• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.22.2011.tde-19012012-133749
Documento
Autor
Nome completo
Vanessa Garcia de Paula
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2011
Orientador
Banca examinadora
Mishima, Silvana Martins (Presidente)
Bava, Maria do Carmo Gullaci Guimarães Caccia
Pereira, Maria José Bistafa
Título em português
Utilização de serviços na atenção básica a satisfação do usuário na saúde da família
Palavras-chave em português
Atenção primária em saúde
Avaliação dos serviços de saúde
Programa saúde da família
Satisfação do usuário
Serviços básicos de saúde
Utilização
Resumo em português
A Saúde da Família, estratégia adotada pelo Ministério da Saúde para reestruturação da atenção à saúde, vem sendo implementada em todo país desde 1994, buscando a mudança do modelo assistencial vigente, porém tem sido identificada a necessidade premente de ações voltadas ao monitoramento e avaliação dessa estratégia. Um dos métodos de avaliação cabíveis nessa situação é a avaliação da satisfação do usuário que é o beneficiado direto da ação de saúde. Assim, este estudo de caráter exploratório-descritivo de abordagem quantitativa tem como objetivo identificar e analisar a utilização de serviços de saúde do Distrito de Saúde Oeste no município de Ribeirão Preto-SP, especificamente: Unidades de Saúde da Família (USF) e o Setor de Pronto-Atendimento da Unidade Básica e Distrital de Saúde (UBDS) de referência distrital, com vistas à duplicação e ao uso simultâneo dos serviços de atenção básica na Estratégia Saúde da Família, como expressão da insatisfação dos usuários. A coleta de dados foi realizada em duas etapas, sendo a primeira de caráter mais extensivo tendo como fonte secundária as Fichas de Atendimento Médico (FAM) do Setor de Pronto-Atendimento da UDS para o mês de julho de 2010. A partir da análise dessas fichas segundo a distribuição territorial de residência dos usuários atendidos e a identificação de sua Unidade Básica de Saúde de referência, os dados da segunda etapa foram coletados. A segunda etapa constou da consulta, nas USF de referência, dos prontuários dos usuários que foram atendidos no Setor de Pronto Atendimento (PA) durante o mês de julho de 2010, identificando se o usuário havia recebido e o tipo do atendimento recebido (se médico ou de enfermagem) em sua USF de referência, o dia e horários deste, visando identificar a duplicação (utilização de mais de uma segunda vez do mesmo serviço para o mesmo problema de saúde) e o uso simultâneo da USF e da UBDS. A partir destes procedimentos se procedeu a análise do padrão de utilização dos serviços de saúde caracterizando a insatisfação do usuário quanto à atenção prestada. Para a análise dos dados coletados utilizou-se o programa SPSS, com o cálculo da frequência simples das variáveis selecionadas. Em um panorama geral observou-se um total de 13.226 atendimentos no mês de julho de 2010 no Setor de PA da UBDS de referência, sendo que 2.197 corresponderam aos atendimentos gerados por usuários oriundos das USF selecionadas para o estudo, sendo 75% desse total referentes a atendimentos médicos e apenas 25% de enfermagem. Dos 2.197 atendimentos demandados por 1.476 usuários, 51,7% foram realizados por mulheres, a faixa etária que apresentou maior percentual entre os usuários foi a de 20 a 30 anos, representando 17,8% do total de usuários, seguida por 15,2% de usuários com idade acima de 60 anos. Em relação ao horário de busca de atendimento em sua grande maioria 59,1% ocorreram no período de funcionamento das USF. Quando isolamos as USF observamos que a USF1 foi o serviço que demandou maior número de atendimentos (25,6%) ao setor de PA da UBDS de referência. Quanto ao uso simultâneo eles representaram 2,5% do total de atendimentos, realizados por 3,5% dos usuários, já para duplicação esse percentual sobre para 6,5% do total de atendimentos, realizados por 3,0% dos usuários. Estudos como este trazem outra perspectiva para avaliar a satisfação do usuário, traduzida na forma de como este pode utilizar o serviço sem precisar verbalizar a sua insatisfação ou satisfação com os serviços de saúde.
Título em inglês
Health service use in primary health care 0 user satisfaction in family health
Palavras-chave em inglês
Basic health services
Family health program
Health service assessment
Primary health care
User satisfaction
Utilization
Resumo em inglês
Family Health, the strategy the Brazilian Ministry of Health adopted to restructure health care, has been put in practice all over the country since 1994, aiming to change the current care model. The urgent need has been identified, however, to take action with a view to monitoring and assessing this strategy. One of the assessment methods proper in this situation is the assessment of user satisfaction, as users directly benefit from health actions. Thus, this exploratory and descriptive study with a quantitative approach aims to identify and analyze health service use in the Western Health District of Ribeirão Preto-SP, specifically: Family Health Units (USF) and the Emergency Sector of the Basic District Health Unit (UBDS), the referral unit in the district, with a view to the duplication and simultaneous use of primary care services in the Family Health Strategy, as an expression of users" dissatisfaction. Data were collected in two phases. The first was longer and used Medical Care Forms (FAM) from the UDS Emergency Sector for July 2010 as a secondary source. Based on the analysis of these forms according to the territorial distribution of the attended users" residence and the identification of their Primary Care Unit for referral, data were collected for the second phase. The second phase involved the consultation, at the referral USF, of the user files attended at the Emergency Sector in July 2010, identifying whether the user had received care and what type (medical or nursing) at his/her referral USF, the day and times, with a view to identifying duplication (use of the same service for the same health problem for more than two times) and the simultaneous use of USF and UBDS. Based on these procedures, the health service usage pattern was analyzed for data analysis, calculating simple frequencies for the selected variables. In a general picture, in total, 13,226 cases were attended in July 2010 at the Emergency Sector of the referral UBDS, 2,197 of which were users from the USF selected for the study, 75% of which referred to medical care and only 25% nursing care. Out of 1,476 users attended in 2,197 sessions, 51.7% involved women. The most frequent age range among the users was between 20 and 30 years, representing 17.8% of all years, followed by 15.2% of users older than 60 years. Regarding attendance time, the large majority, 59.1% occurred during USF opening hours. When isolating the USF, USF1 was the service that demanded the largest number of attendances (25.6%) from the Emergency Sector of the referral UBDS. As for simultaneous use, this represented 2.5% of all sessions, involving 3.5% of users, against 6.5% of all sessions for duplication, involving 3.0% of users. This kind of studies present another perspective for user satisfaction assessment, translated in the way users can use the service without the need to express their dissatisfaction or satisfaction with health services.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2012-02-15
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.