• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Disertación de Maestría
DOI
10.11606/D.22.2017.tde-18072017-092142
Documento
Autor
Nombre completo
Ana Flávia Campeiz
Dirección Electrónica
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
Ribeirão Preto, 2017
Director
Tribunal
Silva, Marta Angélica Iossi (Presidente)
Fonseca, Luciana Mara Monti
Sampaio, Julliane Messias Cordeiro
Zilly, Adriana
Título en portugués
O sentido da escola na perspectiva dos adolescentes imersos à tecnologia digital
Palabras clave en portugués
Adolescentes
Educação
Estudantes
Tecnologia de informação
Resumen en portugués
A era digital vivenciada na contemporaneidade promove transformações nos modos de circulação de informações e conhecimentos. De igual modo, incentiva o surgimento de novas formas de comportamento e de vivências. Tal processo afeta diretamente as novas gerações e a produção social dos sujeitos, nos seus tempos e espaços, constituindo os denominados Geração Z, que são adolescentes que apresentam novas demandas às instituições da vida moderna. Essa conjuntura influi diretamente no espaço escolar, principalmente quando os estudantes estão em constante interação com as Tecnologias de Informação e Comunicação (TICs) que objetivam facilitar a comunicação e troca de informações. Assim, a relação entre a escola e esses sujeitos, que buscam primeiramente espaços online para obter informações e realizam múltiplas tarefas simultaneamente, implica em se pensar espaços educacionais que favoreçam a aprendizagem desses novos estudantes, considerando também as características específicas por eles apresentadas. A vista disso, a pesquisa objetivou conhecer o sentido da escola para os estudantes imersos a tecnologia digital. Para tanto foram utilizados como metodologia um roteiro de perguntas autoaplicável visando obter o perfil sociodemográfico, Observação Participante e Grupo Focal (GF) realizados com estudantes do Ensino Médio de uma escolapública da cidade de Palmas, TO. Os resultados analisados por meio da estatística descritiva evidenciaram que dos 426 estudantes que responderam o roteiro de perguntas, 98% possuem acesso à internet e 33% permanecem online mais que oito horas diárias. Entre os locais de acesso, a casa foi citada por 80% e a escola por 37%. Ainda, 85% usam a internet para acesso às redes sociais e 41% para pesquisas escolares; 57% disseram que adquiriram conhecimento por meio de aplicativos em computadores e dispositivos móveis e 33% por meio de curso online. A somar, 57 participantes dos GFs apresentaram por meio da análise de conteúdo, modalidade temática,trêsnúcleos, a saber: Escola, espaço para aprender e preparar para o futuro; Mas não só, escola é alcançar voo e Impasses e em passos, construindo novas perspectivas sobre a escola.A Geração Zcompreende a escola como um espaço de construção da aprendizagem, porém não o únicoe, assim, consideram o ambiente virtual também como um espaço de se aprender, construir e reconstruir conhecimento. Dessa maneira, expressam o desejo de serem reconhecidos nesse espaço, bem como que a escola se redescubra no tempo atual. Apreender a percepção dos estudantes sobre a escola na era digital contribui para o repensar a educação a eles direcionada, no sentido de atribuir ao ensino novas linguagens e inovações na relação entre escola, professor e estudante, capazes de modificar a forma de ser, agir e pensar das novas gerações
Título en inglés
The aim of the school under the perspective of adolescentes immersed in digital technology
Palabras clave en inglés
Adolescents
Education
Information technology
Students
Resumen en inglés
The digital age experienced in the contemporary world promotes transformations on how information and knowledge circulate. It also encourages the emergence of new forms of behaviour and experiences. Such process directly affects the new generations and the social production of the subjects, in their own times and spaces, constituting the so-called Generation Z, which are adolescents who present new demands to the institutions of modern life. This situation directly affects the school space, especially when the students are in constant interaction with Information and Communication Technologies (ICTs) that aim to facilitate the communication and exchange of information. Thus, the relationship between the school and these subjects, who firstly seek online spaces to obtain information and perform multiple tasks simultaneously, implies thinking about educational spaces that favour the learning of these students, also considering the specific characteristics presented by them. In light of this, the aim of this research was to apprehendthe meaning of the school to the Generation Z students. For this purpose, a self-administered questionnaire was used as methodology to obtain the sociodemographic profile, the Participant Observation and Focal Group (FG) carried out with high school students from a public school in Palmas, TO.Analysed through descriptive statistics, the results showed that out of the 426 students who answered the questionnaire, 98% had internet access and 33% remained online more than 8 hours a day. Among the access places, the house was mentioned by 80% and the school by 37%. Also, 85% use the internet to access social networks and 41% to school searches; 57% said they acquired knowledge through applications on computers and mobile devices and 33% through online courses. To sum up, 57 participants of the FGs presented through content analysis, thematic modality, three nuclei, which are: School, space to learn and prepare for the future; Learning is taking off; Building new perspectives about the school. Generation Z understands the school as a space of construction of learning, but not the only one, and thus also consider the virtual environment as a space to acquire information, build and rebuildknowledge. In this way, they express the desire to be recognized in this space, as well as that the school gets rediscovered in the present time. To capture the student's perceptions about the school in the digital era contributes to the rethinking of the education directed to them, in the sense of attributing a new language and innovations in the relationship between school, teacher and student, which can be capable of changing the way of being, acting and thinking of the new generations
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
ANAFLAVIACAMPEIZ.pdf (1.57 Mbytes)
Fecha de Publicación
2017-08-01
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2019. Todos los derechos reservados.