidents
Risk of biological agents
Universal precautions
Resumo em inglês
Nursing workers are exposed to various occupational hazards, and those of a biological nature stand out for the damages caused to workers and institutions. As part of the measures to prevent biological risks, the Standard Precautions (SP) are recommended worldwide, even if there are low or only partial adherence in several countries. Objective: to construct and validate an educational video in order to stimulate adherence to PP by nursing workers. Method: research carried out in two phases: 1) a descriptive study with a quantitative approach; 2) methodological study. The first one was attended by 197 nursing workers working in two hospitals in Cuiabá / Mato Grosso, who answered the questions of the Questionnaires for Knowlegde and Compliance with Standard Precaution (translated in Portuguese). The data were collected in June 2016, stored in spreadsheets and analyzed using the Epi Info program, version 7.2. In the second phase, based on the data obtained in the previous stage and on scientific evidence, the educational video "Workplace Safety in health services: adherence to standard precautions" was built according to the theoretical framework of the Health Promotion Model (Revised) of Nola Pender. In this stage, 13 experts participated who validated the video based on the Delphi technique. Results: the sample consisted predominantly of women (91.88%), with a mean age of 36.6 years, 79.19% of nursing technicians and 20.81% of nurses. Among the participants, 37.57% reported one or more occupational accidents with exposure to biological material. The non-notification of accidents was informed by 29.72% of the workers; 90.36% of the respondents were immunized against hepatitis B. Concerning the knowledge about PP, the hit rates ranged from 6.1% to 99%, with an average of 79.19% (SD ± 25.77), and the items that presented the greatest knowledge deficit were those related to objectives and the use of PP in caring for patients with tuberculosis, chickenpox, syphilis and hepatitis B. Most workers mentioned the desire to participate in training on the use of SP. The percentage of adherence to standard precautions ranged from 36.04% to 95.43%, with a mean of 78.40% (SD ± 16.39), with low compliance items: adequate use of some individual protection equipment, to avoid the encapsulation of used needles and the procedures after the exposure to biological material. In the validation process the script obtained 92.31% and video 92.86% of consensus, being valid to be used by health professionals to stimulate the use of SP. Conclusions: in general, "good knowledge" and "good adherence" were found, but lack of knowledge on some issues and partial adherence to SP, although most of them mentioned participation in training, demanding a review of the educational strategies of the researched institutions. The video constructed and based on reality and scientific evidence, validated with a consensus of more than 90%, is a tool to be used to stimulate adherence to SP and be inserted in programs of permanent education to promote health at work.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
JANETESILVAPORTO.pdf (5.21 Mbytes)
Data de Publicação
2019-08-29
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.