• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Mémoire de Maîtrise
DOI
10.11606/D.22.2010.tde-14012011-101959
Document
Auteur
Nom complet
Mariana de Figueiredo Souza
Adresse Mail
Unité de l'USP
Domain de Connaissance
Date de Soutenance
Editeur
Ribeirão Preto, 2010
Directeur
Jury
Pinto, Ione Carvalho (Président)
Palha, Pedro Fredemir
Terra Filho, João
Titre en portugais
A acessibilidade da atenção à saúde: uma análise da procura pelo pronto-atendimento na ótica dos usuários
Mots-clés en portugais
acesso aos serviços de saúde
Atenção primária à saúde
serviços médicos de emergência
Resumé en portugais
Iniciamos a construção desta investigação o durante o processo de acolhimento vivenciado em um serviço de pronto-atendimento (PA) da Unidade Básica Distrital da Saúde do Centro de Saúde Escola da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto - USP (UBDS oeste), onde pudemos perceber que os mesmos usuários procuravam com grande frequência o serviço, sem o caráter de urgência ou emergência, resultando em uma demanda maior do que suporta o serviço, e sem uma efetiva resolutividade da atenção. Podemos pensar que nas UBSs o usuário não encontrou a resolução do seu problema; não fez vínculo com a equipe; não teve acesso ao serviço ou o cuidado não foi integral, entre outras possibilidades. A partir destes pressupostos, supomos que a acessibilidade aos serviços de saúde pode ser uma das causas disparadoras para a justificativa da procura pelo PA e mesmo sendo serviço de urgência, o serviço atende a prontidões e também atende os usuários considerados não urgentes, resultando no aumento da demanda do PA. Isto pode trazer dificuldades para a equipe que não consegue proporcionar um atendimento acolhedor por meio de orientações sobre a existência de outros serviços disponíveis na rede básica de atenção para seguimento de saúde. Objetivamos com este estudo analisar a procura pelo PA do distrito oeste de saúde do município de Ribeirão Preto, na ótica dos usuários. Trata-se de uma abordagem quantiqualitativa sobre os usuários que procuraram o PA. Coletamos dados de 330 fichas de atendimento do PA, a fim de caracterizar os usuários atendidos no PA quanto ao sexo, à faixa etária, ao bairro de procedência, à justificativa para a procura, à conduta e aos encaminhamentos realizados. Fizemos entrevista semiestruturada com 23 usuários do PA abordando questões relativas à acessibilidade, ao acesso e acolhimento aos serviços de saúde, aos aspectos relativos ao atendimento, à resolução das necessidades de saúde, ao motivo da procura do PA e à integralidade da atenção à saúde. Como resultados, encontramos que a demora pelo atendimento e agendamento das consultas na rede básica de atenção constituem uma das principais razões para a procura ao PA; o acesso mais facilitado à tecnologia e aos medicamentos no PA também justificou a preferência por este serviço. O horário de funcionamento coincidindo com a jornada de trabalho dos usuários também trouxe dificuldades para agendar ou procurar atendimento na rede básica. A obtenção de atendimento médico ainda pode ter forte influência na satisfação que o usuário tem por um serviço de saúde. Concluímos que diversas foram as justificativas para a procura pelo PA e entendemos que, se estes usuários fossem acolhidos e tivessem acesso aos atendimentos nas UBSs e USFs, consequentemente, a demanda pelo PA tenderia a diminuir e atenderia com maior tranquilidade às urgências e emergências.
Titre en anglais
The accessibility of health care: an analysis of the demand for emergency care from the viewpoint of users
Mots-clés en anglais
access to health services
emergency medical services
Primary healthcare
Resumé en anglais
Began this investigation during the reception experienced in an emergency care (PA) Basic Unit of district health, health center´s medical school , Ribeirão Preto- USP, Where we could see that the same users looking at higher frequency service, without the character of urgency or emergency, resulting in a greater demand service that supports and without the effective outcomes of primary health. we think that the basic health unit the users did not find the resolution of your problem, did not link with the team, did not have access to the service or the care was not fully, between other possibilities. From these assumptions ,we assume that accessibility to health services may be one of the cause triggering to the justification for seeking emergency care and even if the emergency service, the service meets the users considered non- urgent, resulting in increased demand for emergency care. This can cause difficulties for the team that can not provide a friendly service through orientations about the existence of other services available in the basic attention to health monitoring. We ain with this study to analyze to demand for emergency care at the west of the district health the municipality of Ribeirao Preto, the viewpoint of users. It is a quantitative and qualitative approach about the users who sought emergency care. We collect data from 330 medical records of emergency care , in order to characterize users assisted in the emergency care , about whether a man or woman, will age , the neighborhood of provenance, the justification for seeking, will conduct and referrals. We semistructured interview with 23 users of emergency care addressing questions related to accessibility access to care and health services, and aspects of the care, the resolution of health needs of the reason for seeking emergency care and comprehensive health care to health. As results ,found that the delay for serving and scheduling of consultations in the primary care are a major reason for seeking emergency care to; easier access to technology and medication in the emergency room also justified the preference for this service. .Opening hours coinciding with the day´s work also brought difficulties of users to schedule or seek care in the primary. Obtaining medical care can still have a strong influence on satisfaction that the user is a health service. Conclude that there have been several reasons for the demand for emergency care and understand that, if these users were welcomed and had access to basic care unit, (USF) health and, consequently, the demand for emergency care would tend to decrease with greater peace and meet urgencies and emergencies.
 
AVERTISSEMENT - Regarde ce document est soumise à votre acceptation des conditions d'utilisation suivantes:
Ce document est uniquement à des fins privées pour la recherche et l'enseignement. Reproduction à des fins commerciales est interdite. Cette droits couvrent l'ensemble des données sur ce document ainsi que son contenu. Toute utilisation ou de copie de ce document, en totalité ou en partie, doit inclure le nom de l'auteur.
Date de Publication
2011-01-27
 
AVERTISSEMENT: Apprenez ce que sont des œvres dérivées cliquant ici.
Tous droits de la thèse/dissertation appartiennent aux auteurs
Centro de Informática de São Carlos
Bibliothèque Numérique de Thèses et Mémoires de l'USP. Copyright © 2001-2020. Tous droits réservés.