• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.23.2013.tde-04072013-163306
Documento
Autor
Nome completo
Maria Carolina Franco Ferreira Ballastreire
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2013
Orientador
Banca examinadora
Fantini, Solange Mongelli de (Presidente)
Stegun, Roberto Chaib
Zanatta, Emilio Carlos
Título em português
Avaliação morfofuncional em pacientes adultos com perdas dentárias posteriores
Palavras-chave em português
Deslocamentos.
Índices
Oclusão dentária
Síndrome da disfunção da articulação temporomandibular
Resumo em português
Um grande número de pacientes adultos têm procurado tratamento ortodôntico, apresentando com certa frequência, diferentes tipos de perdas dentárias, associadas ou não a distúrbios temporomandibulares (DTMs). Objetivou-se neste estudo avaliar a repetibilidade dos deslocamentos das cabeças mandibulares entre relação cêntrica (RC) e máxima intercuspidação habitual (MIH); comparar os deslocamentos das cabeças mandibulares em três grupos, com diferentes padrões oclusais; avaliar a aplicabilidade de dois índices de distúrbios temporomandibulares (Helkimo e RDC-TMD) comparando-os nos referidos grupos. Esses foram constituídos por 15 indivíduos sem perdas dentárias (grupo controle); 11 com perdas resultando em extremo livre (grupo 2), e 19 com perda intercalada (grupo 3). As idades dos participantes variaram entre 18 e 65 anos, de ambos os gêneros, divididos ainda quanto à faixa etária: de 18 até 37 anos e 11 meses e de 38 até 65 anos, sem distinção de gênero. Foram realizados anamnese e exame físico, aplicando-se os índices de distúrbios temporomandibulares, assim como foram medidos os deslocamentos das cabeças mandibulares por meio de Indicadores de posição das cabeças mandibulares (IPC). Observou-se repetibilidade da avaliação dos deslocamentos das cabeças mandibulares, caracterizando a validade do método empregado. Com relação aos deslocamentos, não foi encontrada diferença significativa entre os três grupos. Encontrou-se diferença significativa entre os índices de Helkimo e RDC-TMD, porém esta foi independente ao grupo estudado. Não houve diferença entre a faixa etária do grupo estudado. Confirma-se então, neste estudo, que o tipo de perda dentária não influencia a quantidade dos deslocamentos das cabeças mandibulares, e os índices de distúrbios temporomandibulares diferem quanto aos resultados de sua avaliação.
Título em inglês
Morphofunctional evaluation in adult patients with posterior tooth losses
Palavras-chave em inglês
Dental occlusion
Displacements
Indices
Temporomandibular joint dysfunction syndrome
Resumo em inglês
A large number of adult patients have sought orthodontic treatment, and with a certain frequency, have presented different types of tooth loss, either associated with temporomandibular disorders (TMDs) or not. In this study, the aim was to evaluate the repeatability of displacement of mandibular heads between centric relation (CR) and habitual maximum intercuspidation (HMI); compare displacements of mandibular heads in three groups with different occlusal patterns; evaluate the applicability of two temporomandibular disorder indices (Helkimo and RDC-TMD), and compare them in the mentioned groups. These consisted of 15 individuals without tooth losses (Control Group); 11 with losses resulting in distal extension (Group 2) and 19 with interspersed loss (Group 3). Participants' ages ranged between 18 and 65 years, of both genders, further divided according to age-range: from 18 to 37 years and 11 months and from 38 to 65 years without gender distinction. Anamnesis and physical exam were performed, applying temporomandibular disorder indices, in addition to measuring the displacements of mandibular heads by means of condylar position indicators (CPI). Repeatability of mandibular head displacement was observed, characterizing the validity of the method used. As regards displacements, no significant difference was found among the three groups. Significant difference was found between the Helkimo and RDC-TMD indices; however, this was irrespective of the studied group. There was no difference between the age-range of the studied groups. In this study, therefore, it was confirmed that the type of tooth loss does not influence the number of mandibular head displacements and the temporomandibular disorder indices differed with regard to the results of their evaluation.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2013-08-19
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.