• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tesis Doctoral
DOI
10.11606/T.22.2018.tde-28032018-185945
Documento
Autor
Nombre completo
Caroline Cândido Garcia Leal
Dirección Electrónica
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
Ribeirão Preto, 2017
Director
Tribunal
Leite, Adriana Moraes (Presidente)
Ribeiro, Laiane Medeiros
Jamas, Milena Temer
Silva, Marta Angélica Iossi
Título en portugués
O processo de amamentação e suas implicações na vida da mãe adolescente
Palabras clave en portugués
Adolescente; Aleitamento materno; Enfermagem; Estudo qualitativo; Photovoice
Resumen en portugués
A amamentação possui vários benefícios para a saúde da criança, mulher-mãe, família, sociedade e planeta, se constituindo em uma prática importante. Entretanto, recebe influências sociais, culturais e econômicas que resultam das condições concretas em que a mulher-mãe-nutriz vive e que, na situação especial de ser adolescente, pode resultar no desmame. Este estudo teve como objetivo geral compreender a vivência de amamentação de um grupo de mães adolescentes. Trata-se de uma pesquisa qualitativa com utilização do método photovoice, desenvolvida junto a um grupo de 12 mães adolescentes que compareceram, em consulta puerperal e ou de puericultura, à rede de atenção primária à saúde do município de Ribeirão Preto - SP. Com a aprovação do Comitê de Pesquisa local (CAAE: 50437515.2.0000.5393), a coleta de dados foi desenvolvida entre março de 2016 e fevereiro de 2017. Os dados foram coletados, em grande parte, no domicílio das mães adolescentes, por meio de duas entrevistas (uma estruturada, para caracterização das participantes e outra não estruturada, para investigação da vivência em amamentação) e uma sessão de grupo focal. Os dados foram transcritos e analisados, de acordo com a análise temática indutiva, sob o referencial teórico da Psicologia sócio-histórica de Vygotski. Os resultados foram descritos e analisados em torno de três temas: Construindo sua história em amamentação; Revelando singularidades do cotidiano da amamentação das mães adolescentes; Saberes e práticas construídos pelas mães adolescentes. O cotidiano de amamentação das mães adolescentes é fortemente influenciado pelo apoio de seu meio familiar e social que pode se constituir em fator facilitador ou dificultador da amamentação. A mãe da adolescente é a pessoa mais influente na iniciação e manutenção da amamentação, seguida do pai do bebê, parentes e profissionais de saúde, que ora apoiam ora desestimulam essa prática. Também vivenciam a solidão e/ou desamparo e até o abandono por parte da família ou do meio social. Somam-se as responsabilidades dos afazeres domésticos e dos cuidados com o filho, as dificuldades de permanência na escola e de trabalho fora do lar e a conciliação com a amamentação. O aleitamento materno influencia em necessidades de lazer, sono e repouso. Por outro lado, a satisfação das necessidades de conforto e de higiene e fatores como a calma, paciência e persistência em amamentar facilitaram o cotidiano em amamentação da mãe adolescente. Seus saberes e práticas em amamentação são construídos por meio da observação de mulheres de sua convivência, de experiências anteriores e de informações dos profissionais de saúde, que ora incentivam, ora desestimulam a amamentação. Essa construção está pautada na perspectiva biológica da amamentação. As mães apresentam preocupação com a estética mamária e absorvem as crenças, tradições e o modo de vida de suas culturas familiar e social. Consideramos a necessidade de o enfermeiro dar vez e voz às diversas faces que permeiam o contexto de vida individual, familiar e social das adolescentes, por meio de uma atitude de escuta acolhedora para a construção de vínculo de confiança em toda e qualquer oportunidade de contato com elas, a fim de favorecer a amamentação
Título en inglés
The breastfeeding process and its implications in the life of the teenage mother
Palabras clave en inglés
Adolescent; Breastfeeding; Nursing; Photovoice; Qualitative study
Resumen en inglés
Breastfeeding has several health benefits for child and mother, family, society and planet, being an important practice. However, it receives social, cultural and economic influences that result from the concrete conditions in which the woman-mother-nursing mother lives; and regarding the special situation of being an adolescent, it can result in weaning. This study aimed to understand the experience of breastfeeding in a group of teenage mothers. This is a photovoice qualitative research developed with a group of 12 teenage mothers, who attended the puerperal appointment and/or the childcare visits at the primary health care network in the city of Ribeirão Preto-SP. After the approval of the Ethics Research Committee (CAAE: 50437515.2.0000.5393), the data collection was performed from March 2016 to February 2017. Data were collected largely in the teenage mothers' home, through two interviews (one structured to characterize the participants and the other unstructured to investigate the experience of breastfeeding) and a focus group session. Data were transcribed and analyzed according to the thematic inductive analysis, using as theoretical reference the socio-historical Psychology of Vygotsky. The results were described and analyzed around three themes: Building a breastfeeding history; Revealing singularities of the breastfeeding routine of teenage mothers; Knowledge and practices built by teenage mothers. The breastfeeding routine of teenage mothers is strongly influenced by the support of their family and social environment, which can be a facilitating or difficult factor for breastfeeding. The mother of the teenage mother is the most influential person in the initiation and maintenance of breastfeeding, followed by the baby's father, relatives and health professionals, who can encourage or discourage this practice. They also experience loneliness and/or helplessness and even abandonment by the family or the social environment. The responsibilities of household chores and childcare, difficulties in staying at school and of working outside home and its reconciliation with breastfeeding are faced in this situation. Breastfeeding influences leisure, sleep and rest needs. On the other hand, the satisfaction of the needs of comfort and hygiene and factors such as calmness, patience and persistence in breastfeeding facilitated the breastfeeding routine of the teenage mother. Their knowledge and practices in breastfeeding are built through the observation of women from their coexistence, previous experiences and information from health professionals, who can encourage or discourage breastfeeding. It is necessary for nurses to give voice to the various faces that permeate the individual, family and social life context of adolescents, through a welcoming listening attitude to build a bond of trust in any opportunity to contact them to encourage breastfeeding
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
Fecha de Publicación
2018-05-15
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2019. Todos los derechos reservados.