• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.22.2015.tde-09102015-153057
Documento
Autor
Nome completo
Gustavo Bussi Caminiti
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2015
Orientador
Banca examinadora
Santos, Claudia Benedita dos (Presidente)
Costa Junior, Moacyr Lobo da
Gonzales, Roxana Isabel Cardozo
Palha, Pedro Fredemir
Trindade, Ruth França Cizino da
Título em português
Padrões espaciais e variáveis climatológicas associados à dengue no município de Ribeirão Preto entre 2001 e 2010
Palavras-chave em português
Análise espacial
Análise estatística
Dengue
Epidemiologia
Saúde pública
Resumo em português
A dengue é a mais importante, dentre as arboviroses, que afeta o homem e constitui-se em sério problema de Saúde Pública. No Brasil a dengue encontra-se presente em todos os 27 estados da Federação, distribuída por 3.794 municípios, sendo responsável por cerca de 60% das notificações nas Américas. Um dos municípios do estado de São Paulo, com um dos maiores índices de casos confirmados, é Ribeirão Preto. O presente trabalho teve como objetivo caracterizar o padrão espacial e associar os casos de dengue às variáveis climatológicas no município de Ribeirão Preto no período entre 2001 a 2010. Estudo com delineamento híbrido, ecológico e de tendência temporal. A população constituiu-se dos casos confirmados de dengue de residentes. Os dados foram coletados junto ao Sistema Nacional de Agravos de Notificação, Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, DATASUS e Instituo Agronômico de Campinas. A geocodificação foi realizada por meio do método por endereçamento. O comportamento dos padrões dos pontos dos casos geocodificados, foi descrito d]segundo o Estimador de Intensidade por Kernel e analisado segundo o método do vizinho mais próximo. Para o cálculo da correlação linear bivariada entre os casos novos de dengue e as variáveis climatológicas foram utilizados os Coeficiente de Correlação Linear de Spearman e Pearson, segundo conceito time lag. O projeto foi aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa da Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo. Os mapas temáticos, complementados pela análise de vizinhança, mostraram concentração dos casos em regiões do município de alta densidade demográfica, habitações horizontalizadas, menores condições socioeconômicas, com visível acúmulo de materiais recicláveis não acondicionados, favorecendo a formação de depósitos de água. O método time lag mostrou que as condições climáticas apresentaram relação positiva com a transmissão de dengue entre dois e quatro meses de sua ocorrência. Os resultados aqui apresentados podem ser utilizados como estratégia para planejamento de ações de organismos públicos, visando à melhoria da saúde da população
Título em inglês
Spatial patterns and climatological variables associated with dengue in the city of Ribeirão Preto between 2001 and 2010
Palavras-chave em inglês
Dengue
Epidemiology
Public health
Spatial analysis
Statistical analysis
Resumo em inglês
Dengue is the most important among the arboviruses, which affects man and represents a severe Public Health Problem. In Brazil, dengue is present in all 27 states of the Federation, distribution across 3,794 cities, and is responsible for about 60% of the notifications in the Americas. One of the cities in the State of São Paulo with one of the highest confirmed case ratios is Ribeirão Preto. This study aimed to characterize the spatial pattern and associate the cases of dengue with the climatological variables in the city of Ribeirão Preto between 2001 and 2010. Research with a hybrid, ecological and temporal trend design. The population included the confirmed cases of dengue among residents. The data were collected from the National Disease Notification System, the Brazilian Institute for Geography and Statistics, DATASUS and Instituo Agronômico de Campinas. For the purpose of geocoding, the addressing method was used. The behavior patterns of the geocoded case points were described using Kernel density estimation and analyzed according to the nearest neighbor method. To calculate the bivariate linear correlation between new dengue cases and the climatological variables, Spearman and Pearson's Linear Correlation Coefficients were used, according to the time lag concept. Approval for the project was obtained from the Institutional Review Board at the University of São Paulo at Ribeirão Preto College of Nursing. The thematic maps, complemented by the neighborhood analysis, showed a concentration of cases in regions of the city that show high demographic density, horizontal habitations, lower socioeconomic conditions, with a visible accumulation of non-conditioned recyclable material, favoring the creation of water deposits. The time lag method showed that the climatic conditions were positively related with the transmission of dengue between two and four months after its occurrence. The results presented here can be used as a strategy to plan public actions to improve the population's health
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2015-11-16
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.