• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Disertación de Maestría
DOI
10.11606/D.23.2017.tde-06032017-135146
Documento
Autor
Nombre completo
Sávio José Cardoso Bezerra
Dirección Electrónica
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
São Paulo, 2016
Director
Tribunal
Forlin, Taís Scaramucci (Presidente)
Borges, Alessandra Buhler
Raggio, Daniela Prócida
Silva, Patricia Moreira de Freitas Costa e
Título en portugués
Avaliação do efeito anti-erosivo de soluções contendo fluoreto de sódio, cloreto de estanho e alguns copolímeros formadores de filme
Palabras clave en portugués
Erosão dentária
Fluoretos
Polímeros
Resumen en portugués
A erosão é um processo que resulta na perda superficial dos tecidos duros dentários pela ação de ácidos não bacterianos. A associação de copolímeros formadores de filme com produtos fluoretados pode ser uma estratégia promissora na prevenção da erosão. O objetivo deste estudo foi avaliar o efeito anti-erosivo de soluções contendo fluoreto de sódio (F: 225 ppm F-), cloreto de estanho (Sn: 800 ppm Sn2+), copolímeros formadores de filme (Gantrez, PGA, Plasdone e CMC) e algumas de suas combinações. A água deionizada foi utilizada como controle negativo. As soluções foram testadas em um modelo de erosão-remineralização, utilizando espécimes de esmalte e dentina, obtidos de incisivos bovinos (n=10 para cada substrato). A ciclagem consistia de imersão em saliva humana por 2 h, para permitir a formação da película adquirida, imersão em solução de ácido cítrico a 0,3% (pH=2,6), por 5 min, seguida de 120 min de exposição em saliva humana clarificada. Esse procedimento foi repetido 4 vezes ao dia, por 5 dias. O tratamento com as soluções teste foi realizado 2 vezes ao dia, 60 min após o primeiro e o último desafios erosivos, por 2 min. A perda superficial dos espécimes (PS, em ?m) foi avaliada com um perfilômetro ótico e dados submetidos aos testes de ANOVA a 2 fatores e Tukey (?=0,05). Em esmalte, todos os copolímeros isoladamente exibiram uma menor PS quando comparados com a água, com exceção do PGA. Todas as soluções contendo F apresentaram menor PS em relação ao controle. O PGA foi o único copolímero capaz de melhorar o efeito protetor do F. Nenhum dos copolímeros foi capaz de melhorar o efeito protetor do F+Sn. Para dentina, isoladamente, apenas o Gantrez reduziu significativamente a PS quando comparado ao controle. Apesar de todas as soluções contendo F apresentarem menor PS em relação a água, nenhum copolímero foi capaz de potencializar o efeito das soluções contendo F ou F+Sn.
Título en inglés
Evaluation of the anti-erosive effect of solutions containing sodium fluoride, tin chloride and some film-forming copolymers
Palabras clave en inglés
Dental erosion
Fluoride
Polymers
Resumen en inglés
Erosive tooth wear is a process that results in the loss of dental hard tissues, caused by non-bacterial acids. The association between film-forming agents with fluoride products can be a promising strategy to prevent erosion. The aim of this study is to evaluate the anti-erosive effect of solutions containing sodium fluoride (225 ppm F-), stannous chloride (800 ppm Sn2+), film-forming copolymers (Gantrez, PGA, Plasdone and CMC), and combinations thereof. Deionized water was used as a negative control. The solutions were tested in an erosion-remineralization cycling model, using enamel and dentin specimens obtained from bovine incisors (n=10 for each substrate). Cycling consisted of 2 h immersion in human saliva to allow the formation of the salivary acquired pellicle, immersion in 0.3% citric acid solution (pH = 2.6) for 5 min, followed by 120 min of exposure to clarified human saliva. This procedure was repeated 4 times a day, for 5 days. Treatment with test solutions was carried out 2 times a day, 60 min after the first and last erosive challenges, for 2 min. Surface loss (SL, in ?m) was evaluated with an optical profilometer, and data were submitted to 2-way Anova and Tukey tests (? = 0.05). In enamel, all copolymers alone showed lower SL than water, except for PGA. All solutions containing F presented less SL in relation to the control. PGA was the only copolymer capable of improving the protective effect of F. None of the copolymers was able to increase the protection of F + Sn. For dentin, only Gantrez significantly reduced SL when compared to the water. Although all solutions containing F demonstrated less SL compared to control, no copolymer was able to enhance the effect of the solutions containing F or F+Sn.
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
Fecha de Publicación
2017-03-22
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2020. Todos los derechos reservados.