• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.23.2002.tde-04012012-111924
Documento
Autor
Nome completo
Júnio Pereira de Sá
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2002
Orientador
Banca examinadora
Machado, Manoel Eduardo de Lima (Presidente)
Britto, Maria Leticia Borges
Santos, Marcelo dos
Título em português
Morfometria comparativa in vitro do desgaste dentinário do terço cervical de raízes mésio-vestibulares de primeiros molares superiores produzido por instrumentos rotatórios de aço e de níquel-titânio
Palavras-chave em português
Análise morfométrica
Instrumento rotatório de aço inoxidável
Instrumento rotatório de níquel-titânio
Root canal radicular
Resumo em português
No preparo dos canais radiculares, eminentemente os curvos, a abordagem cérvico-apical amplamente difundida promovendo a dilatação da região cervical do canal radicular previamente à atuação de instrumentos em sua região apical constitui técnica e inegavelmente uma forma adequada, tanto do ponto de vista mecânico como microbiológico, de interagir com o espaço endodôntico em busca de uma experiência bem sucedida e previsível. De outra forma, os mais recentes instrumentos endodônticos, muito mais flexíveis em decorrência das novas ligas de baixo módulo de elasticidade empregadas em sua fabricação e dotados de novos índices de conicidade, surgem melhorando tais perspectivas. Desde o surgimento da liga de Níquel-Titânio na Endodontia, na década de oitenta, uma gama imensa de instrumentos desta derivados e para serem empregados com dispositivos mecânicos, eletromecânicos ou pneumocânicos, têm reavivado a esperança de se obter um dispositivo ideal que simulando a cinemática manual supere as limitações operacionais decorrentes, principalmente, da configuração anatômica do canal radicular. Assim, neste experimento verificou-se o desempenho de quatro diferentes recursos técnicos no desgaste da região cervical do canal radicular. Constituíram-se quatro amostras, cada qual composta de 10 espécimes (raízes mésio-vestibulares de primeiros molares superiores), para serem preparadas com (i) Brocas Gates-Glidden, (ii) Brocas Largo-Peeso, (iii) ProFile® .04/.06 & Orifice Shapers e (iv) Pow-R Coronal Shapers. Imagens digitais obtidas antes e após o preparo do canal radicular foram analisadas também digitalmente estudo morfométrico computadorizado avaliando-se a variação das áreas das mesmas em função do desgaste promovido pelos referidos instrumentos. Todos os instrumentos produziram desgaste de ambas as paredes, mesial e distal, do canal radicular na região analisada. A análise estatística das variações de área para o fator parede mesial não mostrou diferenças estatisticamente significantes entre os grupos experimentais para =5%. No entanto quando da comparação dos grupos experimentais para o fator parede distal verificou-se diferenças estatisticamente significantes entre os grupos #1 e #3 para =5%. Ainda, para o fator área total (paredes mesial e distal) verificou-se diferenças estatisticamente signifcantes entre os grupos #3 e #4 para =5%. Concluiu-se que todos os instrumentos testados produzem desgaste tanto da parede mesial como da parede distal do canal radicular e, conseqüentemente, da estrutura dentinária global da região cervical do canal radicular. Por outro lado verificou-se uma tendência da Broca Gates-Glidden em promover maior desgaste da parede distal que o Sistema ProFile® .04/.06 & Orifice Shapers e do Sistema Pow-R Coronal Shapers em promover maior desgaste da estrutura toal que o Sistema ProFile® .04/.06 & Orifice Shapers.
Título em inglês
In vitro morphometric study of cervical third dentin wearing in upper molar mesiobuccal roots after preparation with iron burs and rotary nickel-titanium instruments
Palavras-chave em inglês
Morphometric analysis
Nickel-titanium rotary instruments
Root cana preparation
Stainless steel rotary instruments
Resumo em inglês
Nowadays is common sense among endodontists that in root canal preparation, mainly the curved ones, the crown-down approach enlarging the cervical third prior instrumentation of the apical third regions provides better interaction between the instrument and the canal walls than the conventional methods. Technically it provides an adequate form to achieve the best and predictable results in cleaning and shaping the root canal system. Additionally the most recent nickel-titanium made endodontic instruments more flexible than the stainless steel instruments and the new taper design have been appeared to improve the endodontic panorama. Since the introduction of the nickel-titanium alloy in Endodontics by Walia et al. in 1988 a number of instruments produced by such alloy in conjunction with the engines new generation have brought new perspectives to deal tridimensionally with the still challenger endodontic space. In this study the performance of four different instruments in the root canal cervical third enlargement was evaluated. Four experimental groups comprised by ten upper molars mesiobuccal roots each were prepared by either (i) Gates bur, (ii) Largo bur, (iii) Profile® .04/.06 & Orifice Shapers or (iv) Pow-R Coronal Shapers. Before and after preparation digitally acquired images were evaluated for area changes within both mesial and distal root canal walls. All instruments produced some amount of wear in both walls and the distals have changed more than the mesials in most times probably due an excentric performance of all evaluated instruments. Comparison of root canal walls wearing among the four experimental groups showed no statistically significant differences (=5%) for mesial wall. However, statistically analyze (=5%) showed significant differences between Experimental Group #1 (Gates-Glidden burs) and Experimental Group #3 (Profile® .04/.06 & Orifice Shapers) for distal walls with the first showing greater wearing than the latter. Also, the results showed statistically significant differences between Experimental Group #4 (Pow-R & Coronal Shapers) and Experimental Group #3 (Profile® & Orifice Shapers) for the entire structure i.e. mesial and distal walls with the first showing the greater than the latter wearing . It was concluded that all tested instruments wear so the mesial as the distal root canal walls. Experimental results have showed that in first upper molaras mesiobuccal roots Gates-Glidden bur for distals and Pow-R nickel-titanium instruments for both walls, i.e. the cervical dentin entire structure, are supposed to wear more root canal cervical third dentin than the others instruments which they were compared.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
JunioPereiradeSa.pdf (1.81 Mbytes)
Data de Publicação
2012-02-24
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.