• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.22.2011.tde-27022012-093012
Documento
Autor
Nome completo
Mônica Chiodi Toscano de Campos
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2011
Orientador
Banca examinadora
Marziale, Maria Helena Palucci (Presidente)
Alexandre, Neusa Maria Costa
Lautert, Liana
Rocha, Fernanda Ludmilla Rossi
Santos, Jair Licio Ferreira
Título em português
Adaptação transcultural e validação do World Health Organization Health and Work Performance Questionnaire para enfermeiros brasileiros
Palavras-chave em português
Doenças crônicas não transmissíveis
Enfermagem
Estudos de validação
Produtividade
Trabalho
Resumo em português
O Brasil tem experimentado transformações na composição etária e no perfil epidemiológico da população, com alterações relevantes no quadro de morbi-mortalidade. Diante deste contexto, aumenta o interesse dos estudiosos sobre as conseqüências sociais e econômicas das doenças crônicas não transmissíveis e a busca por novos métodos para analisar o perfil dessas doenças e formas de alocar, com eficiência, os recursos em saúde visando à promoção da saúde da população. Os objetivos deste estudo, de delineamento metodológico, foram traduzir, adaptar culturalmente para o Brasil o instrumento Health and Work Performance Questionnaire (HPQ) e avaliar as propriedades psicométricas da versão brasileira em enfermeiros. O HPQ é um instrumento adotado pela Organização Mundial da Saúde que permite a coleta de informações sobre condições crônicas de saúde e avaliar o impacto destas condições no desempenho do trabalho, pela análise do absenteísmo, presenteísmo e a ocorrência de acidentes de trabalho. O processo de adaptação seguiu o Protocolo de Tradução da Organização Mundial da Saúde. Os dados para a avaliação das propriedades psicométricas foram coletados no período de julho a agosto de 2011, em um hospital público e de ensino do interior do Estado de São Paulo, por meio da aplicação da versão adaptada do HPQ, denominada "Questionário Saúde e Desempenho no Trabalho" (HPQ Brasil), em 100 enfermeiros.. As propriedades psicométricas analisadas foram: a validade de face e conteúdo (grupo de especialistas), a confiabilidade pelo Alfa de Cronbach e a estabilidade por teste-reteste. O nível de significância adotado foi de 0,05. Os resultados demonstraram que a amostra estudada foi composta por enfermeiros que possuíam as seguintes características; 89% sujeitos do sexo feminino, com média de idade de 33,9 anos, 51% solteiros e 67% com formação de pós graduação. Na avaliação das propriedades psicométricas, a consistência interna da versão adaptada do HPQ, alfa de cronbach foi de 0,94 para a seção A e 0,86 para a seção B do instrumento. Na análise das concordâncias da estabilidade teste-reteste, as concordâncias foram positivas e estastisticamente significantes. Desta forma, a versão adaptada do HPQ mostrou-se valida e confiável na amostra estudada. O HPQ - Brasil poderá ser usado para acompanhar a prevalência de problemas de saúde entre trabalhadores, as taxas de tratamento destes problemas e os seus efeitos no desempenho no trabalho, além de oferecer as instituições de saúde informações fundamentais para o planejamento de programas de melhoria da saúde e da produtividade dos trabalhadores e de redução dos custos com as Doenças Crônicas Não-Trasmissíveis aspectos que denotam a relevância do estudo ora apresentado.
Título em inglês
Cross-cultural adaptation and validation of the World Health Organization Health and Work Performance Questionnaire to Brazilian nurses
Palavras-chave em inglês
non-communicable chronic diseases
nursing
productivity
validation studies
work
Resumo em inglês
Brazil has undergone a process of transition with changes in age composition and epidemiological profile of its population which has caused a significant impact on morbidity and mortality. In light of that there is a growing interest among experts in social and economic consequences of chronic noncommunicable diseases (NCDs) and new approaches to assess the profile of these diseases and to effectively allocate resources for health promotion. This study aimed to translate into Brazilian Portuguese and culturally adapt the World Health Organization (WHO) Health and Work Performance Questionnaire (HPQ) and evaluate its psychometric properties among Brazilian nurses. The HPQ was developed by the WHO and can measure the impact of chronic illnesses on work performance through the analysis of absenteeism, presenteeism and work-related injuries. The adaptation process followed the WHO Translation Protocol. The psychometric properties of the Brazilian version of the questionnaire (Health and Work Performance Questionnaire, HPQ-Brazil) were evaluated in a sample of 100 nurses from a public teaching hospital in the state of São Paulo, southeastern Brazil, between July and August 2011. The psychometric properties analyzed included face validity and content validity (expert group), reliability by Cronbach's alpha, and test-retest stability. A 5% level of significance was set. The study sample comprised nurses with the following characteristics: 89% were female, mean age 33.9 years; 51% were single and 67% had graduate training. The internal consistency of the adapted version of HPQ using Cronbach's alpha was 0.94 for the instrument's section A and 0.86 for section B. There were statistically significant positive concordances in the analysis of test-retest stability. Thus, the adapted version of the HPQ proved valid and reliable in the sample studied. The HPQ-Brazil can be used to assess the prevalence of health conditions and treatment rates and their impact on work performance among workers. In addition it can provide input for planning strategies to improve worker's health and productivity and reduce NCD-related costs.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
MonicaChiodi.pdf (3.60 Mbytes)
Data de Publicação
2012-03-06
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.