• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.22.2010.tde-26042010-102150
Documento
Autor
Nome completo
Adriana Paiva Camargo Saraiva
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2010
Orientador
Banca examinadora
Veiga, Eugenia Velludo (Presidente)
Andrade, Denise de
Galvao, Cristina Maria
Mandarino, Fernando
Marcaccini, Andréa Marcia
Título em português
Periodontite e aterosclerose: a busca de evidências
Palavras-chave em português
Aterosclerose
Endotoxemia
Função endotelial
Inflamação
Periodontite
Prática Baseada em Evidências
Resumo em português
As doenças cardiovasculares (DCV) de origem aterosclerótica estão entre as principais causas de morbimortalidade cardiovascular. A periodontite, por meio de bacteremia e endotoxemia, tem sido apontada como possível fator de risco para início e progressão da aterosclerose. A proposta desta revisão foi buscar, reunir e analisar evidências científicas atuais de nível I e II sobre a associação entre periodontite e aterosclerose em seres humanos. As bases de dados consultadas foram: Medline (Medical Literature Analysis and Retrieval System), registro Cochrane de ensaios controlados (Cochrane Central Register of Controlled Trials - Central) e registro Cochrane de revisões sistemáticas (Cochrane Databasis of Systematic Reviews - CDSR). Foram identificados 532 estudos, sendo 22 elegíveis, dos quais nove atenderam aos critérios de inclusão. A amostra foi composta por 100% de ensaios clínicos randomizados controlados (ECRC). Oito estudos (89%) avaliaram o efeito do tratamento periodontal quanto aos parâmetros clínicos periodontais e marcadores relacionados à fisiopatologia da aterosclerose, em três destes (37,5%) o efeito do tratamento periodontal foi testado com antibioticoterapia e um (11%) avaliou o efeito somente da antibioticoterapia. Sete (78%) avaliaram níveis séricos de proteína C-reativa (PCR) antes e após o tratamento periodontal, em quatro (57%) houve redução deste marcador nas avaliações posteriores a seis semanas. Cinco (55,5%) avaliaram níveis séricos de interleucina-6 (IL-6), dos quais três (60%) relataram redução após mais de um mês do tratamento periodontal. Fatores lipídicos foram avaliados em três estudos (33%) e todos relataram melhoria significativa após tratamento periodontal. Evidências científicas de nível II apontam que a periodontite parece provocar alterações nos marcadores sistêmicos relacionados à fisiopatologia da aterosclerose podendo o tratamento periodontal ser benéfico para controlar marcadores séricos de risco para aterosclerose, com resultados significativos em casos mais severos de periodontite e para os marcadores lipídicos.
Título em inglês
Periodontitis and atherosclerosis: the search for evidence
Palavras-chave em inglês
Atherosclerosis
Endothelial function
Endotoxemia
Evidence-Based Medicine
Inflammation
Periodontits
Resumo em inglês
Cardiovascular diseases (CVD) caused by atherosclerosis are among the leading causes of cardiovascular morbity and mortality. Periodontitis through bacteremia and endotoxemia has been identified as a possible risk factor for initiation and progression of atherosclerosis. The purpose of this review was to seek, gather and analyze evidence of level I and II available in the literature on the association between periodontitis and atherosclerosis in the last ten years. The databases were consulted: Medline (Medical Literature Analysis and Retrieval System), Cochrane register of controlled trials (Cochrane Central Register of Controlled Trials - Central) and record Cochrane systematic reviews (Cochrane Database of Systematic Reviews - CDSR). We identified 532 studies, of which 22 eligible, of which 9 met the inclusion criteria. The sample consisted of 100% of randomized controlled trials (ECRC). Eight studies (89%) evaluated the effect of periodontal treatment on the clinical periodontal parameters and markers related to the pathophysiology of atherosclerosis in these three (37.5%) the effect of periodontal treatment has been tested with antibiotics and one (11%) evaluated only the effect of antibiotic therapy. Seven (78%) evaluated serum levels of C-reactive protein (CRP) before and after periodontal treatment in four (57%) decreased this marker in subsequent evaluations to six weeks. Five (55.5%) evaluated serum levels of interleukin-6 (IL-6), of which three (60%) reported a decrease after more than a month of periodontal treatment. Lipid factors were evaluated in three studies (33%) and all reported significant improvement after periodontal treatment. Strong scientific evidence (Level II) indicate that periodontitis seems to cause changes in systemic markers related to the pathophysiology of atherosclerosis, periodontal treatment may be beneficial to control serum markers for atherosclerosis, with significant results in more severe cases of periodontitis and the lipid markers.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2010-08-25
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.