• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
Documento
Autor
Nome completo
Ines Maria Villacis Altamirano
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2018
Orientador
Banca examinadora
Rodrigues Filho, Leonardo Eloy (Presidente)
Medeiros, Igor Studart
Miyazaki, Caroline Lumi
Turbino, Miriam Lacalle
Título em português
Estudo de propriedades de compósitos do tipo Bulk Fill e convencionais em função da profundidade de polimerização e modo de obtenção dos espécimes submetidos ou não a tratamento térmico e protocolo de envelhecimento
Palavras-chave em português
Dureza
Envelhecimento acelerado
Grau de conversão
Resinas compostas
Resinas tipo bulk fill
Resistência à flexão biaxial
Tratamento térmico
Resumo em português
O presente estudo teve como objetivo avaliar as propriedades de dois compósitos convencionais [Charisma Diamond (CD) e Filtek Z250XT (FZ250XT)] e dois do tipo Bulk Fill [Aura Bulk Fill, (ABF) e Filtek Bulk Fill (FBF)] em função da profundidade de polimerização e modo de obtenção (O) dos espécimes submetidos ou não a tratamento térmico (TT, 170?C x 10 min)) e um protocolo de envelhecimento acelerado (C, 150000 ciclos, 14,7 N). Para a obtenção dos corpos de prova em forma de disco (10 mm diâmetro e 1 mm espessura) utilizou-se dois tipos de molde de poliéster (segmentado e não segmentado). Foram fotoativados (1000 mW/cm2 X 20 s) nas espessuras de 2 mm (convencionais) e 5 mm (Bulk Fill.). As propriedades avaliadas foram: Grau de conversão (GC), dureza (KHN) e resistência à flexão biaxial (RFB). A análise estatística do GC % para as resinas convencionais mostrou diferença no fator Condição (imediato 58,8 %, sem TT 24h 66,3 %, com TT 83,8 %), na interação Marca X Tratamento Térmico a CD com TT (88,1 %) > FZ250XT (79,6 %) mas nas outras condições foi semelhante. Quanto às resinas do tipo Bulk, a FBF (73,5 %) > ABF (71,8 %), o GC em função da profundidade diminuiu, os primeiros dois milímetros foram semelhantes 1 mm (77,0 %), 2 mm (77,4 %) > 3 mm ( 72,1 %) e 4 mm (70,8 %), semelhantes entre si, e o 5 mm obteve o menor GC (66,2 %). Comparado o 5 mm, a ABF (61,1 %) < FBF (71,4 %). No fator Condição o GC aumenta em 24 h (70,2 %) comparada com o imediato (61,7 %) e com o tratamento térmico aumenta ainda mais (86,2 %). Com o tratamento térmico, a FBF foi a que obteve o maior aumento (88,4 %), ABF (84,1 %), mas as duas sem tratamento térmico não apresentaram diferença significante ABF (69,9 %), FBF (70,5 %). Os valores de KHN tanto para as resinas convencionais como para as reinas do tipo Bulk Fill variaram em função da marca; resinas convencionais FZ250XT (64,8 KHN) > CD (50,8 KHN) e resinas do tipo Bulk Fill FBF (47,2 KHN) > ABF (33,1 KHN); em função da Forma de Obtenção, resinas convencionais Bloco-topo (61,7 KHN) < Fatia-topo (67,3 KHN), Bloco-base (54,0 KHN) > Fatia-base (48,2 KHN), e as resinas do tipo Bulk Fill Bloco-topo (44,5 KHN) < Fatia-topo (48,1 KHN), Bloco-base (38,0 KHN) > Fatia-base (29,9 KHN); e em função do Tratamento Térmico, resinas convencionais com TT (54,15 KHN) > sem TT (53,23 KHN) e resinas do tipo Bulk Fill com TT (44,4 KHN) > sem TT (35,9 KHN). Quanto à RFB, o fator Forma de Obtenção apresentou diferenças significativas para as quatro resinas; o Tratamento térmico aumentou à RFB nas 4 resinas estudadas, a porcentagem de aumento foi de 16,1 % para a resina CD, de 4,7 % para a FZ250XT, de 14,1 % para a ABF e de 28,3 % para a FBF. Com base nos resultados obtidos, pode-se concluir que: maior grau de conversão conduziu à maior resistência à flexão; O tratamento térmico conduziu a um aumento de todas as propriedades estudadas. A ciclagem mecânica, utilizada como protocolo de envelhecimento, permitiu a diferenciação dos materiais.
Título em inglês
Study of the properties of Bulk Fill and conventional composites in function of the depth of polymerization and the way of obtaining the specimens submitted or not to heat treatment and aging protocol
Palavras-chave em inglês
Aging
Biaxial flexural strength
Bulk fill composites
Degree of conversion
Hardness
Resins composite
Thermal treatment
Resumo em inglês
The aim of this study was to evaluate the properties of two conventional composites [Charisma Diamond (CD) e Filtek Z250XT (FZ250XT)] and two bulk fill composites Fill [Aura Bulk Fill, (ABF) e Filtek Bulk Fill (FBF)] regarding the depth of polymerization and the mode of acquisition (O) of the specimens which were submitted or not submitted to heat treatment (HT, 170 ?C x 10 min) and a protocol of accelerated aging (C, 150,000 cycles, 14.7 N). For the acquisition of the samples in disc format (10 mm in diameter and 1 mm in thickness) two different polyester molds were used (segmented and non-segmented). The samples were light cured in the thickness of 2 mm (conventional composites) and 5 mm (Bulk Fill composites). The properties evaluated were degree of conversion (DC %), hardness (KHN) and biaxial flexural strength (BFS). Statistical analyses of the DC % for the conventional composites showed differences for the factors Condition (immediate 58.8 % < without HT 24h 66.3 % < with HT 83.8 %), in the interaction Brand X Heat Treatment the group CD with HT (88.1 %) was higher than FZ250XT (79.6 %) but for all other conditions the results were similar. As for the Bulk Fill resins, the DC% for FBF (73.5 %) showed higher DC % when compared to ABF (71.8 %). The DC% in function of depth decreased: for the first two millimeters the results were similar: 1 mm (77.0 %) = 2 mm (77.4 %) > 3 mm (72.1 %) = 4 mm (70.8 %), and the 5 mm obtained the lowest DC % (66.2 %). Comparing the 5 mm level among brands, ABF (61.1 %) was lower than FBF (71.4 %). For the factor Condition the DC % increases in 24h (70.2 %) compared to immediate (61.7 %) and with the HT increases even more (86.2 %). With the HT FBF obtained the highest increase (88.4 %), ABF (84.1 %), but both without HT present no statistically significant difference: ABF (69.9 %), FBF (70.5 %). The KHN values for both the conventional composites and the bulk fill ones varied based on the brand; conventional composites: FZ250XT (64,8 KHN) > CD (50.8 KHN) and Bulk Fill resins: FBF (47,2 KHN) > ABF (33,1 KHN); for the mode of acquisition, conventional resins block-top (61.7 KHN) lower than slice-top (67.3KHN), block-base (54.0 KHN) higher than slice-base (48.2 KHN); the bulk fill resins presented the results block-top (44.5 KHN) lower than slice-top (48.1 KHN), block-base (38.0 KHN) higher than slice-base (29.9 KHN); and regarding the HT, conventional resins with HT (54.15 KHN) higher than no HT (53.23 KHN) and bulk fill resins with HT (44.4 KHN) higher than without HT (35.9 KHN). Regarding BFS the factor mean of acquisition presented statistically significant differences for the 4 composites; heat treatment increased the BFS for all resins tested. 16.1 % was the percentage of increase for the CD resin, 4.7 % for FZ250XT, 14.1 % for ABF and 28.3 % for FBF. Based on the results obtained it can be concluded that: the higher conversion rate led to higher flexural strength resistance; the heat treatment led to an increase of all properties evaluated. Mechanical cycling, used as aging protocol, permitted the differentiation of materials.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2019-06-24
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.